• Instagram do Mãe de Cachorro

    Instagram
  • Receba os posts por e-mail:

    Guia de Raças no Mãe de Cachorro: Shar Pei

    Mãe de Cachorro - Ana Corina | 23 de novembro de 2011

    O motivo de eu traduzir o Sharpei antes de outras raças que estavam na frente da fila para entrar no Guia de Raças é bem triste: recebi um pedido da protetora Annita Petry, que usa meus textos para ajudar a informar candidatos a adotantes. Como há vários sendo abandonados, ela está precisando das informações com urgência. Espero que seja útil e que ajude pessoas a só adotarem estes cães se realmente puderem mantê-los em suas vidas para sempre!

    –>Quer conhecer o verdadeiro temperamento de outras raças disponíveis para adoção? Confira o Guia de Raças Mãe de Cachorro clicando aqui.

    Raça de hoje: Shar Pei*

    Texto: Michele Welton- Tradução e adaptação: Ana Corina – Todos os direitos reservados. A reprodução é expressamente proibida.

    Este cão sóbrio, de aparência digna, com sua pele enrugada, sua cabeça “de hipopótamo” e sua expressão emburrada, mantém-se firme no solo, com uma postura calma e confiante.

    Naturalmente limpo e fácil de ensinar a usar o banheiro, quieto e bem comportado dentro de casa, o Shar Pei é um companheiro impressionante se você puder estabelecer com ele uma relação de admiração mútua, como por exemplo, admirando seu temperamento independente enquanto reforça com consistência as regras da casa, para que ele lhe respeite também. Isto pode ser um desafio, entretanto, já que esta raça pode ser dominante e obstinada. Definitivamente o Shar Pei não é a melhor escolha para pessoas que nunca tiveram um cão antes.

    Shar Peis precisam apenas de exercício moderado (várias caminhadas curtas por dia), então eles podem viver bem em cidades e subúrbios. Na verdade, a menos que estejam seguros por uma cerca ou muro, eles não são a melhor opção de cachorro para uma fazenda ou área rural, já que têm fortes instintos de caça.

    Indiferente com estranhos, o Shar Pei deve ser acostumado com pessoas desde muito filhote para que seus instintos territorias seja propriamente desenvolvidos. Embora ele geralmente cuide da própria vida a menos que seja provocado, alguns Shar Peis são agressivos com outros cães e alguns indivíduos podem caçar gatos para matar.

    Se você quer um cão que…

    • Tenha um porte médio e uma constituição física robusta
    • Tenha uma aparência incomum
    • Tenha uma natureza calma e confiante
    • Seja naturalmente limpo e fácil de adestrar a “usar o banheiro”
    • Não lata muito
    • Precise de exercício físico moderado
    • Seja muito fiel à família

    Um Shar Pei pode ser bom para você.

    Se você NÃO quer um cão que…

    • Tenha um temperamento forte que requer um tutor confiante que saiba lidar com ele e assumir a relação
    • Possa apresentar agressividade com pessoas caso não seja socializado de maneira correta (desde cedo)
    • Possa apresentar agressividade com outros animais
    • Ronque e faça barulho ao respirar
    • Tenha sérios problemas de saúde, muitas vezes crônicos
    • Esteja sujeito a problemas legais (com vizinhos, com leis para banir a raça, com seguro etc.)

    Um Shar Pei pode NÃO ser bom para você.

    Se você está pensando em adotar um Shar Pei considere as questões abaixo seriamente:

