• Instagram do Mãe de Cachorro

    Instagram
  • Receba os posts por e-mail:

      EXCLUSIVO – Tradução: Ana Corina. Fonte: ASPCA Acho que este é daqueles posts muiiito úteis e fundamentais para ajudar os bichanos e seus humanos de estimação a ter uma vida melhor e mais rica! Ensinar seu gato a passear na guia é uma ótima maneira de fazer com que ele aproveite a vida fora de casa de maneira segura. Excursões fora da segurança da vida indoors podem ajudar a reduzir obesidade e problemas de comportamento relacionados ao tédio que muitos gatos que não são mental e fisicamente exercitados e estimulados desenvolvem. Este tipo de treino também pode ser muito útil em idas ao veterinário ou qualquer outro tipo de passeio/viagem. Antes de começar a ensinar seu bichano a passear na guia certifique-se de que ele está protegido com as vacinas fundamentais. Como treinar seu gato para usar peitoral e a andar na coleira A maioria dos gatos pode ser treinado para passear na guia. Filhotes são naturalmente mais predispostos a aceitar a nova experiência, mas gatos mais velhos podem ser treinados se você tiver paciência. Proceda e avance no treinamento com pequenos avanços, recompensando cada mínimo progresso. Comece a treinar o uso da peitoral dentro de casa e só quando seu bichano estiver totalmente confortável com ela aventure-se com ele na rua. Compre uma peitoral específica para gatos. A parte onde a guia é presa deve estar localizada nas costas da peitoral (e do gato), não no pescoço. Deixe a peitoral e a guia próximas à comida ou local favorito de descanso do seu gato por vários dias. Ele se acostumará a ver os objetos e os associará a momentos de prazer (alimentação/descanso). Segure a peitoral e deixe que seu gato a cheire enquanto oferece petiscos a ele. Depois, coloque a peitoral em redor do pescoço do gato (sem vesti-la […]

    Como ensinar um gato a usar peitoral e guia!

    31 de janeiro de 2013Mãe de Cachorro

    Amorecas e amorecos, estamos chegando a mais um fim de ano, amanhã é aniversário de Jesus e hoje está todo mundo enlouquecido com o lado consumista da data ou tomado de amor e boa vontade para com o próximo (desde que ele não corte nossa frente no trânsito, claro!). Aqui em casa estamos todos bem, as crianças comeram costelas de porco carnudas e cruas de manhã, devidamente degustadas sobre a grama e agora estão pelos cantos mais frescos da casa, deitados no piso geladinho e aproveitando a brisa que vem do mar cheirosa que só. Já eu, estou há um bom par de horas respondendo comentários e e-mails de leitores. E ao buscar um link do Cachorro Verde para indicar a um leitor, achei um post da Sylvia Angélico específico sobre a data de hoje que vocês vão adorar (link abaixo). Tem até receitinha de petisco saudável e gostoso que você pode fazer e também dicas de como aproveitar nossa ceia para caprichar na ceia deles. Com comida de verdade, não com “panetone pra cachorro” (afff!). Leia: Ceia de Natal do Pet Pronto, o post do Cachorro Verde é meu presente de Natal a todos vocês, que bem sabem que sempre procurarei repassar as dicas que trouxerem mais saúde real a nossos peludos. De presente também, seguem as artes que a querida amiga Kátia Rossi fez para o blog. Espero que gostem. Copiem, usem e abusem, só não alterem nada, que daí já é plágio e muito, muito feio, aiaiai! Meu muito obrigada a todos, por cuidarem com zelo dos seus peludos, por estarem sempre no blog buscando o melhor para eles, por repassarem conhecimento, por me ensinarem tanto. Beijo grande e ótimas festas!

    Comidinhas de Natal para seu peludo! + Boas festas para as mamães e papais de cachorro e de gato.

    24 de dezembro de 2012Mãe de Cachorro, Mãe de Gato

    Gente, tem tanta coisa legal no blog que resolvi repetir alguns posts antigos. Divirtam-se! Beijo. ps: post de 19/5/2010 Espere um pouquinho e surpreenda-se! “Também estou feliz em ver você, garoto!” A história acima foi enviada especialmente para nós do Mãe de Cachorro como uma cortesia dos queridos Bruce e Jim do DrawtheDog.com. A Adri Diniz descobriu uma novidade que me deixou simplesmente encantada. Mas tão bonito e detalhista quanto o trabalho fantástico do Draw the Dog foi o post delicioso que ela fez. Assim que li o post lá no AuAuAurélio escrevi para o Draw the Dog, inclusive contando como havia descoberto o site e prontamente o atencioso Bruce Kasanoff me respondeu, veio aqui no blog dar uma passeada (agora ficou mais fácil com o tradutor de idiomas!) e ainda foi gentil o suficiente para escrever “Hi! We would love it if you wrote something about us, yes. I visited your site and we would be proud to be mentioned.” (—> “Oi! Nós adoraríamos que você escrevesse algo sobre a gente, sim. Visitei seu site e ficaríamos orgulhosos em ser mencionados”). Bruce ainda mandou de presente pra gente um cartoon “tradicional” (ao lado), escolhido por ele para a família Mãe de Cachorro! Agora corram lá no AuAuAurélio para saber tudo sobre a dupla responsável por este lindo trabalho! “Não digam ao Chad que ele não é um cão de colo!…”

    Cartoon ao vivo: conheçam o lindo trabalho do Draw the Dog!

    Turma, precisarei ficar um tempinho sem postar pra mudar de servidor e deixar a casa em ordem. Vêm algumas novidades de layout por aí, aguardem.

