• Instagram do Mãe de Cachorro

    Instagram
  • Listas de veterinários

  • Receba os posts por e-mail:

        O site de compras online Westwing Home & Living lançou o e-book “Cookies para cães: um mimo para seu melhor amigo“. E, ao contrário do que o título deixa transparecer, o livro virtual apresenta muito mais do que receitas de biscoitos para cães, como entrevistas com pessoas ligadas ao mundo pet no Brasil e um guia de adoção. E adivinha quem foi entrevistada também? Euzinha!! <3 <3 Mas por que um clube de compras online para móveis e acessórios de decoração faria um material extenso e caprichado sobre cães? Porque eles já conquistaram seu lugar na sociedade e porque estão cada vez mais presentes nas famílias do mundo inteiro. A cachorrada ganha com a exposição cada vez maior na mídia e com o incentivo a cuidados específicos. Em um mundo cada vez mais artificial e processado, apresentar receitas caseiras que as pessoas podem preparar para seus cães é uma forma lúdica de fazer com que elas sejam menos consumistas e também que estejam mais presentes na vida familiar e mais conscientes sobre a importância de uma alimentação natural e saudável na saúde de seus peludos. Boa leitura e para a turminha de patas, bom apetite! Íntegra da entrevista: Westing – Precisava que você nos contasse sua história de amor com os cachorros. Você tem algum? Foram adotados ou comprados? Você costuma fazer biscoitos ou dar biscoitos para eles? Mãe de Cachorro –> Desde que me entendo por gente sou apaixonada por cães. Sempre peguei meus cães diretamente da rua, pois quando eu criança e depois, adolescente, não havia nem venda, nem doação responsável de cães e gatos. Era aquela coisa de pegar da rua, ou ganhar filhotes de algum conhecido. Tenho dois velhinhos, um yorkshire comprado há 12 anos, quando eu ainda não entendia da triste realidade da venda de animais, e uma SRD adotada já idosa, há quatro […]

    Receitas de biscoitos caninos!

    Fazia tempo que eu não dava entrevistas e repassa os convites para ONGs e protetores independentes, mas o grupo RIC Recordo SC está com uma campanha linda, chamada Sou Bem Floripa, e nela está tratando também da questão dos cuidados com cães e gatos.

    Entrevista sobre guarda responsável para o programa Ver Mais, da RIC Record SC.

    Lembram da Revista Au.? Agora ela está em novo formato e continua deliciosa. Fui entrevistada por eles e tá na mão para vocês conferirem. Para ler minha entrevista para a Au., clique aqui. Para ler todos os textos sobre a Au. aqui no blog, clique aqui.

    Revista Au. entrevista: Mãe de Cachorro

    Gente, ano passado usei a auto-hemoterapia para salvar um cão que estava com hematócrito 10% e que já tinha feito 3 transfusões de sangue. Ele tinha todos os cuidados possíveis e impossíveis e só depois da auto-hemo. Fez 7 semanas e hoje está com a saúde 100%. Recomendo ontem, hoje e sempre.  O post é de  2 de junho de 2011, mas acho fundamental dar meu novo depoimento sobre a técnica. Boa leitura (leiam também os comentários) e boa sorte.   *************** Ouvi falar do assunto ao levar uma cadela com sarna demodécica na Dra. Carmen Cocca. A cadela ficou ótima (foi tratada com alimentação natural, própolis, alho cru, cápsulas de ômega 3, homeopatia e auto-hemoterapia) e esqueci do assunto. Só que de repente comecei a ouvir aqui e ali relatos de outras pessoas usando a auto-hemoterapia em cães para combater de erliquiose, a sarna demodécica e cinomose. Opa, hora de pedir um texto para quem conhece o assunto. Espero que seja útil e que ajude muitos de vocês a tratar seus peludos. Gostaria de deixar claro que não recomendo nenhum tipo de tratamento sem o acompanhamento de um bom médico-veterinário. Peço especial atenção para a introdução do texto da Dra. Carmen, onde ela fala sobre a questão das pesquisas científicas. Abaixo alguns trechos, para conferir a íntegra do post do blog HomeoPatas basta clicar no título “Autohemoterapia em animais: pouco uso e muita controvérsia”. “A autohemoterapia é um recurso terapêutico de baixo custo e de simples aplicação, composto da retirada de sangue venoso do paciente, seguido de sua inoculação muscular, no mesmo paciente, momentos depois através de injeção.” –> Ou seja, o sangue é retirado da veia e injetado no músculo do animal, logo em seguida. NÃO é transfusão de sangue! E só pode ser usado com o sangue do […]

    Auto-hemoterapia: A cura através do sangue!

