• Instagram do Mãe de Cachorro

    Instagram
  • Receba os posts por e-mail:

    “Convocado pela WSPA- Sociedade Mundial de Proteção Animal, cheguei a Teresópolis dia 27.01.2011 para participar da coordenação do Centro Operacional da organização junto à Faculdade de Medicina Veterinária – UNIFESO em Teresópolis, para socorro aos animais atingidos pela tragédia da região serrana do Rio de Janeiro. Pesou em minha decisão de atender a convocação da WSPA, o fato de que quando SC foi atingida pela tragédia em 2008, a RESA-Rede Catarinense de Solidariedade aos Animais, criada para amenizar o sofrimento dos animais, recebeu ajuda de todo o Brasil, inclusive com ofertas a até a presença de voluntários do RJ e SP. Percebi que havia chegado nossa hora de retribuir a consideração, a solidariedade e o maciço apoio recebido seja na forma de donativos ou de voluntariado. Dia 04.02, juntou-se ao grupo em Teresópolis, Clarice Vianna, Policial Militar aposentada e bacharel em direito, membro da diretoria do Ecosul que entre 2008 e 2009, ainda como Policial Militar deu apoio à RESA-Rede Catarinense de Solidariedade aos Animais na tragédia que se abateu sobre o Vale do Itajaí em SC. No Centro Operacional da WSPA/UNIFESO, alem da disponibilidade de toda a infraestrutura veterinária do campus, são em torno de 25 professores e alunos da 9ª fase de veterinária divididos em equipes de 4 por veículo, sob a coordenação veterinária da Gerente de Veterinária da WSPA, atuando em Teresópolis e Nova Friburgo o dia inteiro sem intervalos para o almoço. Minha função com o assessoramento de Clarice Viana foi organizar e coordenar a logística de recebimento e distribuição de insumos, planejamento dos roteiros das equipes, formatação dos relatórios e planilhas tanto das atividades desenvolvidas, alimentos e medicamentos veterinários aplicados, animais atendidos, diagnóstico e destino, organização de campanhas em postos fixos de vacinação a assistência, entre outras atividades. Estivemos em atividades tanto de campo quanto […]

    Notícias do socorro aos animais na região serrana do RJ

    25 de fevereiro de 2011Notícias, RESA

    “Dia 22.1.2011, uma equipe composta por representantes do Instituto Ecosul e GR3VA-Grupo de Valorização da Vida Animal de SP, circularam pela litoral e parte do Vale do Itajaí, avaliando a situação pós tragédia de 2008/2009 e levantando dados para a elaboração de uma cartilha com orientações básicas aos moradores e representantes públicos, de como proceder com os animais em caso de catástrofes. Infelizmente, a incursão coincidiu com o inicio de mais uma enchente na região, por enquanto de proporções menores do que aquelas de 2008 e por recomendações da Polícia Rodoviária Federal e Bombeiros Voluntários de Navegantes não subimos a pé até o Alto Baú como estava planejado, nos limitando a ir até onde os veículos puderam chegar. A equipe saiu de Florianópolis passando por Tijucas, Itapema, Balneário Camboriú, Itajaí e Navegantes e a chuva incessante já começava a causar danos e desalojar famílias em todas as localidades. A programação previa uma visita a Joinville e Jaraguá do Sul, inclusive para uma avaliação dos abrigos de animais das entidades, pois somente o Abrigo Animal de Joinville conta com aproximadamente 1.500 cães e gatos, mas uma queda de barreira na BR- 101 não permitiu. Em Navegantes, o grupo se reuniu no QG dos Bombeiros Voluntários onde a equipe que havia estado na região serrana do RJ ajudando no socorro às vítimas havia retornado na véspera. O comandante Ricardo relatou a experiência, o quadro de horror encontrado e a participação do grupo nas operações, mostrando o registro fotográfico das ações.  O Comandante ressaltou que a catástrofe da região serrana do RJ é imensamente maior em todos os sentidos do que aquela ocorrida no Vale do Itajaí em 2008. Conjuntamente com os Bombeiros, foi feita uma avaliação da situação na região do Vale do Itajaí, as perspectivas de problemas maiores nos próximos dias […]

    Notícias da situação dos animais assistidos pela RESA nas chuvas em Santa Catarina

