• Instagram do Mãe de Cachorro

    Instagram
  • Receba os posts por e-mail:

    Recebi e repasso! Após a confirmação de 11 casos caninos da doença, capital passou a ser considerada “Vulnerável à Leishmaniose” Como parte de um trabalho de vigilância e prevenção, Médicos Veterinários da MSD Saúde Animal realizarão um ciclo de palestras sobre Leishmaniose Visceral, tendo como público-alvo os moradores dos condomínios da cidade de Goiânia/GO, já que a cidade passou a ser considerada “Vulnerável à Leishmaniose”, depois de confirmados 11 casos da doença nesse mês. Os profissionais estarão à disposição para conscientizar os proprietários de cães sobre essa grave doença de saúde pública, além de explicar a importância das medidas de prevenção, como, por exemplo, o uso de coleiras impregnadas com deltametrina a 4% nos cães, princípio-ativo repelente e inseticida, recomendado pela Organização Mundial da Saúde como uma das ferramentas de combate à doença. A leishmaniose é transmitida, principalmente, através da picada de um mosquito conhecido popularmente como “mosquito palha”. O cão tem um importante papel na manutenção da doença no ambiente urbano visto que pode permanecer sem sintomas mesmo estando doente. Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), a leishmaniose visceral registra anualmente 500 mil novos casos humanos no mundo com 59 mil óbitos. Quando não tratada, pode evoluir para óbito em mais de 90% das ocorrências. Na América Latina, ela já foi detectada em 12 países e, destes, cerca de 90%dos casos acontecem no Brasil, onde, em média, 3.500 pessoas são infectadas e o número de óbitos é de aproximadamente 200, anualmente. Acompanhe as datas e locais das palestras sobre prevenção à leishmaniose: Dia 29 de julho: palestra no Condomínio Granville Dia 30 de julho: palestra no Condomínio Jardins Florença Dia 06 de agosto: palestra no Condomínio Viena Este artigo pertence ao Mãe de Cachorro Também é Mãe. Plágio é crime e está previsto no artigo 184 do Código […]

    População de Goiânia receberá informações de como se prevenir da leishmaniose

    27 de julho de 2011Campanhas, Eventos, Leishmaniose

    Adorei, adorei, adorei! Achei a novidade lá no Nosso Armário, da amiga querida Julia Morales! Cliquem aqui para conferir o post da Julia e entender a ação da Diálogo Design!

    Não vire um Cara de Cocô: junte as cacas do seu peludo!

    26 de julho de 2011Campanhas

    Está circulando no Facebook a foto de uma correspondência de uma entidade de classe de São Paulo onde propõe-se “angariar esforços e ações conjuntas em prol do rebate – ou readaptação – do mencionado projeto de lei”. Para quem não sabe, o que está deixando atravessadores vendedores de filhotes em polvorosa é o texto do PL 477/10, do vereador Roberto Trípoli, que “proíbe a apresentação de animais em várias situações na cidade de São Paulo, e veda a distribuição deles como brindes e sorteios”. Parte do texto da carta alucinada que pede união dos lojistas contra o PL que trata animais como VIDA e não como MERCADORIA, chegaria a ser cômica, se não fosse trágica: “Dada a potencial gravidade do tema, pedimos a V. Sa. uma análise mais minuciosa sobre os fatos aqui apresentados. Se aprovado sob o formato em que hoje consta, o PL nº 477/10 pode e VAI interferir de forma drástica sobre as empresas do setor pet.”. Traduzindo: SENHORES GIGOLÔS DE CÃES E GATOS que vivem de lucrar absurdamente com a exposição insalubre e a venda de vidas como se fossem mercadoria inanimada, uni-vos, porque estão propondo o ABSURDO DE CONSIDERAR O BEM-ESTAR DOS ANIMAIS que nós, atravessadores e vendedores de filhotes, TÃO BEM EXPLORAMOS com sucesso há anos e anos. Realmente, senhoras e senhores, dada a potencial gravidade do tema, venho aqui pedir a TODAS AS PESSOAS DECENTES E COM UM MÍNIMO DE SENSIBILIDADE EM SEUS CORAÇÕES, que APOIEM O PROJETO DE LEI Nº 477/10 clicando aqui e deixando comentários de apoio à defesa dos animais e de repúdio às ações de quem só quer LUCRAR em cima do amor e do desconhecimento de pessoas que querem um filhote de cãe e gato, mas que desconhecem os absurdos da indústria que alimenta tais estabelecimentos. PET SHOP […]

    Pet Shop legal NÃO vende animal! Ajude a combater o movimento das pet shops de São Paulo que querem continuar expondo filhotes em vitrines insalubres!

    25 de julho de 2011Campanhas, Denúncias, Leis

    Este artigo pertence ao Mãe de Cachorro Também é Mãe. Plágio é crime e está previsto no artigo 184 do Código Penal.

    Dicas da Mari: Quem muito fala, pouco faz!