    1. Temperamento forte. O Shar Pei tem uma mente independente e não são fáceis de criar e treinar. Muitos são teimosos, obstinados e dominantes e farão você provar que merece que eles façam algo por você.
    2. Potencial para agressividade com estranhos. Muitos Shar Petis têm instintos de guarda com estranhos. Eles precisam de intensa exposição à pessoas amigas e amigáveis para que possam aprender a distingui-las das pessoas ruins, contra quem o instinto de guarda realmente poderá até ser desejável. Sem uma socialização correta um Shar Pei pode ficar desconfiado de tudo e todos. Se você tem crianças pequenas eu não recomendo a raça, pois simplesmente há muitos Shar Peis que não toleram nenhum tipo de brincadeira.
    3. Agressividade com animais. Muitos Shar Peis são dominantes e agressivos com outros cães, especialmente se forem do mesmo sexo. Muitos têm fortes instintos de caça, o que pode levá-los a matar gatos, cães menores e outros animais. Este não é um bom cão para quem cria galinhas, patos, cabras etc. Se algo der errado em sua criação (reprodução dos fihotes, socialização, treinamento, manejo etc.) é possível que ele possa ferir gravemente ou matar outros animais.
    4. Troca de pelos e pelagem áspera. Os Shar Peis existem em três variedade de pelagem. Na pelagem “de cavalo” o pelo é bastante curto e “espinhoso” (espeta), podendo irritar a pele de pessoas mais sensíveis. A pelagem “escova” é mais densa e um pouco mais longa. A pelagem “urso” é bastante pesada, quase como a de um Chow Chow. Todos os três tipos soltam bastante pelo, com as pelagens “escova” e “urso” soltando mais do que a “cavalo”.
    5. Barulhos próprios. Muitos Shar Peis roncam, fungam e fazem outros barulhos respiratórios bem alto, o que pode ser agradável para algumas pessoas e muito irritante para outras…
    6. Sérios problemas de saúde. Dizem por aí que se você quer sustentar um veterinário gastando muito dinheiro, então tenha um Shar Pei (ou um Buldogue Inglês!). Eles têm tendência a desenvolver problemas oculares, de pele, de rins e muitos outros.
    7. Responsabilidades legais – Shar Peis podem ser alvo de políticas de banimento em algumas regiões/países. Algumas seguradoras de casa recusam ou cancelam contratos se descobrem que o proprietário possui um. Seus amigos e vizinhos poderão ficar desconfortáveis com seu cão por perto. Nos tempos atuais as responsabilidades legais de manter qualquer raça que pareça intimidante e que tenha um histórico como cão de guarda ou caçador sério deve ser considerada com cuidado. Pessoas são rápidas em processar se um cão como este faz qualquer coisa remotamente questionável.
    8. Francamente, a maioria dos Shar Peis é “cão demais” para o tutor médio e a maioria das pessoas simplesmente não tem a habilidade necessária para lidar com a raça ou para providenciar o tipo de atividade que vai deixar o cão satisfeito.

    Adote um Shar Pei adulto!

    Quando você adota um filhote, você está adquirindo potencial do que ele um dia pode se tornar.  Mas quando você adota um cão adulto, você está adquirindo o que ele já é e pode decidir se é o melhor cão para você baseado em sua rotina e realidade. Há vários Shar Peis adultos que já provaram não ter as características negativas típicas da raça. Se você encontrar um cão assim, não deixe que elas preocupem você. Fique feliz que você encontrou um indivíduo atípico e aproveite!

    Salve uma vida. Adote um cão.

    *Lembrando: Estou traduzindo as descrições de temperamento das raças (que já vi disponíveis para adoção) apresentadas pela autora norte-americana Michele Welton, que obviamente leva em conta que a maior parte de seus leitores mora nos EUA e sempre tendo em mente cães dentro do padrão comportamental de cada raça. Não adianta um cão ter “cara” de uma raça, isso nem é tão difícil, um cão realmente “de raça definida” tem, mais do que qualquer outra coisa, a personalidade, o comportamento e os instintos da raça a que pertence.

    Sobre a autora: Michele Welton tem mais de 35 anos de experiência como educadora canina e tem mais de 17 livros publicados, sendo 15 deles sobre cães.

    Categoria: Guia de Raças
    Atenção!
    Plágio é crime federal previsto na Lei 9.610/98.
    Conheça a Licença de Uso do blog e saiba o que você pode fazer ou não com os posts do Mãe de Cachorro!

    77 Comentários:

    1. Raquel disse:

      7 de abril de 2014 às 18:46

      Adotei um sha pei resgatado próximo da morte. Seu organismo não produz enzimas e tem que tomar remédio 2 x ao dia para sempre, assim como a aplicação de colírio antibiótico e pomada oftálmica. Não me arrependo. Seu amor é imenso e quando estou perto ele mordisca minha mão o tempo todo. Convive muito bem com boxer fêmea e srd pequena, também resgatadas das ruas. Calmo, tranquilo,late apenas para indicar estranhos.

