• Instagram do Mãe de Cachorro

    Instagram
  • Receba os posts por e-mail:

    A solidão e os cães…

    Mãe de Cachorro - Ana Corina | 18 de Março de 2013

    Mais um texto da Emmanuelle Moraes pra nós! Quero só fazer um comentário: faltou luz no meu trabalho dia desses e todo mundo foi dispensado pra sair mais cedo, menos eu, que fiquei até o final do expediente para atender ao telefone (que nunca tocou, claro). Enquanto eu permanecia entediada, mesmo usando a internet no celular pra me distrair, lembrei dessa questão dos cães que passam horas e horas sozinhos. Acho que todo mundo que tem cães e gatos. deveria experimentar esse tédio de horas a fio em um ambiente sem nada pra fazer… Aposto que em seguida a pessoa arrumaria maneiras de ajudar seu amigo de patas a ter algum entretenimento em suas ausências. Recomendo!

    Com frequência comento sobre o isolamento social, e qual o reflexo na vida de um cão. Dificilmente um cão que convive com outros, que possui o tutor presente no seu dia-a-dia apresenta problemas. O cachorro é um animal social. Não é da sua natureza permanecer isolado.

    Cães que ficam sozinhos o dia todo tendem a:

    • estragar objetos na casa, 
    • cavar buracos, 
    • latir excessivamente,
    • uivar,
    • ter depressão,
    • e outra coisas

    No momento em que optou por trazer um animal de outra espécie para a sua casa, é sua a responsabilidade de garantir que o cão possa desenvolver os comportamentos inerentes a sua espécie.

    O ritmo de vida tem sido cada vez mais corrido, mas o mercado já oferece serviços que suprim a ausência dos tutores e garante qualidade de vida ao cão, alguns exemplos são:

    • Passeadores de cães,
    • babás de animais de estimação,
    • Day care/ day care home (creche para cães)

    Não deixe o teu melhor amigo sozinho por mais de 6 horas por dia.

    Pense antes de decidir ter um cão. Você pode levá-lo ao trabalho ou junto com você nos lugares em que for passear. Já existem vários estabelecimentos e lugares em que os cães podem frequentar. E um cão bem educado, que saiba se comportar em meio a outros cães e pessoas, é sempre bem – vindo!

    Pense nisto!

    Emmanuelle Moraes

    Educação Canina

    (48) 9995 – 0144 (Florianópolis/SC)

    (66) 8124 – 0955 (Rondonópolis/MT)

    www.educadoracanina.com.br

    Facebook: Educadora Canina – Emmanuelle Moraes

    Categoria: Adestramento, Emmanuelle Moraes
    Atenção!
    Plágio é crime federal previsto na Lei 9.610/98.
    Conheça a Licença de Uso do blog e saiba o que você pode fazer ou não com os posts do Mãe de Cachorro!

    11 Comentários:

    1. vanderli disse:

      5 de Março de 2014 às 21:27

      Oi descobri hj seu site e adorei e vc é minha salvação rsrs
      Tenho uma maltês de 6 anos, ela sp foi a dona da casa, nunca deu trabalho de comportamento e fica em casa sózinha, faz festinha quando chego tudo normal.
      Agora achei um cachorro abandonado ou perdido na rua, elea é um mestiço de shnauzer,tem +- 1 ano, já dei banho, tosei, castrei, vermifuguei, vacinei e já usei o max 3.
      Agora o problema…
      Minha maltesa, não quer brincar com ela, pq quando ele vem brincar com ela ele morde, na brincadeira mas morde….e aí ela fica muito brava com ele, e na veterinária que tem vários gatos mansinhos, vem brincar com ela ela tb quer brincar de morder e aí, todos somem, fogem dele pq ele morde, fraquinho mas machuca…
      Então o convívio está um horror!!!!!!!!!!!
      Eu fico com medo de deixá-los sózinhos, e ele morder e machucá-la, ou dela morde-lo quando ela vai brincar e morde…então sempre os deixo separados quando eu não estou em casa, pq quando estou deixo os a vontade, mas vivo brigando com ele quando ela dá o xilique…
      Outra coisa, de uns dias prá cá, ele chora quando fica sózinho, antes ficava tranquilo sem choros e latidos, de uns dias prá cá não posso sair que o porteiro me liga que ele não pára um minuto de chorar…
      Outro dia fui comprar ração e o deixei no carro pois estava chovendo…ele começou a chorar e a uivar alto, todo mundo passava e comentava…
      Só que trabalho e não sei + o que fazer..algumas vezes o deixo na creche, mas não tenho condições de deixá-lo todos os dias.
      O que devo fazer??? será que um dia estes dois vão se entender??? pq ela até as vezes cede para brincar, mas quando ele morde ela se irrita!!!
      Obrigada por me ouvir, o que posso fazer??

      • Mãe de Cachorro – Ana Corina disse:

        19 de Março de 2014 às 06:19

        Oi Vanderli, putz… Essa dúvida é muito específica e não sou adestradora. O ideal é você falar com a http://www.educadoracanina.com.br e ver se ela consegue ajudar vocês por Skype. Foi ela quem escreveu este texto, inclusive.
        Cães retirados muito cedo da matilha (antes de DOIS meses de vida) não aprendem a etiqueta das mordidas (controlar a força e não morder tanto), talvez seja o caso dele.
        Veja se os textos do link http://www.maedecachorro.com.br/category/mordidas te ajudam. Leia os comentários também.
        Sobre os uivos… também ñ sei responder, tens que falar com a Emmanuelle ou outro profissional, ok? Abraço!

    2. Ellen disse:

      10 de agosto de 2013 às 16:18

      Olá, adoro visitar seu site, me ajuda muito, pois estou a um mês com um filhote de maltês que se chama Bubby que hoje tem 3 meses, e ele também fica sozinho em casa, até comeu o meu sofá novinho e a gaveta da minha rack. Tenho uma farmácia, como sou proprietaria posso sair e voltar quando dá, então eu ando indo no periodo da tarde em casa, ver o meu Bebê e brincar um pouco com ele para ele não ficar estressado de ficar sozinho e comer tudo né. Pois ele fica fechado na minha sala, para ele aprender a usar o xixi dog, (a veterinaria me orientou a deixá-lo em um espaço restrito enquanto bb para aprender a usar o xixi dog).
      Abraços adoro seu blog

    3. Vivi disse:

      20 de Março de 2013 às 14:33

      eu tenho um peludinho que adotamos com 1 mes de vida. sempre ficou sozinho em casa, saio cedo e so volto à noite; meu filho, agora com 13 anos, sempre foi pra escola e nesse periodo ele ficava sozinho em casa; acho que nos tempos de hoje é normal a familia inteira sair de casa para estudos e trabalhos – mas tem um diferencial, desde bebezinho, antes de sairmos eu o pegava no colo, davamos beijo nele eu dizia – mamãe ja volta, o irmão também volta daqui ha pouco, fica quietinho. hoje ele está com 9 anos e NÃO FAZ um barulhinho enquanto estamos fora; em compensação, quando chego, so falta derrubar a casa rsrs meu filho, agarra ele e sai correndo pra se esconder de mim, ele fica quietinho abanando o rabo atras da porta ou da cama onde for; e eu fico falando bem alto: quem pegou meu filho, eu vou achar, me devolve rsrrss quando eu os encontro ele fica p. com meu filho e faz tudo pra se soltar do colo dele e ir para o meu e ficar agarradinho. graças a Deus, conseguimos inculcar no coraçãozinho dele a segurança do nosso amor, e que NUNCA vamos abandona lo. fico arrasada com cachorro uivando e latindo dentro de casa, certamente ta faltando alguma coisa e me deixa muito triste.

    4. Rozalia disse:

      20 de Março de 2013 às 09:11

      Olá
      Bom eu tenho 2 filhos de quatro patas um fica dentro de casa um shitzuo de 3 anos, que sempre qd saimos deixamos a tv ligada em desenhos e uma luz acessa, já que ele fica fechado dentro de casa, e a de fora é uma hotweiller, ela é bem mais tranquila, é só deixar a cama dela com os seus brinquedos, ração e água a vontade…A festa dos dois qd chegamos é a mesma.

    5. Evelise Bezerra disse:

      19 de Março de 2013 às 19:26

      Olá Ana. Adoro o “mãe de cachorro também é mãe”, e leio todas as dicas que você manda. Não gosto de deixar minha Malu sozinha. Quando tenho que ir em algum lugar que ela não pode ir, fico com o coração na mão.Beijos e parabéns pelo site e pelas ótimas informações que você nos manda.

    6. Ines disse:

      19 de Março de 2013 às 16:57

      OLÁ GOSTEI MUITO DO SEU TRABALHO.GOSTARIA QUE VC ME AJUDASSE TENHO DOIS CACHORROS MACHOS UM JA CASTRADO MAS TEM UM QUE AINDA TEIMA EM FAZER XIXI NA SALA A QUINA DO SOFÁ COMO POSSO FAZER ELE MUDAR DE IDÉIA, PQ TBM NÃO QUAL É POIS QDO VEJO O XIXI JÁ ESTÁ LÁ….OBBRIGADA

      • Mãe de Cachorro – Ana Corina disse:

        21 de Março de 2013 às 00:00

        Macho com macho sempre rola uma guerra de xixi. O bom seria ter os dois castrados. Use vinagre de álcool pra limpar o xixi feito em locais errados. Todo santo dia, mesmo que ele pare de fazer lá. Use o vinagre por bastante tempo, até ele não voltar a fazer.

    7. palmira silva chaves disse:

      19 de Março de 2013 às 12:38

      muito bom o texto eu quando saio sempre mim preocupo em voltar logo pra casa o mas rapido possivel justamente para que elas nao fiquem achando que eu os abandonei….mas e muito dificil elas ficarem so pois tenho um sobrinho de 16 anos que adoraaaaa cachorros ai ele fica com elas mas nao e a mesma coisa do que ter a mamae delas por perto….infelizmente muita gente nao pensa assim achar que cachorro e pra guarda casa e ponto final…mas nao e bem assim nao o que custa tira pelo menos 10 minutinhos pra fazer um carinho em seu melhor amigo…..

    8. Bianca disse:

      19 de Março de 2013 às 11:33

      Olá Ana!
      Sempre acompanho teu site, e adoro as dicas!
      Eu e meu marido pensamos muito nisto antes de adotarmos a Paçoca, uma vira-lata que nasceu nas ruas.
      Temos um quintal grande com acesso visual ao mundo lá fora, além de ter a parte fechada atrás, dá pra ela correr, brincar, pular, ou se quiser dormir, pq a casinha dela fica num cantinho sensacional 🙂 Antes de sairmos brincamos muito com ela, e deixamos petiscos escondidos e ração na garrafa pet pra ela se entreter! Quando chegamos damos toda a atenção que podemos, braincamos, passeamos, damos brinquedos novos! Fora que durante o dia o segurança do condomínio disse que crianças e adultos brincam com ela do portão… Mesmo assim eu fico ainda com o coração na mão, afinal são 11 horas sem nós 🙁

      Ana, parabéns pelo site e pelas dicas!
      Adoro muito mesmo!

    Os comentários estão fechados.

  • Arquivo por data

  • Páginas

  • counter for wordpress
  • Assuntos

    Mãe de cachorro também é mãe!

    Todos os direitos reservados