• Instagram do Mãe de Cachorro

    Instagram
  • Receba os posts por e-mail:

    Histórias inspiradoras: Projeto Felinos Urbanos!

    Mãe de Cachorro - Ana Corina | 7 de Março de 2012

    Você quer muito ajudar uma causa, mas pensa “Sozinho(a) não consigo muito”?? Pois então conheça o Projeto Felinos Urbanos, uma iniciativa que está capturando e castrando gatos de rua em São Luiz do Maranhão e que só está crescendo por que uma única mãe de gato decidiu fazer a diferença! Mesmo com aparentemente tudo contra sua decisão de ajudar gatos de rua ou de pessoas carentes, a idealizadora do projeto pôs as mãos à obra e tem persistido no que acredita, plantando sementes que darão frutos por muito tempo. Acesse http://felinosurbanos.blogspot.com e conheça mais!

    Unidos, fazemos muito mais, claro, mas muitas das iniciativas e realizações mais legais e efetivas realizadas mundo afora foram iniciadas por uma pessoa só! VOCÊ PODE, basta querer e trabalhar!

    Fiquei tão emocionada com o relato da Otávia Mello que decidi lançar uma NOVA SEÇÃO aqui no blog: HISTÓRIAS INSPIRADORAS! Mande relato de pessoas que estão fazendo a diferença para anacorina@maedecachorro.com.br e vamos ajudar estas pessoas a divulgar seus trabalhos e a INSPIRAR NOVAS AÇÕES!

    Mãe de Cachorro – Como o projeto começou?

    Otávia Mello – Desde que adotei o meu gato Arthur ( nascido nas ruas e vitima de maus-tratos ), venho ajudando animais abandonados, exercendo doação responsável e tentando conscientizar as pessoas em relação à castração, posse responsável, criação indoor para gatos, reprodução indiscriminada de animais, etc, através do meu primeiro blog, o Amor & Miados.

    No entanto, bons e responsáveis adotantes são difíceis de encontrar. Meus animais sempre foram doados castrados, vacinados e vermifugados, para lares seguros. Isso demanda tempo e alto investimento financeiro e acabou se tornando inviável. Eu precisava escolher entre parar de ajudar ou achar uma solução que estivesse mais de acordo com meus recursos e que oferecesse um retorno positivo em curto prazo.

    Já conhecia a técnica de Captura, Esterilização e Devolução graças aos projetos pioneiros no Brasil como os Gatos Encantados, Cats of Necropolis e a Confraria de Miados e Latidos, mas não sabia por onde começar. Falando sobre a vontade de fazer C.E.D, conheci a querida Ana Mascarenhas, que me ofereceu a doação de uma gatoeira e foi aí que os planos se tornaram mais concretos.

    Nessa época, em junho de 2011, fui para Toronto. Conheci a Humane Society e participei de um seminário sobre o assunto (Trap, Neuter and Return, em inglês ). No Canadá, E.U.A. e outros países, o C.E.D. é financiado pelo governo e existem leis legalizando a prática, as pessoas que cuidam das colônias e que protegem os gatos ferais.

    Aos poucos o projeto foi tomando corpo. Ganhamos o nome “Felinos Urbanos”, uma identidade visual exclusiva e um blog concebido e criado com muito capricho. Fomos presenteados com mais uma gatoeira, também doada pela Ana. Conseguimos material cirúrgico de uso exclusivo dos Felinos Urbanos, assim como a primeira DROP TRAP (armadilha especial para captura) que se tem noticia em projeto de C.E.D. no Brasil, feita nos moldes americanos.

    O apoio do Dr.Jairo, médico veterinário responsável por grande parte das esterilizações executadas pelo projeto, também foi essencial. Ele acreditou nos ideais dos Felinos Urbanos desde o inicio e sempre tratou cada um dos gatinhos capturados com muita competência.

    Desde sua fundação em Setembro de 2011, o projeto Felinos Urbanos já esterilizou 73 gatinhos, sendo 61 deles ferais capturados e 12 gatinhos da Cota Social do projeto, que visa ajudar pessoas carentes a esterilizar seus animais.

    Até junho de 2012 estabelecemos a meta de esterilizar 100 animais, entre ferais e gatinhos carentes.

    IMG_7051

    Mãe de Cachorro – Qual sua rotina?

    Otávia Mello – Uma vez por semana saio em captura. O número de animais castrados depende do que há disponível nos recursos do projeto. No começo eram 4 gatinhos por mês, mas com a confiança e apoio de um número cada vez maior de simpatizantes e colaboradores já é possível esterilizar até 10 gatos mensalmente. Em dezembro comemoramos 15 animais castrados.

    Após a captura, os gatos são levados para a clínica onde serão sedados e então castrados. Nesse intervalo eles são cadastrados, fotografados e recebem uma avaliação veterinária completa antes da cirurgia. Castrados e com a orelha identificada, recebem antibiótico e antiinflamatorio de amplo aspecto. Em caso de gatos feridos ou com alguma doença dermatológica ( ex: sarna ) também são cuidados e medicados.

    Quando acordam e estão plenamente recuperados da anestesia, são liberados em seus locais de origem.

    É preciso algumas horas por dia na frente do computador para atualizar o blog e a pagina no facebook, com as fotos e dados dos gatinhos esterilizados e responder emails e duvidas de pessoas interessadas no projeto, além da elaboração de panfletos educativos sobre guarda responsável.

    Tambem costumo ler e pesquisar sobre o que há de novidade no C.E.D ao redor do mundo, objetivando o melhor para os Felinos Urbanos.

     

    Mãe de Cachorro – Qual a realidade de São Luiz com relação aos animais de rua?

    Otávia Mello – Aqui tudo é muito difícil. Estamos no estado mais pobre do Brasil e a mentalidade das pessoas, mesmo a pequena parcela que tem melhores condições financeiras, não ajuda.

    Existem milhares de animais abandonados e que sofrem maus-tratos, também somos área endêmica de raiva e leishmaniose. O número de eutanásias e abandono no centro de zoonoses é alarmante, resultados de uma política pública quase nula sobre conscientização quanto à posse responsável.

    Esterilizar um animal é algo caro e pouquíssimo divulgado ou incentivado. Pessoas carentes são mais conscientes e a maioria com quem tive contato sempre está disposto a castrar seu bichinho, mas não possuem condições. O ideal seria que mutirões de esterilização fossem oferecidos ao menos uma vez ao mês, para diminuir o grande número de cães e gatos nas ruas.

    Ouvir que castração é maldade, que o gato tem que “passear e namorar” também é algo comum e é por isso não abro mão da conscientização das pessoas.

    Mãe de Cachorro – Você está tendo apoio de alguém?

    Otávia Mello – Em São Luíz o projeto ainda não é muito conhecido, assim como a técnica do C.E.D e número de pessoas que ajudam e entendem a importância da castração de animais de rua ainda é pequeno. Mas em outras cidades do Brasil, o Felinos Urbanos já é conhecido e apoiado, em palavras, divulgação e doações e sou muito grata pela confiança.

     

    Mãe de Cachorro – Como as pessoas do Brasil todo podem ajudar?

    Otávia Mello – Primeiro, castrando seus animais ou ajudando a castrar um bichinho carente. Os animais que estão na rua e/ou sofrem de algum tipo de maltrato são descendentes de um animal domiciliado ou já foram o bicho de estimação de alguém. A cada animal castrado milhares de filhotes são poupados de uma vida de abandono. Não existem gatos de rua; existem gatos que estão nas ruas por problemas que não foram causados por eles e por isso é nossa obrigação ajudá-los.

    Segundo, divulgando o projeto e nossos textos de conscientização e, por ultimo, com doações. Não precisa ser muito. Cada moedinha que chega até o Felinos Urbanos será revertida para a castração de um gatinho (fazemos prestação de conta mensalmente ) e você pode ajudar o projeto a impactar positivamente milhares de vidas felinas.

    O Felinos Urbanos foi uma iniciativa solitária. Hoje em dia tenho ajuda nas capturas, recebemos doações, mas tudo aconteceu a partir da minha insatisfação com a situação em que os gatos de rua de São Luíz se encontram.