    2. Junior disse:

      6 de março de 2014 às 02:58

      Oi, a amiga da minha mãe tem um shar pei de 3 anos,e como ira se mudar,está doando o cão,por que ela vai morar com a mãe que ja e idosa,então pesquisei sobre a raça e gostei sobre ser independente e calma,que se adapta ao meu estilo.O problema e que o cãe nao e muito sociavel e ja me mordeu rsrs e por eu ter só 15 anos minha mãe nao gosta da ideia de me deixar sosinho dentro de casa com o cão,mas querendo sua opinião,será que eu nao posso conquistar a confiança do cachorro com passeios,cuidando e brincando,eu ja brinco com ele, o problema e que o cão e de lua mais acho ele lindo,e ja li como socializar ele e os cuidados com adestramento,entao acha uma boa ideia eu adotar ele?

      • Mãe de Cachorro – Ana Corina disse:

        19 de março de 2014 às 06:22

        Oi Junior, se fizeres isso tudo MESMO e se respeitares a personalidade dele, acho que será tranquilo. Vc parece um menino muito responsável, estudioso e legal. Melhor ele ir pra vc e ter compreensão do que terminar com qualquer um e viver apanhando, preso ou até ser morto. Podes ser a salvação dessa vida =D

    3. Thays disse:

      17 de fevereiro de 2014 às 15:49

      Boa Tarde,
      Preciso de uma ajuda…o mais rapido possivel!!
      Tenho um sharpei com 7 anos macho e meu namorado ganhou uma femea com dois anos, muito docil, porem ambos estranham outros cachorros, meu namorado não vai poder ficar com ela e como já pegamos amor pensei em leva-la pra minha casa, o que me diz?
      Fizemos um teste entre eles, mas ela esta no cio, não se estranharam, mas deixamos eles em lados diferentes separados por um vidro, o meu sentava de costas pra femea e ela chorava querendo passar pelo vidro!!
      Quero saber se pelas caracteristicas eles podem dar certo!

      • Mãe de Cachorro – Ana Corina disse:

        18 de fevereiro de 2014 às 12:40

        Thays, sugiro a castração urgente da fêmea assim que terminar o cio. Não temos como garantir que eles vão se dar bem, cada cachorro, uma sentença, mas por serem de sexos opostos e idades diferentes, tem muito para dar certo. No link http://www.maedecachorro.com.br/category/brigas-2 há textos sobre como podes ajudar para eles terem uma boa convivência. Leia os comentários também!

    4. tammy disse:

      6 de fevereiro de 2014 às 00:45

      dei um sharpei de presebte de aniversário pra minha filha, hj ela está com 6 meses, e sinceramente ela foi a melhor cachorrinha que já tive, companheira, doce, não me dá o menor trabalho, nem precisei ensiar ela onde fazer as necessidades, ela por curiosidade, começou a fazer exatamente no lugar que eu queria. Só que as vezes é teimosaaa… se dependesse dela, passariamos o dia brincando.. a brincadeira preferida dela e morder minhas
      mãos, ou sair correndo pela casa com minhas roupas na boca.. rsrsrs
      ela definitivamente é um amor!
      ah! ela não enxerga, vai ter que fazer duas cirurgias p levantar a pele dos olhos e recolher a glândula que deu nos olhos ( por isso nao enxerga) mais se Deus quiser vai dar tudo certo e ela vai voltar a enxergar!

    5. Fátima disse:

      25 de janeiro de 2014 às 22:02

      Sou mãe de um Sharpei que completa 6 anos em Fevereiro. Amo o ronco dele, a higiene dele…dou risada quando vejo ele com nojo de tudo que pode ser sujo. rsss..
      Ele é exatamente como descreveu. Um amável amigo, as vezes ciumento e super protetor. Não tem problemas com visitas. Pelo contrário,senta aos pés das visitas ou na porta evitando que as mesmas vão embora. Mas é um grande caçador. Quando chove, fica de tocaia para ver se ratos entrarão por de baixo do portão e se desconfiar que há algo estranho no quintal, nem dorme. Funga e cheira cada cantinho do quintal. Gosta que o local de suas necessidades estejam sempre limpos e o local que se alimenta também. Adoro plantas e tenho muitas e ele nunca destruiu, e também não destroi chinelos ou qualquer outra coisa. Enfim, é um excelente companheiro. Nunca cruzou porque nao encontrei uma cadela da mesma raça. Só encontro machos. E agora estou pensando se é possível e saudável castra-lo. O que me diz?
      Grande abraço e parabéns pelo site.
      Beijos no coração.

      • Mãe de Cachorro – Ana Corina disse:

        28 de janeiro de 2014 às 00:47

        Oi Fátima, é possível e saudável castrá-lo, hehe. Vai fundo! Machos sofrem demais por não serem castrados, pois pra eles todo dia é dia de procriar, basta ter uma fêmea no cio nas redondezas. Beijo!