    11 de julho de 2011Campanhas, Dicas da Mari

    Continuando com os posts sobre adoções de peludos adultos e/ou especiais, hoje temos três fofuras para nos emocionar com suas histórias de resgate, segunda chance e amor! Para que seu peludo apareça por aqui basta enviar e-mail com o relato e fotos para anacorina@maedecachorro.com.br. De: Silvia Bianchi Para: anacorina@maedecachorro.com.br Enviadas: Sexta-feira, 1 de Julho de 2011 16:54 Assunto: Fwd: História de Adoção – Ágata e Silvia, filha e mãe…Olá! Me empolguei com a matéria e vou colocar como conheci o amor da minha vida: Ágata. Adotei a pequena em 20 de junho de 2009. Soube do caso dela, que ia ser sacrificada pq convulsionava, pelo orkut. Imediatamente fui atrás e a recebi em casa. Quetinha e magrela, com um jeitão de cansada…. tinha um “apelido” estranho, mas veio com a carteirinha de vacinação. Lá constava que ela era de Minas Gerais, e nascida no dia 09 de abril, uma ariana! Pois é, 2 anos se passaram… gastamos muito dinheiro para conseguirmos colocá-la nos eixos, em termos de neurologia… Hj ela convulsiona ainda, mas bemmmm raramente…. foi uma luta muito difícil, eu sofria mto de vê-la passando mal, mas tudo valeu a pena, pq ela é o ser mais iluminado do mundo, virou uma bolota, e é muito alegre! Apronta várias, e já comeu uns 20 pares de havaianas! kkkkk Seguem fotos da minha paixão! Ágata Christie, o amor da mamãe! bjs — Silvia Bianchi   ************** De: Fernanda Menegolo Para: anacorina@maedecachorro.com.br Enviadas: Sexta-feira, 1 de Julho de 2011 17:11 Assunto: História da Lhasa – Maria Catarina Bom tarde Ana…segue a história do Amor das nossas vidas…A Maria Catarina!!! Meu nome é Fernanda, e a Maria Catarina é nossa anjinha..filha e nossa amor…Eu e meu noivo a encontramos saindo do ferryboat aqui da cidade de Itajaí em janeiro de 2008 (qndo […]

    Finais Felizes: Ágata, Maria Catarina e Negona!

    Mais uma Dica da Mari!  =o] Este artigo pertence ao Mãe de Cachorro Também é Mãe. Plágio é crime e está previsto no artigo 184 do Código Penal.

    Dicas da Mari: Não compre filhotes!!

    8 de julho de 2011Campanhas, Dicas da Mari

    Mais uma Dica da Mari! Este artigo pertence ao Mãe de Cachorro Também é Mãe. Plágio é crime e está previsto no artigo 184 do Código Penal.

    Dicas da Mari: Adote um pet de pelúcia!

    Minha querida amiga Mari Siebert tem feito cartazes fofos e pontuais sobre questões de guarda-responsável e bem-estar animal e passarei a divulgá-las. Com vocês, a primeira delas, que pode ser usada também por protetores e abrigos: aqueça se pet! Este artigo pertence ao Mãe de Cachorro Também é Mãe. Plágio é crime e está previsto no artigo 184 do Código Penal.

    Dicas da Mari: aqueça seu peludo rapidinho e sem gastar!

    Gente, se eu não postar esse material aqui, acho que vou apanhar na rua qualquer dia. Engraçado que de repente várias pessoas começaram a me mandar a mesma sugestão, o que só reforça minha sensação de que o assunto já é do conhecimento de todo mundo, mas… Se vocês pedem, vocês mandam! Se alguém ainda não conhece, fica a ótima dica! As 3 primeiras fotos deste post foram enviadas pela Alice Marchese, voluntária da Ong Viralata-Viravida, as outras eu peguei no perfil da Vania Inez no Facebook, que fez uns caprichos de casinhas de bacia, inclusive com uma solução “anti-furto” para casinhas de cães comunitários!! À Thais Elena Souza, obrigada por indicar as fotos da Vania! A ideia é simplesmente e facilmente apreendida só de olhar as fotos. Você precisará apenas de: disposição e boa-vontade, duas bacias plásticas do mesmo tamanho, panos quentes para forrar o chão da casinha, lacres plásticos para manter as bacias unidas firmemente (há quem também use cola para plásticos nas extremidades das bacias que ficarão unidas, para deixar melhor a vedação do acabamento), prego quente para furar as bacias e passar os lacres, canivete para esquentar o prego no fogo e fazer os furos com segurança, faca (esquentada no fogo também) — ou o que quer que sua imaginação mande — para cortar as bacias e fazer a entrada da casinha. Para caprichar no acabamento vejam o que a Vania Inez fez: Usou um pedaço cortado de uma das bacias… Para dar um super acabamento na entrada da casinha! E para prender a casinha e evitar que seja roubada, olha só o que ela aprontou (AMEI!): Pronto, queridas e queridos, está na mão o post Mãe de Cachorro sobre as famosas casinhas econômicas e eficientes. Espero que gostem.

    Como fazer casinhas baratíssimas e eficientes para proteger cães e gatos do frio!

    15 de junho de 2011Campanhas, Produtos pet
  • Arquivo por data

  • Páginas

  • counter for wordpress
  • Assuntos

    Mãe de cachorro também é mãe!

    Todos os direitos reservados