    27 de janeiro de 2011RESA

    Notícias recentes enviadas pela Dra. Rosângela Ribeiro, Gerente de Veterinária da WSPA Brasil que está percorrendo as regiões afetadas pela tragédia na região serrana do RJ, com uma equipe de 5 profissionais, entre os quais os Drs. Sérgio Vasquez e Marco Calvo especialistas e coordenação de socorro a animais em desastres da WSPA Costa Rica e de outras iniciativas e parceiros da WSPA Brasil. Halem Guerra Nery Coordenador da RESA-Rede Catarinense de Solidariedade aos Animais Instituto Ambiental Ecosul Fone: 48-9934.0880 Parceiros, Finalmente consegui internet e agora posso contar o que encontramos aqui nos últimos dias. Peço desculpas pela demora, mas ficamos em Friburgo sem telefone e foi bem difícil a comunicação por internet . Encontrei com o Dr. Sérgio Vasquez e Marco Calvo da Equipe de Desastres (que vieram da Costa Rica) no aeroporto do Galeão na terça bem cedo e seguimos para Nova Friburgo. Optamos por esta cidade, pois tivemos informações de que era a cidade mais devastada e que mais precisava de ajuda em relação aos animais. O Dr. Sérgio e Marco Calvo vieram para fazer uma avaliação de toda a situação nas 3 cidades, uma avaliação chamada DANA ( Disaster Assessment Needs Analysis – Avaliação de Desastres Análise das Necessidades) onde são avaliados e contabilizados em números uma série de informações como: quantas pessoas foram afetadas, quantas casas forma desocupadas e que tinham animais, quantas ainda permanecem com animais , quantos animais foram atingidos, quais espécies, quais as reais necessidades de cada espécie, e principalmente como podemos nos organizar para otimizar esta ajuda. Este é um procedimento padrão utilizado em todos os desastres que a WSPA atua. Este procedimento leva cerca de 2 a 3 dias e tem a finalidade de avaliar a melhor estratégia. Logicamente durante esta avaliação (onde fazemos visitas aos órgãos de defesa civil, […]

    Relatos sobre algumas das ajudas enviadas aos animais vítimas das enchentes no Rio de Janeiro

    21 de janeiro de 2011Campanhas, Notícias, RESA

    Notícias sobre a tragédia no RJ. O Ecosul recebeu hoje ligação com pedido de ajuda da Juliana da Combina-Petrópolis, que informou que estava sem internet, telefone fixo e qualquer outro meio de comunicação a não ser seu celular, que o abrigo da entidade estava isolado desde ontem, sem notícias sobre as condições dos animais e sem acesso terrestre para enviar alimentação. Tentamos amenizar sua angústia, informando que as primeiras 48 horas são realmente de caos total, que a WSPA já havia tomado a frente em uma grande mobilização nacional e internacional em socorro aos animais e que nós em SC estávamos integrados nesta nova rede e iríamos fazer a nossa parte. Em seguida a WSPA comunicou que havia contatado com a Juliana e que ela finalmente havia conseguido um helicóptero com o Comandante Geral do BOPE para enviar ração aos animais do abrigo. A WSPA também divulgou a tarde as seguintes informações. Há duas formas de prestar ajuda neste momento: em dinheiro ou em em alimentos e medicamentos veterinários para animais. As doações em dinheiro podem ser feitas por depósito em nome de Defensores dos Animais, no Banco Bradesco, agência 279-8, conta-poupança: 172813-0. Apenas essa conta é a oficial, coordenada pela WSPA. Todos os recursos serão empregados na prestação de socorro e prevenção de doenças em prol do bem-estar dos animais. Doações de ração para cães e gatos e medicamentos veterinários deverão ser encaminhadas para os endereços abaixo para entrega na própria região atingida. A WSPA também fez contato com alguns parceiros para apoio à campanha. O Laboratório Merial doará um lote de vacinas para prevenção da Raiva e Leptospirose, as quais serão encaminhadas para uma clínica veterinária parceira na região de Itaipava. A Pedigree confirmou a doação de 1 (uma) tonelada de ração para cães e gatos. A WSPA […]

    COMO ajudar: Notícias sobre a tragédia no RJ (RESA – WSPA Brasil)

    15 de janeiro de 2011Campanhas, RESA

    Em função da tragédia que se abate sobre os estados do RJ, SP e MG, a WSPA-Brasil está adotando algumas providências imediatas tais como: Mobilização da Gerência de Veterinária para planejamento emergencial de ações práticas em socorro aos animais; Divulgação no site www.wspabrasil.org das organizações que irão coordenar as ações nas regiões bem como formas de envio de ajuda- Conta bancária para doações e endereços para envio de  para donativos na forma de alimentos, medicamentos, materiais de limpeza, entre outros; Presença nos próximos dias do Dr. Sergio Vasquez, veterinário e membro da equipe de Gerenciamento de Desastres para América Latina e da Gerente de Veterinária no Brasil Dra. Rosângela Ribeiro nas regiões críticas para uma avaliação mais detalhada, estabelecendo ações emergenciais; Contato e apoio às entidades filiadas nas regiões atingidas para definição da logística de recebimento e distribuição dos donativos e socorro aos animais em dificuldade; Acompanhamento da situação e correção ou estabelecimento de novas estratégias a partir dos dados e informações recebidas; Neste momento a RESA-Rede Catarinense de Solidariedade aos Animais é reativada, para apoiar em nível regional as ações da WSPA e das demais organizações parceiras, contribuindo com o que estiver ao seu alcance para minimizar o impacto desta imensa tragédia na vida dos animais humanos e não humanos, a exemplo do que ocorreu em SC durante as enchentes e deslizamentos entre novembro de 2008 e fevereiro de 2009. A RESA  estará divulgando dados bancários, endereços para envio de doações, tipo de donativos prioritários, meios de transporte e todas as informações necessárias para que todos que desejarem auxiliar possam fezê-lo. Estas informações estarão disponíveis nos blogs www.maedecahorro.com.br e http://k1-kiko.blogspot.com/, no site www.ecosul.org.br e em outros sites e blogs de organizações parceiras. Tão logo tenhamos informação da conta bancária o Instituto Ambiental Ecosul também estará enviando sua contribuição. Sejamos […]