    O super Cachorro Verde tem tratado de outros assuntos além da nutrição de cães e gatos, como excesso de vacinação, homeopatia, comedouros e bebedouros etc. O post que divulgo hoje pra gente traz um pouco sobre a acupuntura em cães, uma terapia milenar tida como “alternativa”, mas que aqui em casa – seja eu o paciente ou um filho peludo – é uma das primeiras opções antes da “tradicional” alopatia, só ficando atrás da homeopatia (a campeã da preferência para peludos e pelados em nosso lar). Um pedacinho deste post delícia segue abaixo pra gente e a íntegra vocês conferem clicando aqui. Boa leitura e um fim de semana excelente a todos! C.V. Em que circunstâncias as pessoas geralmente buscam um médico-veterinário acupunturista? Ricardo Henrique Muitas vezes contamos com a indicação de colegas médicos veterinários e com clientes que nos buscam espontaneamente por já terem sido tratados de forma bem sucedida pela acupuntura. Outros clientes, curiosos e fascinados por verem resultados em outros animais, procuram a terapia com bastante entusiasmo. Há alguns anos, o acupunturista era tido como o “realizador de milagres”, que entraria em ação depois de tudo que o clínico ou o cirurgião pudesse tentar fazer. Hoje essa visão está mudando. A acupuntura, assim como outras formas de terapia, está deixando de ser rotulada como uma MEDICINA ALTERNATIVA, e está conquistando o título de MEDICINA COMPLEMENTAR. A diferença na designação é essencial para que ela deixe de ser a última alternativa e seja um tratamento a ser integrado a todos os outros tratamentos de que o paciente necessite. (post de 2010)

    Acupuntura… Entrevista com um veterinário especialista!

    Óóóó que amor, Shoyo e Javinha bem lindões ilustrando a matéria, amores da mãe! Quero ver todo mundo conferindo a edição 11 da Revista Meu Pet, ok? Já nas bancas! Agradeço à jornalista Fátima pelo convite de expor o trabalho das “blogueiras pet” e do nosso (meu e de VOCÊS!) blog! Afinal, o Mãe de Cachorro e o Mãe de Gato só existem em função dos leitores e dos peludos ajudados pelas informações repassadas, né? Beijo para todos que ajudam a divulgar o blog, seus textos e suas redes sociais, para a amiga Kátia Rossi, que tanto me ajuda com o Facebook e o Twitter e para a Natália Brasil, que fez o petbook dos meus amados em janeiro deste ano.

    Mãe de Cachorro na Revista Meu Pet de junho!

    18 de junho de 2013Entrevistas, Mãe de Cachorro

    No dia da mulher, 8 de março, recebi o e-mail abaixo da querida Luiza. Na correria da vida, fui deixando a pauta no meio a tantas outras, até que semana passada me mexi e mandei à Luiza algumas perguntas e o pedido de algumas fotos para ilustrar o post. Quem respondeu à entrevista foi a senhora Rita Grotto, gerente do SAC do Hospital Albert Einstein. É ela quem lidera as ações do Planetree no hospital e para quem quiser saber mais sobre a certificação Planetree, basta clicar aqui. De: Luiza Ramos Spinelli <luiza.spinelli@einstein.br> Para: “‘anacorina@maedecachorro.com.br’” <anacorina@maedecachorro.com.br> Enviadas: Sexta-feira, 8 de Março de 2013 14:47 Assunto: Hosp. Albert Einstein | Onde os cachorros podem visitar seus donos Oi Ana, tudo bem? Meu nome é Luiza, sou do núcleo de Mídias Digitais do Hospital Albert Einstein, em São Paulo. Você deve estar se perguntando porque um hospital a procuraria. O Einstein é certificado e segue os princípios da filosofia Planetree, uma respeitada organização americana que certifica Instituições de Saúde quando o assunto é humanização no atendimento. Esta filosofia tem diferentes atuações, sempre com foco na humanização, estimulando o maior contato físico entre médico e paciente, ambientes confortáveis no meio hospitalar, acesso a informação, terapias complementares ao tratamento e também a presença de animais de estimação. Para nós, enxergar cada detalhe da vida do paciente também faz parte do tratamento e contribui para a cura. Pensando nisso, e seguindo os preceitos do Planetree, um de nossos pacientes, Sr. Baruch Chachamovits,  recebeu uma visita especial: o seu cachorrinho Nick. Nós filmamos esta visita, e decidimos compartilhar com você. O endereço do vídeo é http://www.youtube.com/watch?v=FMAUVvLzYA4 Espero que goste! Um abraço, Luiza Spinelli Mídias Digitais | Hospital Israelita Albert Einstein Mãe de Cachorro – Para que outros hospitais possam seguir este exemplo louvável do Einstein, é […]

    ENTREVISTA: Hospital Albert Einstein, onde os cachorros podem visitar seus donos.

    17 de abril de 2013Entrevistas

    O veterinário australino Tom Lonsdale é leitura mais do que obrigatória para qualquer pessoa – principalmente para colegas de profissão – que tenha o mínimo de pretensão de aprender mais sobre nutrição de cães e gatos. Mesmo que a dieta final escolhida não seja a proposta por ele – essencialmente crua, sem exceções – o autor dos livros Work Wonders e Raw Meaty Bones é referência em alimentação saudável para cães e gatos no mundo todo. Já nos correspondemos há algum tempo, mas só agora tive a ideia de entrevistá-lo para o Mãe de Cachorro. Boa leitura! **** Mãe de Cachorro – Por que oferecer alimentos crus para cães e gatos? Tom Lonsdale – “A espécie humana é a única que cozinha sua comida. E ainda assim não entendemos totalmente os prós e contras do cozimento. Entretanto, para todas as outras espécies a dieta biologicamente apropriada é a crua, sem exceções. Embora caninos e felinos possam compensar e comer alimentos cozidos, o melhor teste é comparar o que acontece quando animais alimentados com dietas cozidas/industrializadas passam a receber uma dieta crua. A mudança no comportamento e no bem-estar geral do indivíduo é notável e surpreendente. Agora faça o contrário e tire este cães e gatos da dieta crua e ponha de volta na dieta cozida/industrializada e em cada instância de saúde e em outros parâmetros haverá um declínio.” Mãe de Cachorro – Há quantos anos o senhor começou a estudar a alimentação crua para cães e gatos, a oferecê-la para seus animais e a recomendá-la para seus clientes no consultório veterinário? Tom Lonsdale – “Faz mais de vinte anos que acordei para o assunto. Publiquei meu primeiro trabalho sobre o tema (http://rawmeatybones.com/No_3128.html) em dezembro de 1991.” Mãe de Cachorro – O senhor tem pacientes que estão vivendo mais do que […]

    EXCLUSIVO: Entrevista com o veterinário australiano Tom Lonsdale, um dos precursores da Alimentação Natural e Crua para cães e gatos.

    Este ano eu tive a alegria de ver duas das minhas paixonites de patas fazendo sucesso no Calendário Celebridade Vira-Lata. Primeiro a Laurinha, por quem caí de amores em junho passado, no mês seguinte a Annie minha afilhada que eu já conhecia há mais tempo via internet, mas que também conheci ao vivo no mesmo dia, na festa de aniver do Cachorro Verde, em 2011. Eu havia sugerido as duas e mais o Guará, mano adotivo da Laurinha, para estarem presentes no Calendário e fiquei muito feliz quando soube que duas das minhas três sugestões haviam emplacado. E mais feliz ainda quando só dava LAURINHA, LAURINHA, LAURINHA por todos os lados. E sabem por quê? Por que a Laurinha, adotada e sem uma perninha, representa a REALIDADE de inúmeros animais que ficam mofando à espera de um lar, muitas vezes a vida inteira. Foi por conta dela e de outras adoções especiais que criei a seção Finais Felizes, que é um sucesso aqui no blog. Para que possamos incentivar mais e mais pessoas a adotar animais adultos e/ou com alguma deficiência. E para isso também que criei estava entrevista com a Laurinha linda, gentilmente traduzida para a nossa língua pelo seu papai, o querido Mano Fowler! Divirtam-se! EXCLUSIVO: Mãe de Cachorro: Laurinha, como foi virar uma Celebridade Vira-Lata? Laurinha: Bom tudo começou com a vinda da tia Ana Corina para o aniversário de 3 anos do Cachorro Verde. Como meus pais deram carona para ela ir ao local da festa, eu fui no colo da tia Ana Corina e la literalmente se apaixonou. E por pouco não me “sequestrou” para ir para Florianópolis. Como a tia Ana estava hospedada na casa da Luli Sarraf, idealizadora do Calendário Celebridade Vira-Lata houve uma forte campanha para minha participação. E deu certo, fui […]

    ENTREVISTA: Laurinha, uma Celebridade Vira-Lata!

  • Arquivo por data

  • Páginas

  • counter for wordpress
  • Assuntos

    Mãe de cachorro também é mãe!

    Todos os direitos reservados