• Instagram do Mãe de Cachorro

    Instagram
  • Receba os posts por e-mail:

    Hoje de tarde estarei no programa Falando SC conversando um pouco sobre o tema “Cuidados de Verão”. Quem participa também é a Ioná Araújo, veterinária da pet shop onde faço as tosas do Shoyo, a Patas e Pelos (R. Lauro Linhares, 636 – Trindade, fone: (48) 3222-5247), a Emmanuelle Moraes, do http://www.educadoracanina.com.br/ e o Gustavo, tosador da Clinicão (Av. Madre Benvenuta, 1502 – Santa Mônica, fones: (48) 3233-6464 / (48) 9901-8823). Programa Falando SC TVCOM SC – canal 36 17:00 – Assista ao vivo pela internet visitando o site da TVCOM Reprises no dia seguinte às 10:00

    Entrevista sobre “Cuidados de Verão” no programa Falando SC, HOJE – 17h, na TVCOM (canal 36)

    Todos os perfis que administro nas redes sociais são do blog, não são perfis pessoais meus. Assim, as pessoas que me chamam para amiga no Facebook e no Orkut ou que me seguem no Twitter estão na verdade interagindo com o Mãe de Cachorro. No fim do ano passado reparei no perfil de uma amiga do Facebook que eu não tinha visto ainda, a Jackline Pinto. Dei uma olhada melhor e tive a grata surpresa de ver que ela além de veterinária, é também especialista em florais e autora do livro Florais para Cães, que está sendo sorteado pra vocês em comemoração aos 4 anos do Mãe de Cachorro. Fiz contato com a Jack e abaixo segue a entrevista que resultou dele. Espero que gostem! Para conhecer mais sobre o trabalho dela, basta visitar seu blog no endereço http://www.floraisparacaes.blogspot.com/ Mãe de Cachorro – Dra. Jackline, você é médica veterinária por formação. Como surgiu o interesse pelos florais aplicados aos animais? Dra. Jackline – Sou médica veterinária formada em 1995 e Terapeuta Floral humana, em 2003 iniciei a aplicação dos florais nos animais e, admirada com os resultados, decidi repassar isso a todos, por isso escrevi o livro. MDC – O que são florais e como agem nos organismos de cães e gatos? Dra. Jackline – Os florais de Bach são essências vibracionais de flores, provenientes da Inglaterra, e podem e devem ser utilizadas em qualquer ser vivo. Os florais agem equilibrando as emoções. Equilibra por exemplo raiva em amor; hiperatividade em tranqüilidade; carência em paz no amor… MDC – Quais as linhas de florais existentes? Dra. Jackline – Os florais de Bach possuem 38 essências, sendo 37 retiradas de flores e uma de água em pedra. Na formulação podemos associar até 37 essências. MDC – Como são feitos os florais? […]

    Você conhece o uso dos florais para os peludos? – Entrevista EXCLUSIVA!

    Que delícia assistir minha querida amiga dando entrevista toda bonitinha!!!  Deslumbres à parte, achei super hiper mega interessante o relato da Luli linda sobre como, a partir dos aprendizados adquiridos ao longo do seu caminhar, uma única pessoa gerou um movimento que em seu primeiro ano já castrou 400 animais. Vocês têm NOÇÃO de quantos bichos sofrendo nas ruas a menos isto significa? Segundo o site do calendário, são cerca de 2 milhões de cães e gatos a menos Fico absurdamente feliz com o fato da Luli ter encontrado o Lito do Natureza em Forma, que com lucidez a instruiu a destinar a renda do calendário Celebridade Vira-Lata para castração de cães e gatos. É isso aí, amiga! Educação e castração, sempre! Parabéns mais uma vez e que em 2011 você consiga atingir a meta de castrar 600 peludinhos! Este artigo pertence ao Mãe de Cachorro Também é Mãe. Plágio é crime e está previsto no artigo 184 do Código Penal.

