• Instagram do Mãe de Cachorro

    Instagram
  • Receba os posts por e-mail:

    Papo de mãe: Corre mulherada! E com a cachorrada junto!

    Mãe de Cachorro - Ana Corina | 25 de julho de 2013

    corre mulherada

    Não consigo nem contar quantas pessoas maravilhosas os cães e gatos e a internet trouxeram à minha vida. Os laços vão sendo formados, alguns afrouxam, outros dão até nó, de tão intensos. E nisso a vida vai acontecendo, as pessoas vão mudando de estado civil, de idade, de idade, vão tendo filhos e também seguem criando blogs!

    Graças ao Mãe de Cachorro fiquei amiga da amada Pri, do Amo Cachorros. E graças a ela conheci outra amadica, a Aline. Que é mãe de cachorro. E de blog. Ela é uma das colaboradoras do Corre Mulherada, um blog obrigatório para quem já pratica ou pretende praticar corrida e que sigo fielmente, sempre de olho nos posts das meninas (são 10!).

    Pois o que encontrei lá e trago para nós? Um post sobre cães x corrida, o Correr é bom pra cachorro! A Anni, autora do texto divertido, conta um pouquinho da sua experiência de correr com seu pequeno Pannetone, um shih tzu agitadinho que equilibra a energia correndo com a mamãe, mas também dá dicas legais sobre corridas e nossos amores de patas, como estas que você confere abaixo, mas por favor não deixe de ler a íntegra do texto lá no Corre Mulherada, pois ele rende boas risadas e há outras dicas sobre os peludos.

    Pedi à Aline para elas fazerem um texto sobre como escolher um tênis de corrida adequado, para preservar nossa saúde. Se você também tem interesse, fique de olho, pois o texto vai pintar logo, logo. Enquanto ele não sai, andei procurando promoções na web e descobri um novo site de descontos, o Cuponation. Também vale conferir.

    1 – Em primeiro lugar o saquinho do cocô do cachorro. Ele é distribuído gratuitamente na maioria dos parques que aceitam cachorros. Às vezes não tem, por isso antes mesmo de sair de casa já providencie. As necessidades do seu cão são de sua responsabilidade. (Sou chata pra isso, gente).

    2 – É muito importante que seu cachorro goste de correr, não force seu amiguinho.  Além disso, assim como você ele precisa treinar o condicionamento físico para começar a te acompanhar nos treinos. Inicie com caminhadas diárias, e vá aumentando o ritmo e o tempo gradativamente. Dessa forma, o exercício também se torna prazeroso para ele.

    3 – Não esqueça a água gente, pelo amor dos deuses caninos. Água pra você e para seu amigo é fundamental durante os treinos. Por causa dos pelos do seu companheiro, ele tende a se aquecer muito mais rápido. Portando durante todo o percurso ofereça água em pequenas quantidades para ele.

    4 – Também não abram mão da coleira, por mais que você confie na “fofurice” do seu cachorro. Durante o percurso, ele pode estranhar outro, ou até mesmo ser incomodado por outro cão e assim o treino de vocês pode acabar em “cãofusão” =/

    5 – Teoricamente todo cão pode correr com seu dono, mas algumas raças já nascem mais preparadas para corrida, como o caso dos galgos, whippets, border collies e até mesmo vira-latas. Eles só precisam ter uma herança genética favorável à prática de exercícios. Outros cães com nariz mais achatado, como pug e bulldog, não aguentam exercícios prolongados, o que pode acarretar em parada respiratória. Procure um veterinário, para se informar melhor sobre as necessidades e limitações do seu cachorro.

    6 – Procure treinar com seu cachorro quando o sol já estiver posto, ou em dias menos quentes. Cachorros têm muitos pelos e podem sentir muito calor. Dessa forma quanto mais pelos seu cachorro tiver, mais calor ele vai sentir, use sempre o bom senso e não force a barra com seu amicão.

    Leia também: Cuidados a tomar com cães e gatos braquicéfalos

    Categoria: Animais e nós, Guarda responsável, Papo de Mãe
    Atenção!
    Plágio é crime federal previsto na Lei 9.610/98.
    Conheça a Licença de Uso do blog e saiba o que você pode fazer ou não com os posts do Mãe de Cachorro!

    6 Comentários:

    1. Eliane disse:

      26 de julho de 2013 às 22:17

      Tenho um boxer de 8 anos que é muito educado e dócil (amo demais!) mas confesso que tenho medo de passear com ele na rua e encontrar outros cachorros (por aqui tem muito vira lata na rua)que possam provocar uma briga porque todos os cachorros que encontro na rua se aproximam dele latindo, as vezes dois ou três de uma vez. Meu bebê nem liga mas eles ficam bem próximos. Você tem alguma orientação pra me dar sobre isso? Não quero que meu cachorro se machuque em brigas, até porque ele não dá a mínima para os outros cachorros.

      • Mãe de Cachorro – Ana Corina disse:

        30 de julho de 2013 às 15:45

        Eliane, bota ele no carro e vai pra um lugar mais calmo! 😉
        Se não houver esta opção, saia pra passear com um borrifador de água pra espantar os outros cães ou um cajado. Beijo.

    2. Marizete Assis Alves disse:

      26 de julho de 2013 às 17:28

      Auuuu, que legal, gostei muito das dicas e o texto bem bacana. Já compartilhei, achei demais. Obrigada. Eu andava no Parque com minha cadelinha SRD, ela adorava, e tbm curtia andar no cestinho da minha bicicleta, rss. Se eu pudesse, levaria todos, 30 é muito não é ? kkkkkkkk. Bfdesemana p/ vc.

    3. Li disse:

      25 de julho de 2013 às 10:52

      Querida! Ficou muito legal o post e obrigada 🙂

      Um beijo

    4. Anni Varanda disse:

      25 de julho de 2013 às 10:26

      Oi Ana,

      Não conhecia esse blog, adorei ele… Amo cachorros!

      Adorei meu texto aqui tbm, muito obrigada =)

      E o blog “Amo Cachorros” tbm não conhecia.

      Já virei leitora fiel de você duas,

      Beijo!

      • Mãe de Cachorro – Ana Corina disse:

        25 de julho de 2013 às 10:48

        Beijoooooooo, sou seguidora do Corre Mulherada desde que ele nasceu, pois sou amiga da Aline e foi ela quem deu esse visual bonito aqui pro Mãe de Cachorro 😉 Beijo!

    Os comentários estão fechados.

  • Arquivo por data

  • Páginas

  • counter for wordpress
  • Assuntos

    Mãe de cachorro também é mãe!

    Todos os direitos reservados