• Instagram do Mãe de Cachorro

    Instagram
  • Receba os posts por e-mail:

    Vacinação anual para cães e gatos: necessidade ou excesso?

    Mãe de Cachorro - Ana Corina | 16 de junho de 2014

    Apesar do título do post do site Cachorro Verde falar apenas do teste de titulação de anticorpos testado pela veterinária Sylvia Angélico, o texto que ela produziu é uma verdadeira aula sobre vacinação de cães e gatos, inclusive com referências bibliográficas científicas que podemos indicar para veterinários que ainda não estudaram a questão da real necessidade ou não dos reforços anuais e mesmo da aplicação de algumas vacinas, não necessárias a todos os animais.

    O texto é claro e está tudo lá muito bem explicado é dito. Só não entende e não aprofunda a leitura quem não quiser, o que sempre será uma pena com prejuízos para aqueles a quem tanto bem queremos: cães e gatos.

    Boa leitura e espero que muitos passem a estudar mais o assunto e a repensar protocolos vacinais abusivos.

    Segue o início do texto da Sylvia, que vocês podem terminar de ler clicando aqui.

    Há mais de uma década a literatura científica como um todo vem insistindo que as vacinas mais importantes são capazes de proteger o cão por muito mais que um ano. Uma vacina importada contra cinomose, por exemplo, confere proteção por até cinco anos, até nove anos ou por até toda a vida do cão – dependendo do estudo que você ler. Divergências à parte, o consenso é claro: vacinas contra agentes virais como a cinomose, parvovirose e hepatite infecciosa barram infecções por no mínimo três anos.

    Essa mudança de paradigmas tornou a velha prática de vacinar todo cachorro com todas as vacinas que existemtodos os anos uma conduta cientificamente ultrapassada e antiética. E pior: desnecessariamente arriscada.

    Sim, a vacinação é uma importante medida preventiva – isso não está em discussão – mas não tem nada de inofensiva. Toda aplicação tem o potencial de causar reações adversas que vão do comum mal estar passageiro a problemas mais sérios, como convulsões, doenças autoimunes, alergias, inflamações crônicas e até tumores.

    Continue a ler clicando aqui.

    Categoria: Destaques, Vacinação
    Atenção!
    Plágio é crime federal previsto na Lei 9.610/98.
    Conheça a Licença de Uso do blog e saiba o que você pode fazer ou não com os posts do Mãe de Cachorro!

    1 Comentário:

    Os comentários estão fechados.

  • Arquivo por data

  • Páginas

  • counter for wordpress
  • Assuntos

    Mãe de cachorro também é mãe!

    Todos os direitos reservados