    Calendário Celebridade Vira-Lata no programa Coisa de Amigo, da Simone Abravanel

    Lisonjeada não começa a descrever meu sentimento quando recebi o convite da Renata Faggion para dar uma entrevista sobre leishmaniose visceral no seu CaninaBlog. Os motivos são vários, entre eles a minha admiração pelo estilo de escrita conciso e objetivo da Renata, algo que acho louvável e que não consigo fazer, hehe. Então, para treinar falar escrever um pouco menos, segue o link para ler o post no CaninaBlog: Pelo direito de tratar cães com leishmaniose. Este artigo pertence ao Mãe de Cachorro Também é Mãe. Plágio é crime e está previsto no artigo 184 do Código Penal.

    CaninaBlog: Pelo direito de tratar cães com leishmaniose

    21 de outubro de 2010Entrevistas, Leishmaniose

    Quem acompanha o blog já leu outros posts sobre o trabalho desenvolvido Diretoria de Bem-Estar Animal da Prefeitura de Florianópolis com relação a denúncias de maus-tratos. Agora, um caso recente de resgate de três cães gerou em Florianópolis a discussão do tema novamente. Entrevistei a senhora Maria da Graça Dutra, diretora da Diretoria de Bem-Estar Animal da Prefeitura de Florianópolis, sobre a realidade do órgão e as denúncias de um jornal local sobre uma possível postura de abuso de poder no resgate dos animais já citados. As fotos que ilustram este post são de autoria da pessoa denunciante que registrou o Boletim de Ocorrência e dispensam comentários sobre o estado dos cães. Mãe de Cachorro – Em média, quantas denúncias de maus-tratos a Diretoria de Bem-Estar Animal recebe por semana? Quais os tipos mais comuns de denúncias? Maria da Graça – Recebemos de 10 a 15 denúncias por semana. Em seis anos já retiramos 1.243  animais em situação de maus-tratos. Os casos são todos os descritos pelo Decreto Lei 24645/34. As crueldades mais correntes são: confinamento dos animais em lugares impróprios, acorrentados sem poder se locomover, deixados sem água, comida, privados de sol, luz ou abrigo, negligência de socorro veterinário e as demais crueldades como espancamentos, facadas, tiros, enforcamento, queimaduras etc. São tão infinitas quanto a crueldade de que só os humanos são capazes. MDC – Como é feita a fundamentação de defesa para os casos? Maria da Graça – Nós não temos que nos defender. É bem o contrário, nós denunciamos os autores de maus-tratos. Em casos em que os autores se defendem (eles sim) negando as acusações evidentes ou nos culpando para inverter o foco,  nós temos: laudos veterinários e fotos do local onde os animais viviam. Como a denúncia vem via Delegacia de Polícia, nós devolvemos ao […]

    ENTREVISTA com a diretora da Diretoria de Bem-Estar Animal da Prefeitura de Florianópolis sobre denúncias de maus-tratos a animais

    20 de outubro de 2010Denúncias, Entrevistas

    Ano passado conheci a Luli porque divulguei o calendário Celebridade Vira-Latas, mas foi só este ano, com a vinda do Tiago Ferigoli a Floripa, que ficamos realmente amigas, daquelas de passar horas no msn rindo e falando besteira e de sentir uma empatia tão grande que faz parecer que nos conhecemos há anos. Então desta vez tive a honra de acompanhar de perto a confecção (e os dramas relativos a ela) da nova edição do calendário Celebridade Vira-Latas e é com muito orgulho que divulgo mais uma vez um trabalho simplesmente magnífico em toda sua extensão, de janeiro a janeiro e desta vez com uma novidade, uma super entrevista da Luli pra gente.Boa leitura e boas compras! ;-D Mãe de Cachorro: Como surgiu a ideia do calendário? Quem é a moça por trás do Celebridade Vira-Lata? Luli: “Eu nasci amando os animais e tive a benção da minha mãe ter me proporcionado crescer com eles. Então fui crescendo e pensando em como eu poderia retribuir a felicidade que eles me traziam. Achava pouco só respeitá-los, dar água, comida, banho, cuidar. Via as protetoras se ralando por eles e pensava: ‘Eu não posso fazer isso, meus pais nunca aceitarão e eu vou ter problemas sérios se embarcar na causa desse jeito. Preciso manter administrável a ajuda.’ E seguia pensando. Um dia, comprei um calendário de Goldens Retrievers, lindo e super caro. Eu tinha uma vira-lata, a Magnólia (falecida aos 15 anos em 2004) e pensei na hora, por que não tem um desses de cães SRD? Vou fazer um (isso foi em 2001 ou 2002) e doar o dinheiro arrecadado pra causa!” Mãe de Cachorro: Além da presença do cãozinho adotado no “Projeto Leva Eu” que faz parte do calendário 2011, quais as diferenças desta nova edição quando comparada à de 2010? […]