    6. cesar disse:

      22 de janeiro de 2014 às 09:41

      O sharpei é um cão com temperamento de gato kkkk só que um gatinho pesa 2kg e o sharpei quase 30. Ele definitivamente é temperamental não gosta de muito carinho e afagos. É teimoso não gosta de obedecer, finge que nem ouve o adestramento é bem complicado. Ele é muito limpo não suporta o cheiro das suas fezes e urina. Realmente late pouco mas o latido dele bota medo. Ele é muito companheiro mas tem que respeitar seu espaço. Não é um cachorro para donos inexperientes.E pode preparar o bolso porque vai ter que gastar uma grana com veterinário, pois ele tem muitos problemas de pele.A minha sharpei a Atenas já teve todos os problemas imagináveis cirurgia no olho, lavagem no ouvido, tratamento para fungos etc etc já gastei muito dinheiro com vet

    7. Gisele Reale disse:

      8 de janeiro de 2014 às 18:44

      Amei as informações sobre a raça e os comentários foram muito uteis. Eu adotei uma sharpei de 9 meses; hoje esla está com um ano e quatro meses. Ela é brincalhona e muito determinada. Gosta de roubar qualquer pano para chamar a atençao. Ela não gosta muito que passemos a mão na cabeça dela. Gosta muito de brincar e que fiquemos perto dela. è muuuuito DESCONFIADA E MEDROSA. Entrei no site para saber sobre a queda de pelos; queria ver as causas e se é porque troquei por uma ração mais barata. Só tenho uma queixa dela, a COPROFAGIA. Já usei homeopatia por dois meses e depois parti para alopatia por um mes e meio. Como o remedio era caro e não deu nenhum resultado, desisti. Tem alguma sugestão para mim? Ela gosta de brincar de “morder” nossa mão e ficamos incomodados com o fato de ela ser coprofágica.

    8. talitha disse:

      2 de janeiro de 2014 às 17:03

      acabei de ler os recados e dicas deste site tenho um shar pei de 7 meses digo meu filho de 8 anos tem , fiquei um pouco assustada com algumas observaçoes ao ,mesmo tempo que é tranquilo é uma raça perigosa .Ela é agitada estamos tentando passear com ela mas é muito teimosa

      • Mãe de Cachorro – Ana Corina disse:

        3 de janeiro de 2014 às 18:55

        Oi Talitha,

        por isso é importante estudarmos as raças ANTES de botarmos os cães em nossas vidas. Não é que a raça seja perigosa, mas ela precisa de cuidados específicos e não é um cão de colo nem de muitos mimos, foi originado como cão de guarda e usado por muito tempo como animal de rinha. Depois do cãozinho Xuxo ficou popular e daí os cruzamentos por fabricantes de filhotes e amadores bombaram no Brasil, o que sempre produz cães desequilibrados, seja de que raça for.
        Mas teu filho está numa idade ÓTIMA, não é mais uma criancinha que vá meter a mão no olho ou pisar no rabo do cachorro, então creio que seja possível uma vida tranquila, basta que a individualidade da cadela seja respeita e que algumas coisas básicas, como não mexer nela quando estiver dormindo, comendo ou roendo algo, por exemplo, sejam respeitadas.

        Por favor procure um profissional. A http://www.educadoracanina.com.br dá consultoria paga pela Skype se o caso permitir. É um dinheiro muito bem gasto e aproximará muito mais vocês todos, pessoas e animal.
        Abraço.

    9. rosana disse:

      30 de dezembro de 2013 às 18:09

      Gostaria de comprar um cão para ficar me apto só a metade do dia e que não lata.
      qual raça posso estar olhando?

      • Mãe de Cachorro – Ana Corina disse:

        3 de janeiro de 2014 às 16:59

        Rosana, melhor do que procurar raça, você deve procurar temperamento. Então a melhor opção é adotar um cão já adulto ou adulto jovem, assim é bemmmm mais garantido. Ou cogitar um gato. Procure ONGs e protetores da tua cidade e veja vários animais. O bom é que protetores responsáveis nos deixam fazer experiência, então você pode ficar um tempo com o animal e ver se um se adapta ao outro. Filhotes precisam de muito mais adestramento do que adultos. Se você quer um cão silencioso, melhor um que já é silencioso de certeza. E outra coisa, né? Cães são seres vivos, não dá pra garantir que não vão latir nunca. Se a casa não for tranquila etc., podes tornar barulhento um cão que era super calmo e quieto.

