• Instagram do Mãe de Cachorro

    Instagram
  • Listas de veterinários

  • Receba os posts por e-mail:

    (post de setembro de 2011) Já havia aprendido que há mais de uma dezena de tipos de sangue de cachorro, mas não sabia como funcionava o sistema dos bancos de sangue. Até que uma conversa via Twitter com o pessoal do KURTCÃO me levou a conhecer melhor o assunto e pedi a eles que me avisassem quando escrevessem sobre ele. Pedido feito, pedido atendido. Confiram abaixo um trecho do texto “Por que eu tenho que pagar uma bolsa de sangue, mesmo levando um doador?” e cliquem aqui para lê-lo na íntegra. Leia também: O pitbull doador de sangue que é um HERÓI! Doação de sangue para cães e gatos Tudo sobre doação de sangue (bem didático) “Para um cão ser doador deve preencher os pré-requisitos: ter mais de 25 kg; ser vacinado e vermifugado; controle de ecto e endoparasitas; ser dócil;ter entre um e oito anos de idade e não ter passado por procedimento cirúrgico recente (menos de três meses). Os animais com peso inferior a 25 kg não podem ser doadores devido ao volume de sangue necessário para o procedimento, pois utilizamos a mesma bolsa que a Medicina Humana, onde o volume coletado é de 450 mL. Ao se enquadrar nos pré-requisitos o cão ganha uma consulta, não apresentando nenhuma alteração no exame físico e/ou clínico, será coletado uma amostra de sangue para realização de mais de 15 exames laboratoriais para descartar as principais doenças que são transmitidas pelo sangue. Isso traz benefícios para o doador, pois realiza um check-up. Se alguma alteração for detectada nos exames, o animal é encaminhado para o veterinário clínico para um diagnóstico preciso e um tratamento adequado. Doadores assíduos (que freqüentam banco de sangue a cada dois a três meses) possuem uma maior possibilidade de diagnosticar enfermidades em um período precoce apresentando uma […]

    Como funciona o sistema de bolsas de sangue para cães?

    11 de abril de 2013Doação de sangue, Saúde

    Vocês acham que só os grandões doam sangue e ajudam seus AUmiguinhos? Conheçam a história do Echol, um basset hound fofo e solidário que ajuda a salvar vidas no Rio Grande do Sul! A Karen, mãe do Echol, deixou comentário no Facebook sobre o post Como funciona o sistema de bolsas de sangue para cães? e pedi a ela que nos contasse um pouco do seu cão doador, para que outras pessoas possam se animar a fazer o mesmo! Se você tem um cão doador de sangue e quer nos contar sua história, envie o relato com fotos para anacorina@maedecachorro.com.br.  De: Karen Winterle Para: anacorina@maedecachorro.com.br Enviadas: Quinta-feira, 15 de Setembro de 2011 10:51 Assunto: Cãe doadores de sangue – Porto Alegre Oi, Ana Corina! Há algum tempo atrás, uma amiga estava em desespero porque a mascote do seu filho, um cão da raça labrador, estava muito doente e precisando de cães que pudessem doar sangue para as transfusões. Entrei em contato com o LACVet – Laboratório de Análises Clínicas Veterinárias da UFRGS, para me informar melhor do procedimento. Levei meus dois cães, Echol e Leopoldo, mas somente o Echol se enquadrou nas exigências para a coleta. Leopoldo, tadinho, foi considerado obeso só pela apalpação, mas até hoje me questiono se ele realmente não estaria apto a doar sangue, visto que todo basset hound "veste um casaco" muito maior do que necessita, ou seja, sobram dobras de pele. :p Echol, apesar de mais pesado, tem a musculatura mais aparente. Echol foi submetido à coleta de sangue para realizar o hemograma, e fiquei passeando com eles pelo campus da universidade enquanto aguardava o resultado. Feito isso e com a aprovação do exame, Echol foi conduzido uma sala, onde pacientemente observava os procedimentos que faziam nele para a coleta, que trancorreu na mais […]

    Echol, o basset hound doador de sangue!

    22 de setembro de 2011Doação de sangue

    Já falei aqui sobre banco de sangue para cães e gatos, mas volto ao assunto devido a um vídeo que a querida Ana Paula Luckman me enviou sobre um boxer doador. Ela, além de mãe de cachorro, é mãe de boxer, então o vídeo a agradou duplamente. E a danada me fez uma perguntinha que eu simplesmente não tinha ideia de como responder, então corri pra estudar: “É verdade que os cães da raça boxer são doadores universais?“. E agora???Bem, pesquisei bastante na net sobre boxers serem doadores e achei somente que: Achei quem goste de utilizá-los como doares porque são calmos e grandes, suportando bem as retiradas de sangue que podem ser até mensais e porque possuem veias fáceis de serem encontradas; Há treze tipos de sangue canino, mas apenas seis são considerados principais, sendo que 42% dos cães compartilham o mesmo tipo de sangue, que é considerado “universal”; Os tipos sanguíneos não dependem das raças, assim um pastor alemão pode doar sangue a um poodle, por exemplo; Achei até que cães podem ter mais de um tipo de sangue!; Os cães têm seis principais tipos sanguíneos e um cão pode ser considerado doador universal se tiver sangue DEA1.1, DEA 1.2, DEA 7- e DEA 4+; O doador ideal deve ter entre 1 e 7 anos, ser tranquilo e sociável, de porte grande ou gigante e possuir o tipo sanguíneo “universal” (além de ser saudável e não tomar medicamentos). Só que pesquisando para responder à Ana também achei um vídeo que me emocionou imensamente. Ele conta a história de Cassius Clay, um pitbull enorme e querido que doa 500ml de sangue a cada três meses e que fica calmamente parado durante todo o processo e sem usar focinheira. A generosidade dele já salvou vários outros cães e inspiriou outros […]

    O pitbull doador de sangue que é um HERÓI!

    12 de março de 2009Doação de sangue, Saúde, Vídeos

    JesusMariaJosé, esta eu não conhecia: há treze tipos de sangue de cães!! Vivendo e aprendendo… E eu tampouco sabia que há banco de sangue para animais. Aqui em Floripa já vi vários casos de transfusão, mas sempre com um cão que foi trazido por alguém para fazer a doação para um caso específico ou que é às vezes até mesmo do próprio veterinário que está tratando do animal que precisa de sangue. Foto: G1 / Daigo Oliva Então clique aqui e aprenda também sobre mais esta novidade (bom, ao menos para mim foi novidade). Sou doadora de sangue, de medula, de órgãos e do que mais for possível para ajudar e adorei saber um pouco mais sobre transfusões para cães e gatos.

    Doação de sangue para cães e gatos

    26 de fevereiro de 2009Doação de sangue, Gatos, Notícias, Saúde
  • Arquivo por data

  • Páginas

  • counter for wordpress
  • Assuntos

    Mãe de cachorro também é mãe!

    Todos os direitos reservados