• Instagram do Mãe de Cachorro

    Instagram
  • Receba os posts por e-mail:

    Correr atrás do rabo Perseguir o próprio rabo pode ser uma maneira divertida de gastar energia, mas também pode ser sinal de que o animal tem problemas na glândula anal, ou alergia a pulgas, o que o faz tentar alcançar a parte traseira do corpo, seja para se lamber ou se coçar. Clique aqui para continuar a ler. E mais: jantar beneficente em Floripa! Clique no cartaz!

    Por que cães correm atrás do próprio rabo? E outras curiosidades caninas!

    Você pode optar em usar modelos de guias longas para deixá-lo mais livre em áreas de menor risco, mas nos trajetos mais urbanizados, manter a guia mais curta é fundamental para a segurança de todos. Segurança Usar coleira e guia para passear com nossos cães é muito importante. E não apenas para a segurança deles, mas também para a de outros animais que eles podem perseguir e atacar (gatos, cães, pássaros etc.), e de pessoas, que podem se assustar e/ou reagir mal. Continue a ler clicando aqui.

    Usar coleira e guia para passear com nossos cães é muito importante.

    Visitantes podem dar carinho e atenção para cães e gatos que esperam por uma família. Cão Terapia O projeto Cão Terapia é organizado pela Organização Bem-Animal (OBA), em parceria com a Diretoria do Bem-Estar Animal de Florianópolis (DIBEA), desde 2007 e nasceu em razão da necessidade de exercitar, distrair e socializar os animais retirados de maus-tratos pela Diretoria de Bem-Estar Animal para prepará-los para adoção. O contato com as pessoas é essencial para diminuir o trauma dos animais, pois menos estressados e mais confiantes terão mais chances de serem adotados. Continue a ler clicando aqui.

    Cão Terapia promove arraial para os bichinhos em Florianópolis.

    O frio chegou com tudo e é tempo de reforçar os cuidados com cães e gatos. E mais: dois eventos de adoção de peludos agitam o final de semana na Grande Florianópolis. Frio! Quando o inverno chega, é hora de dar atenção também a nossos amigos peludos. Obedecendo a alguns cuidados você ajuda seu pet a passar uma temporada de frio mais segura e aconchegante. Com temperaturas mais baixas e menor umidade, este é um período de mais alergias e distúrbios respiratórios. Continue a ler clicando aqui.

    Cuidados de inverno e eventos de adoção na Grande Florianópolis são o tema da coluna desta semana.

    Clique na imagem para ler a coluna. Pais e alunos do Colégio Adventista do Estreito realizarão evento de conscientização sobre maus-tratos praticados contra animais neste final de semana em Florianópolis. Educação Por meio do projeto interdisciplinar Educação + Segura, o Colégio Adventista do Estreito está abordando com seus alunos o tema dos cuidados e do respeito aos animais. Segundo Nara Falcão, coordenadora pedagógica da instituição, a escolha do tema aconteceu graças à intensa exposição de situações absurdas de maus-tratos praticadas contra animais, que as crianças acompanham pela mídia e mesmo em seu cotidiano. Continue a ler clicando aqui.

    Neste domingo tem Cãominhada com ação educativa no Parque de Coqueiros!

    Saber quais as necessidades específicas dos cachorros idosos nos ajuda a mantê-los saudáveis e ativos por mais tempo. Velhinhos Cães geralmente são considerados idosos a partir dos sete anos de vida, mas o estado geral da saúde do pet e seu estilo de vida influenciarão positiva ou negativamente no processo de envelhecimento. Continue a ler clicando aqui.

    Cuidados com cães idosos: invista nos estímulos mentais.

    Muitas doenças não apresentam sintomas até estarem em estágio avançado. Em outras situações, a ajuda deve ser precisa e imediata. Por essas e outras razões, é extremamente importante consultar bons veterinários para diagnosticar males em nossos pets. Veterinários Por ter uma forte presença na internet com meu blog, o Mãe de Cachorro Também é Mãe, e por meio de suas redes sociais […] Leia mais clicando aqui.

    Seu pet está doente ou estranho? Procure um veterinário, não a Internet ou um atendente de loja.

    Santa cúrcuma Nativa da Ásia, a cúrcuma (Curcuma longa), também conhecida como açafrão da terra, é membro das raízes da família do gengibre. Na sua forma natural, lembra gengibre pintado na cor laranja. Depois de cozida e desidratada, a raiz é transformada em pó. Sua cor é tão intensa que a cúrcuma tem sido usada como tinta natural ao longo dos séculos. Hoje, ela é um dos principais ingredientes do curry, condimento indiano. Além de ser saborosa, contém várias propriedades medicinais que fazem bem à saúde de pessoas e também dos cães. Propriedades Na Ásia, a cúrcuma é muito utilizada como antisséptico em cortes, queimaduras e machucados, como agente bactericida e para alívio estomacal. No Paquistão, a usam como antiinflamatório e para ajudar quem tem síndrome do intestino irritável e outros transtornos digestivos. Recentemente, cientistas da Fundação de Apoio à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp), divulgaram o uso da cúrcuma misturada à água na luta contra a dengue, matando larvas do mosquito. Na Ásia, ela também é usada contra infestações de formigas. Medicina A cúrcuma também tem sido estudada na prevenção e no tratamento de Alzheimer, câncer e artrite. Atualmente o governo norte-americano tem dezenove estudos clínicos sobre os benefícios e propriedades da cúrcuma sendo conduzidos no National Institutes of Health. Mas o que tem seu cachorro e gato a ver com isso? Tudo! Se quiser aproveitar os benefícios desse pó que é um presente da natureza para a saúde, basta incorporar a cúrcuma na alimentação regular, seja na sua, ou na dos peludos. Saúde O uso regular da cúrcuma contribui com antioxidantes importantes e com fitonutrientes capazes de desintoxicar o fígado, estimular a imunidade, proteger contra fungos e estabilizar as taxas de açúcar no sangue, em pessoas, cães ou gatos.  Para potencializar suas propriedades antiinflamatórias, adicione sobre […]

    A cúrcuma, ou açafrão da terra: um tempero maravilhoso para a saúde de cães, gatos e pessoas.

    Manter o hálito de nossos cães fresco é possível, basta observar alguns cuidados com alimentação e limpeza. Bafo Ter mau hálito é um sinal de que há algo errado com a saúde do seu cachorro. Dentes e/ou gengivas doente […] Leia mais em: http://ndonline.com.br/florianopolis/colunas/mae-de-cachorro/251700-mau-halito-nao-e-normal-dicas-para-manter-a-boca-do-seu-cao-fresquinha-e-refrescante.html.

    Mau hálito não é normal: dicas para manter a boca do seu cão fresquinha e refrescante!

  • Arquivo por data

  • Páginas

  • counter for wordpress
  • Assuntos

    Mãe de cachorro também é mãe!

    Todos os direitos reservados