    ATENÇÃO: o blog vai mudar de servidor!

    23 de junho de 2012Mãe de Cachorro

    Tenha você um amor para comemorar a data hoje ou não, se você tem um PELUDO em sua vida, com certeza terá motivos de sobra para celebrar e muiiiiiiiiiito amor e carinho SEMPRE! Feliz dia dos namorados!

    FELIZ dia dos NAMORADOS <3

    Amores, estou viajando desde 6a feira. Vim conhecer pessoalmente o famoso Cachorro Paraguaio! Para quem não lembra do Paraguaio, ele é um cocker-lata velhinho encontrado atropelado em uma noite fria e chuvosa nas ruas da Estrado do Mar (litoral gaúcho) há uns 5 anos. A idade do lindão é indefinida, mas o amor que ele espalha é bem concreto! Lindo, grandão e “paraguaio”, Joe é um dos cães mais doces que já conheci. Com um beijo bem grande a todos, deixo mais algumas fotos que estou fazendo na viagem. Um ótimo domingo!    

    Papo de Mãe: Fui pra Porto Alegre… tchau!

    3 de junho de 2012Mãe de Cachorro, Viagens

    Quem gosta de animais passa MUITA raiva quando fica sabendo de maus-tratos e a vontade que dá é SOCAR, ESMURRAR, SURRAR as pessoas que os maltratam (a menos que você seja uma pessoa SUPER EVOLUÍDA, claro), certo? Pois então que tal uma dessas aulas para extravasar nossa raiva, ficar em forma e desestressar? Clique no título abaixo e… Conheça sete lutas que transformam o corpo feminino

    Papo de Mãe: Socos e chutes para ficar em forma (e calminha)!

    27 de maio de 2012Mãe de Cachorro

    Neste último mês minha querida amiga Mariana Siebert perdeu dois de seus filhos peludos, o Jet, nosso conhecido de alguns posts aqui no blog, e o Gato. E ontem ela postou no Facebook um trecho desse meu post de 4 de maio de 2010, de uma saudade tão grande que ainda hoje está simplesmente igual há dois anos, quando foi expressa em palavras. Fico feliz pelo texto ter sido relembrado pela Mari, então o reposto, pois ele pode trazer um segundinho de consolo a outras mães e suas saudades… “Parcele a saudade. Ela é insuportável quando deixamos para lembrar tudo num só dia.” Fabrício Carpinejar Hoje li e repassei a frase acima e embora pudesse ser mais um repasse de algo que eu havia achado legal ou interesse e que desejasse compartilhar com meus leitores, algo havia mudado. Passei o dia repensando este sentimento que simplesmente desde muito cedo em minha vida se faz tão presente. Pequenas coisas aconteceram ao longo dos últimos dias, a descoberta do belo trabalho Vira-Latas e toda a memória do Tóto que me acometeu, a proximidade do dia das mães, a frase do Carpinejar no meu Twitter hoje etc. E de repente me dou conta de que conheci o que é sentir saudade quando meus pais se separaram e minha mãe voltou pra Floripa me trazendo junto e tudo que eu mais queria era saber se o meu amado Tóto estava bem e meus dias eram cheios de lembranças do meu melhor amigo, do meu irmão de patas. E então minha mãe cruzou a ponte do arco-íris, se é que os humanos têm esta honra, e voltei a morar com meu Tóto tão amado e de lá para cá minha vida tem sido um sem fim de saudades enquanto assisto pessoas e animais que amei, […]

    Quando a saudade é demais…

    Hoje é NOSSO dia! Dia da mulher que é mãe. Dia do homem que é mãe (e há vários!). Dia da PESSOA QUE CUIDA de outrem. Quem tem um imenso carinho por seu cão ou gato e nunca brincou de chamá-lo de filho que atire a primeira pedra. Mas é fato que cada vez mais pessoas referem-se a seus peludos com esta expressão carinhosa e intitulam-se mães e pais de cachorro e de gato. Desfeita para mães e pais de humanos? Só para quem tiver a mentalidade muito curta. O que faz um pai ou uma mãe é muito mais do que uma palavra, do que um termo. Ser mãe é viver toda uma vida de amor, responsabilidade, cuidados e carinho. E que mãe de verdade não tem em seu coração um espacinho sobrando para mais afeto, ainda que por um peludo? Se você é mãe de cachorro, mãe de gato, mãe que carregou no ventre, mãe que adotou, mãe de seus pais já idosos, mãe de seus afilhados, mãe de caridade etc. Enfim, se você é mulher que cuida com afeto e amor de terceiros, este domingo é o seu dia e o blog Mãe de Cachorro deseja-lhe parabéns. Mãe é quem cuida, quem cria, quem educa, quem diz não, quem impõe limites, quem passa tempo de qualidade junto, quem se preocupa, quem ama. Seja de quem for, como for. Não deixe ninguém diminuir sua condição de mãe apenas por que talvez você não se encaixe no “padrão” que diz que mãe é apenas a mulher que deu à luz. Botar no mundo é fácil, é simplesmente procriar e se isso bastasse para fazer de alguém mãe, não haveria tantas crianças à espera de adoção ou sobrevivendo em famílias disfuncionais. Ser mãe de verdade, educando, cuidando e amando já […]

    Feliz Dia das Mães de Cachorro! Feliz Dia das Mães de Gato!

  • Arquivo por data

  • Páginas

  • counter for wordpress
  • Assuntos

    Mãe de cachorro também é mãe!

    Todos os direitos reservados