    Um gato feral pode ser um animal assustador. Ele vai tentar de todas as formas avançar, morder, arranhar e fugir (isso é tão somente um reflexo de seu instinto de sobrevivência), mas com estudo das técnicas de manejo, é possível ajudar estes animais e implantar mais ações de castração pelo Brasil.

    Gostaria que mais pessoas encontrassem dentro delas o incentivo em fazer algo benéfico, não somente para a causa animal, mas para melhorar uma situação que os incomoda em sua cidade, bairro, etc.

    O que é novo intimida, as pessoas chamarão de impossível aquilo que nunca conceberam executar ou que ainda não compreendem mas quando faço as contas e vejo todos os gatinhos que foram poupados de sofrer nas ruas, em curto, médio e longo prazo, como o meu próprio gato sofreu, vejo que tudo vale muito a pena.

    Acredito no poder do exemplo, então é isso o que tento mostrar às pessoas. Mais do que um projeto pessoal, o Felinos Urbanos tem um modelo que pode e deve ser copiado por qualquer pessoa que queira. É possível e não há necessidade de ser um grande expert no assunto ou dedicar 100% do seu tempo a ele. Com pouco tempo, algum dinheiro e muita vontade, ainda que promovendo uma castração por mês, indiretamente são centenas de vidas salvas e isso não tem preço.

    Acredite. Nossas mãos podem mudar realidades.

    Categoria: Histórias Inspiradoras
    Atenção!
    Plágio é crime federal previsto na Lei 9.610/98.
    Conheça a Licença de Uso do blog e saiba o que você pode fazer ou não com os posts do Mãe de Cachorro!

    8 Comentários:

    1. mauricelia costa disse:

      22 de outubro de 2012 às 22:08

      olá dando uma olhada na internet e me deparei com felinos urbanos e achei um absurdo s.l não ter seviços de preços populares para a população de baixa renda cuidar dos seus animais onde está a prefeitura para onde vai os imposto que vocês pagam?eu como filha da ai pensei que as coisa tinham melhorado e que todos estavam emganjado e vendo a natureza com bons olhos de qual maneira deixo aqui a minha admiração pelo seu trabalho maravilhoso que presta a estas pessoas que amam os animais. deus te ajue a ajudar quém mais precisa.

    2. Ana Batista disse:

      14 de Março de 2012 às 18:38

      Aqui em Nova Lima MG não existe nenhum apoio da prefeitura para a castração dos animais domésticos. Desde 2003 já castrei 202 animais , na maioria cães,
      com apoio de pessoas simpatizantes á causa e por conta própria. A Clínica Cafértil, instalada no bairro tem parceria com a gente, fazendo as castrações por R$75,00, fora os remédios e as vezes tranporte. É pouco, mas melhor que nada. Tenho pressionada=o a prefeitura , mas o prefeito odeia meio ambiente. Estou torcendo para que ele caia na próxima eleição.

    3. fatima caralho disse:

      13 de Março de 2012 às 19:02

      Idéia maravilhosa, que serve de incentivo a todos os que amam os animais. Parabéns!

    4. Gigi, Lola e Lucy disse:

      8 de Março de 2012 às 12:11

      Tia feliz dia das mulheres para você que é uma linda mãe de cachorro e está sempre a frente de qualquer movimento aos animais…

      Parabéns …
      Nossas mamães são d+!!!

      Lambeijokas Lola e Lucy

      • Mãe de Cachorro – Ana Corina disse:

        8 de Março de 2012 às 12:21

        OBRIGADA, meninas lindas. Vocês 3 moram no meu coração! Beijo grande e parabéns pra mamãe Gigi!

    5. Raissa disse:

      7 de Março de 2012 às 18:11

      Conheço e apoio o projeto. Ótima iniciativa!

    6. Carmen disse:

      7 de Março de 2012 às 17:05

      Iniciativa realmente maravilhosa. Não a conheço, mas conheço o projeto. Ela está de parabéns!

    Os comentários estão fechados.

  • Arquivo por data

  • Páginas

  • counter for wordpress
  • Assuntos

    Mãe de cachorro também é mãe!

    Todos os direitos reservados