    Calendário Celebridade Vira-Lata 2011: JÁ à venda! (+ entrevista com a mãe do projeto)

    Êêêê tá muito chique esse Projeto Vira-Latas. O Tiago então… Assistam e me contem depois, porque não tenho NET. Este artigo pertence ao Mãe de Cachorro Também é Mãe. Plágio é crime e está previsto no artigo 184 do Código Penal.

    É hoje às 20h no canal 10 da NET.

    22 de setembro de 2010Entrevistas, Projeto Vira-Latas

    A querida Fúlvia, do nosso velho conhecido Mães com Cães, publicou ontem uma entrevista comigo em seu outro blog, o Canto dos Bichos. Para lê-la clique aqui. Obrigada, querida, pela oportunidade. Beijo e parabéns pelo trabalho de educação desenvolvido nos teus blogs. Este artigo pertence ao Mãe de Cachorro Também é Mãe. Plágio é crime e está previsto no artigo 184 do Código Penal.

    Entrevista sobre o Mãe de Cachorro no blog Canto dos Bichos

    26 de agosto de 2010Entrevistas

    As descobri em fevereiro deste ano e, com muito orgulho da minha parte, elas logo passaram a fazer parte da minha patota internética e têm um trabalho lindo que recém completou um aninho de vida (com uma festa belíssima, como não poderia deixar de ser!)Divertidas, competentes e muito, muiiiito criativas, Ana Carolina e Manoela, do divertido site Cão em Quadrinhos, cederam a entrevista abaixo via e-mail [respondida pela Manoela] e gentilmente fizeram as fotos exclusivas que ilustram este post  para todos os leitores do Mãe de Cachorro. Boa leitura! Mãe de Cachorro – O delicioso Cão em Quadrinhos cresce a cada dia e ganha a fama merecida. Além de “pessoas que amam cães”, quem são a Ana Carolina e a Manoela? Contem alguma coisinha inédita, vai! Cão em Quadrinhos – Bom para começar, além de amantes de cães somos irmãs e designers. Temos um escritório de Design Gráfico e trabalhamos paralelamente com o Cão em Quadrinhos. Somos super caseiras e adoramos estar em família. Eu, Manoela sou super agitada, gosto muito de esportes, principalmente corrida. A Ana já é mais calma e tem uma boa voz, que se estudasse um pouco mais poderia ser cantora! (risos) MDC – “Fotografias de Estimação”. Simplesmente adoro este conceito, acho de uma criatividade imensa. Aliás, criatividade é algo que sobra no trabalho de vocês. Como surgiu a ideia toda do CeQ? Vocês duas são criativas ou uma é mais das ideias e outra das realizações? Gente, que família é essa? hehe CeQ – O Cão em Quadrinhos surgiu sem querer. Fotografando nossos próprios cães fizemos um blog e simplesmente foram disparando os números de acessos e elogios, então vimos a necessidade de melhorar nosso site. Realmente idéias são algo que temos de sobra, muitas vezes são tantas que não conseguimos colocá-las em prática. Algumas […]

    A surpresa chegou! Entrevista exclusiva Cão em Quadrinhos = As fotografias são de estimação, mas a criatividade é de família mesmo!

    17 de agosto de 2010Blogs e Sites, Entrevistas
  • Arquivo por data

  • Páginas

  • counter for wordpress
  • Assuntos

    Mãe de cachorro também é mãe!

    Todos os direitos reservados