    Ações da Rede Catarinenses de Solidariedade aos Animais e WSPA Brasil em prol dos animais atingidos pelas tragédias no Rio de Janeiro

    14 de janeiro de 2011Campanhas, RESA

    Recebi do Instituto Ecosul e repasso.Mas antes, queria novamente agradecer a todos os que colaboraram com os animais fazendo doações/trabalhando através da RESA e prestar minha homenagem à figura do Halem Guerra, que mesmo em meio a um drama familiar que culminou no falecimento de sua mãe, enfrentando problemas de saúde e recebendo a notícia do falecimento inesperado de uma grande amiga e ativista da causa animal após descer do Morro do Baú na primeira visita, não deixou-se abater e trabalhou de maneira organizada e incansável para trazer auxílio ao maior número possível de animais durante as tragédias das enchentes e deslocamentos de terra que acometeram Santa Catarina entre 2008 e 2009. Para quem não lembra de tudo que foi realizado, basta digitar RESA na pesquisa do blog. Aproveito também a ocasião para mencionar pela primeira vez a criação da Rede Catarinense de Solidariedade Veterinária, sobre quem falarei novamente em breve, mas que já apresento a vocês.    RESA recebe o 17º Prêmio Expressão de Ecologia 2009  Dia 27.8.2010, durante o Fórum de Gestão Sustentável realizado na FIESC-Federação das Indústrias do Estado de SC em Florianópolis, foi realizada a cerimônia de entrega do 17º Prêmio Expressão de Ecologia 2009. A RESA-Rede Catarinense de Solidariedade aos Animais recebeu o troféu Onda Verde na categoria Bem-Estar Animal. O Prêmio Expressão de Ecologia foi idealizado pela Editora Expressão em 1993, é considerado pelo Ministério do Meio Ambiente o mais importante reconhecimento a ações de preservação das espécies e dos recursos naturais no sul do Brasil e é concedido anualmente a entidades públicas, privadas e não governamentais que se dedicam à preservação ambiental nos estados do Paraná, Rio Grande do Sul e Santa Catarina.  Nestes 17 anos de existência o Prêmio Expressão recebeu 1.521 inscrições de programas ambientais relevantes, com prevalência para a categoria “Educação Ambiental”. Em […]

    Prêmio Expressão de Ecologia 17ª edição – 2009 – Entrega do troféu Onda Verde à RESA

    30 de agosto de 2010Notícias, RESA

    Clique na imagem para ampliá-la. O amigo Halem repassou via e-mail e compartilho com todos a honraria e o convite: Prezado HALEM GUERRA NERY, A Editora Expressão tem a honra de convidá-lo para receber o troféu Onda Verde do 17º Prêmio Expressão de Ecologia em nome do Instituto Ambiental Ecosul, pela conquista da maior premiação ambiental do Sul com o projeto “RESA-Rede Catarinense de Solidariedade aos Animais” na categoria Bem-Estar Animal. A solenidade de entrega dos troféus acontece no dia 27 de agosto de 2010, a partir das 13h30min, durante o Fórum de Gestão Sustentável. A cerimônia será realizada no auditório Egon Freitag, localizado na sede da Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina – FIESC, em Florianópolis (SC), na Rodovia Admar Gonzaga, 2.765, Bairro Itacorubi. (…) Atenciosamente, Rodrigo Coutinho Coordenador do Prêmio Expressão de Ecologia www.expressao.com.br/ecologia Veja a relação completa dos vencedores do 17º Prêmio Expressão de Ecologia Parabéns a toda a equipe da RESA, é uma imensa honra fazer parte deste time tão focado, honesto e competente. ps: Republicação do post do dia 17/8/10 Este artigo pertence ao Mãe de Cachorro Também é Mãe. Plágio é crime e está previsto no artigo 184 do Código Penal.