    10. marina disse:

      30 de dezembro de 2013 às 01:01

      Tenho um Shapei lindo e muito bem cuidado, amo de paixão. Mas confesso que o comprei na empolgação,vi aquele cachorro lindo cheio de ruguinhas e não resisti. Um cão desse porte exige muito do dono,muito mesmo!!! Ele tem muitos problemas de pele, de ouvido, o pelo cai horrores, a ração tem que ser top e cara. Ele é sistemático, não gosta muito de contato físico, é teimoso, as pessoas na rua Morrem de medo pois ele tem cara de mau, e territorial ao estremo, dificuldade de conviver com outros animais. Precisa de adestramento se não vai te puchar igual louco na rua. Quando cresce não lembra em nada, em nada mesmo aquele filhotinho enrrugadinho que tofo mundo queria pegar e levar pra casa. Ou seja é preciso pensar muito bem antes de adotar um cão como esse. E olha que amo o meu, mas hj jamais seria a minha primeira opção de cachorro. Fica a dica: Adote com responsabilidade e não por impulso!

    11. Anderson Carvalho disse:

      17 de dezembro de 2013 às 17:01

      Boa tarde,

      Eu sou de SP e gostaria muito a ajuda dos donos de Sharpei.

      Eu tenho um filho de 10 meses, categorizada como especial. Minha esposa e eu estamos buscando um filhote de Sharpei para adotar para ele. Meu filho faz terapia 3 vezes por semana e minha esposa não trabalha para cuidar dele. Eu estou fazendo de tudo para ajudar no desenvolvimento dele. Compro brinquedo, faço exercicios com ele em casa, brinco, etc. Minha luta agora é coloca-lo na AACD…. Recentemente, depois de varias pesquisas, decobrimos que um cachorro seria muito bom para o seu desenvovimento e socialização. Estavamos procurando algumas raças que sejam inteligentes (tipo labrador), dócil e brincalhão. Encontramos esse padrão de temperamento em outras raças, inclusive em SRD, mas entendemos que o Sharpei seria o ideal para a familia e para meu filho.

      OBS 1: Vejo as pessoas criticando outras quando vêem que estão querendo um pet de raça e não um SRD. Minha infância foi feita com cachorros sem raça definida. Há muito tempo estou sem um cachorro de estimação, e é por motivo nobre que desejo um agora.

      OBS 2: Eu poderia compra-lo, mas gastaria uma grana que esta sendo investida em transporte para leva-lo ao médico, alimentação da minha esposa no periodo que esta no médico, convênio, remédios que ele toma, etc.

      Se alguém tiver um cão Sharpei filhote, para doar eu ficaria eternamente grato.

      Desde já agradeço a compreensão.

      E-mail: adscarvalho@amil.com.br

      • Mãe de Cachorro – Ana Corina disse:

        18 de dezembro de 2013 às 11:31

        Anderson, shar peis MORDEM. E NÃO são cães para serem manuseados tão livremente como outras raças ou como SRDs de temperamento calmo. NÃO recomendo a raça para uma criança especial (NEM PRA CRIANÇA NENHUMA) seja adotada ou comprada. Você leu o texto?

    12. Silvete Macalós disse:

      3 de setembro de 2013 às 17:51

      Tenho 2 fêmeas Sharpei..amo..amo elas..A sofi e a Mana, uma com pêlo de cavalo e a outra com pêlo de urso.
      O que dizer delas? Lindas, tranquilas, felizes e minha família muito mais!!!!!

      Bjsss

    13. kelcilane disse:

      3 de setembro de 2013 às 16:55

      ganhei um shar pei de um ano de idade como faço pra ele se acostumar comigo..me ajuda..

      • Mãe de Cachorro – Ana Corina disse:

        11 de setembro de 2013 às 11:47

        Oi Kelciane,
        há vários textos no blog que podem te ajudar. Dê uma olhada com calma na categoria “Adestramento” http://www.maedecachorro.com.br/category/adestramento
        Quando achar um texto interessante, leia também os comentários, ok?

        Mas, basicamente, você deve respeitar o temperamento do cão e conquistá-lo com MUITOS passeios na rua com coleira e guia, petiscos e carinhos. