• Instagram do Mãe de Cachorro

    Instagram
  • Receba os posts por e-mail:

    Especial fim de ano: cuidados com nossos peludos nas férias e festas!

    Mãe de Cachorro - Ana Corina | 15 de dezembro de 2011
    Todos os posts sobre cuidados contra Fogos de Artifício você confere no link http://www.maedecachorro.com.br/category/fogos-de-artificio
    Turma, correria monstra e material muito bom já existente no blog, então aí vai um repeteco do Especial de Cuidados de Verão, ok?
    As novidades deste ano são os ÓTEEEMOS posts do Barbas e Bigodes: Raios, trovões e fogos de artifício e do Esquadrão Pet: Sol é vida. Mas, calor intenso pode matar.
    Segue o “requentado”:
    Mais um ano ficando pra trás em nossas vidas… E já está mais do que na hora de colocar no ar outro Especial Cuidados de Fim de Ano do Mãe de Cachorro, porque não só temos que prestar atenção à exposição ao Sol, tosas, parasitas, frequência de banhos e outros assuntos “quentes”, mas também precisamos estar atentos aos cuidados com fogos de artifício e acidentes com comidas e situações típicas desta época do ano. Verão é época de alegrias e, para muitos, de descanso, certo? Mas para os peludos é época de identificação reforçada 100% do tempo, cuidados na escolha de hospedagens e muito mais! Vamos lá, leia as dicas e curta as férias numa boa! E não esqueça de ler também sobre a leishmaniose visceral, afinal, você não quer sair de férias e voltar com esta doença chata na mala, não é mesmo?!
    Seja solidário(a): Mantenha água fresca para os animais de rua! Até os passarinhos te agradecerão ;-D
    Aproveitei grande parte do material do Especial do ano passado, mudei o vídeo natalino (ouça com seu cão e depois me conte!) e acrescentei novidades nos textos indicados, ok?
    Ótimas férias e um excelente fim de ano a todos!
    Textos úteis:

    Categoria: Adestramento, Animais e nós, Crate, Florais, Fogos de Artifício, Fugas, Guarda responsável
    Atenção!
    Plágio é crime federal previsto na Lei 9.610/98.
    Conheça a Licença de Uso do blog e saiba o que você pode fazer ou não com os posts do Mãe de Cachorro!

    11 Comentários:

    1. Emilangela Andrade disse:

      3 de outubro de 2013 às 21:14

      Olá Ana,
      minha Milly, poodle de 9 anos cada vez mais tem medo de trovões, bombas e parece que pressente o que vai acontecer; fica ofegante , tremendo muito, enrijece toda a musculatura e está cada vez pior. Não adianta fazer carinho, “ficar brava”, falar mais alto , enfim, nada.
      O QUE DEVEO FAZER??????
      TOdo final de ano, quando dá mais ou menos 23:30 horas saio com ela na rodovia e volto por volta da 1 hora quando tudo está um pouco melhor. Parece loucura mas é a única coisa que a faz melhorar.
      Aguardo
      Abraços

    2. celmar mothé disse:

      28 de dezembro de 2012 às 16:56

      No natal minha filha veio pra cá com minha neta, e no Ano Novo me pediu pra que eu fosse pra casa dela, só que tenho 5 cães, não to querendo ir não fico nem muito tempo na rua para não deixá-los muito tempo sózinhos, tenho um filho que não faz nada só vive na rua, nem vai olhar eles, o melhr mesmo é eu não ir né?

    3. marilce disse:

      10 de Fevereiro de 2012 às 13:20

      Sou de Curitiba,também posso comprar o calendário? Parabéns pelo trabalho!

      • Mãe de Cachorro – Ana Corina disse:

        10 de Fevereiro de 2012 às 16:48

        Oi, claro! A venda é pelos Correios. Acesse o site do calendário e compre à vontade. 🙂

    4. NATALIA ANDRADE disse:

      24 de Janeiro de 2012 às 19:15

      Olá Ana,
      Vim aqui pois já vi alguns posts sobre a sarna demodecica… e estou lutando com a minha frenchie… e comecei um blog para contar essa “saga”. Acho o seu site incrível… e o que seria de nós, mães de cachorro, se não tivessemos um canal tão apropriado de leitura!
      Parabéns pelo seu trabalho!
      Beijos, Natália

    5. Alessandra De Corso disse:

      16 de dezembro de 2011 às 09:44

      Oi Ana, nós vamos no sábado de manhã e voltamos no domingo à noite. Mas mesmo assim meu coração tá apertado, meu olho já tá cheio de lágrimas só por eu estar escrevendo sobre esse assunto com vc…rsrsrs Ai que horror! Quanto as dicas, não tenho coragem de deixar na gaiola. Não deixo nem na hora do banho. Acompanho as duas, só entrego para o profissional na hora que elas vão entrar no chuveiro e fico esperando no pet até elas ficarem prontas… acho que elas nem sabem o que é gaiola….rsrsr. Ainda bem que pelo menos a opção de deixar meu amigo com elas em casa é a melhor. Assim causa menos trauma. Vou comprar floral nesse fim de semana. Compro Rescue ou para ansiedade? Qual vc indicaria? Pensei em deixar um armário que tenho no quarto aberto para que elas tenham onde se esconder, talvez lá abafe o som. Vou falar para o meu amigo deixar tudo bem fechado durante a noite…ai meu Deus do céu…queria tanto que o meu marido desistisse…
      Ah! moro em Mauá, no ABC paulista. Obrigada querida!

      • Mãe de Cachorro – Ana Corina disse:

        16 de dezembro de 2011 às 10:24

        Olha, o ideal seria falar com um veterinário. Eu nunca dei floral por conta. Mas tem uns florais prontos e o Rescue é sempre O floral, né? Beijo.

    6. Alesandra De Corso disse:

      15 de dezembro de 2011 às 08:53

      Oi Ana, obrigada pelos posts. Estou pesquisando sobre tudo isso há tempos na internet. Infelizmente no Reveillon não vou poder levar as minhas babys comigo. É o primeiro ano que a Púrpura vai ficar em casa. Estou praticamente sem dormir, de tanto pensar no caso. Daí resolvemos contar com a ajuda de uma amigo que gosta de cehorro. Pedi para ele passear com elas, colocar comida, água fresca e se possível dormir com elas em casa. Mas com certeza na hora dos fogos ele não estará com as minhas cachorras. Não sei como será a reação delas. A Púrpura tem medo e late demais, mas sempre esteve com a gente, nunca sozinha. A Catarina…. bem, não sei como é a reação dela….é o 1º reveillon que ela passa com a gente. Tentei desistir da viagem mas meu marido não está abrindo mão… sério, tô mega preocupada. Será que vai acontecer alguma coisa com elas? Será que é o mais indicado levar uma pessoa para dentro de casa para cuidar delas? Pensei nisso para não ter o stress de um lugar desconhecido… o que vc acha? BJS. (Caso vc não lembre de mim, te acompanho no Facebook).

      • Mãe de Cachorro – Ana Corina disse:

        15 de dezembro de 2011 às 16:40

        Mulherrrr, como não sei quem és, tá maluca? kkkk Toda hora nos falamos e vejo a bagunça das duas, imagina!
        Então, se puderes deixar as duas em casa, com alguém cuidando, eu sinceramente prefiro. Mas se achares um hotel porreta de bom, bem seguro e com atividades, pode ser uma ótima também. Vcs moram em que cidade mesmo (ISSO eu não lembro, hehe)?

        Ah, mas tem a questão dos fogos, né? Bom, que tal ver como ela se comporta com fogos AGORA? Assim já descobres e podes também ajudá-la, assim decides onde ela fica. Pode parecer cruel, mas se ela tiver pânico, como não dá tempo de adestrá-la pra este reveillon, se ela ficasse em uma caixa de transporte seria bom.
        Veja se o veterinário poderia ficar com elas, separadas, nas gaiolas do banho e tosa, por ex. Vocês só vão sair de casa pra virada e depois voltam ou vão viajar? Podes preparar um cômodo pra elas ficarem trancadas onde não possam se enfiar atrás ou em cima de nada, como um banheiro, por exemplo. E já entre com florais pq até lá ajuda bastante.

        Beijo.

    Os comentários estão fechados.

  • Arquivo por data

  • Páginas

  • counter for wordpress
  • Assuntos

    Mãe de cachorro também é mãe!

    Todos os direitos reservados