    RESA (Rede Catarinense de Solidariedade aos Animais) recebe troféu Onda Verde do 17º Prêmio Expressão de Ecologia 2009 na categoria

    23 de agosto de 2010Eventos, RESA

    A todos que ajudaram, trabalharam, doaram através do blog ou de outras maneiras e colaboraram com carinho e agilidade: este prêmio também é de vocês! Parabéns! RESA-Rede Catarinense de Solidariedade aos Animais conquista o 17º Prêmio Expressão de Ecologia 2009 na categoria Bem-estar Animal. A RESA, uma associação entre o Instituto Ambiental Ecosul, a WSPA-Sociedade Mundial de Proteção Animal e Blog Mãe de Cachorro, foi uma mobilização coordenada pelo Ecosul para socorro aos animais atingidos pelas enchentes e deslizamentos ocorridos em Santa Catarina entre novembro/2008 e janeiro/2009, principalmente no Vale do Itajaí e operou entre novembro de 2008 e julho de 2009. Foi montada emergencialmente em Florianópolis uma base de operações com sistema de comunicações em rede de nível nacional através da internet, telefones e fax, disponibilização de locais para recebimento, triagem e distribuição de donativos e sistema de transporte das doações e de pessoal, com veículos locados e de voluntários. Equipes da RESA compostas por membros do Instituto Ambiental Ecosul e da WSPA-Sociedade Mundial de Proteção Animal, acompanhadas dos Bombeiros Voluntários de Navegantes visitaram as localidades atingidas levantando a situação, a quantidade e a espécie de animais em dificuldade em abrigos e nas ruas, planejando e executando a logística de socorro e incursões aos locais críticos, alimentando e assistindo os animais. A RESA arrecadou e distribuiu mais de 60 toneladas de alimentos úmidos (latas e saches), 03 toneladas de ração seca, milhares de vacinas polivalentes e contra leptospirose, além de outros medicamentos, luvas descartáveis, roupas, coleiras, vasilhas e outros utensílios para os animais Em torno de 3.000 bovinos e equinos e 10.000 animais domésticos (cães, gatos, porcos, aves…) foram a óbito e em torno de 30.000 outros foram afetados de alguma forma e dados da RESA contabilizam que tenha sido minimizado o impacto da tragédia na vida de 3.500 […]

    Prêmio Expressão de Ecologia 2009 na categoria Bem-Estar Animal vem para Santa Catarina!!! E para o blog junto!! É nóis na fitaaaaa, mães de cachorro!

    24 de setembro de 2009Eventos, RESA

    Recebi do Instituto Ecosul e repasso (e peço desculpas porque recebi o e-mail dia 24/7, mas como foi bem no dia em que saí de viagem, acabei não o vendo e depois o esqueci no meio da pilha de e-mails que tenho pra responder) : “RESA-Rede Catarinense de Solidariedade aos Animais“ Encerrada a etapa emergencial das ações a RESA-Rede Catarinense de Solidariedade aos Animais divulga abaixo os resultados obtidos que foram fundamentais para o apoio às organizações e protetores independentes das regiões afetadas pela catástrofe que se abateu sobre Santa Catarina entre novembro/2008 e fevereiro/2009, bem como para minimizar o impacto da tragédia na vida de milhares de animais atingidos. O saldo de recursos em espécie será usado para novas incursões de retorno ao Alto Baú, Baú Central e outras regiões atingidas, verificando a situação pós tragédia, apoiando e assistindo ongs e animais que eventualmente necessitem de atenção, bem como para o desenvolvimento de plano de contingenciamento para futuras ocorrências desta natureza e ampliação do projeto “Respeito à todas as formas de vida” nas escolas de ensino fundamental públicas do litoral catarinense. A RESA agradece em nome dos animais, o apoio de todos aqueles que de alguma forma se solidarizaram com o movimento de defesa dos animais catarinense contribuindo para assistir e salvar os animais de todas as espécies durante e após a tragédia. RESA-Rede Catarinense de Solidariedade aos AnimaisFlorianópolis/SC Julho/2009 RESA – Receitas e Despesas Total de Receitas R$ 20.039,50 Despesas Transporte de equipes e donativos R$ 5.233,33 Alimentação equipes R$ 1.039,68 Mão de obra carga e descarga de donativos R$ 2.940,00 Medicamentos R$ 241,88 Comunicação R$ 1.175,00 Hospedagem R$ 515,00 Outros R$ 16,49 Total de Despesas R$ 11.161,38 Doações recebidas e distribuídas: • 61 toneladas de alimentos úmidos para animais • 03 toneladas de ração seca • 1.000 […]

    Prestação de contas da RESA

    4 de agosto de 2009Notícias, RESA
  • Arquivo por data

  • Páginas

  • counter for wordpress
  • Assuntos

    Mãe de cachorro também é mãe!

    Todos os direitos reservados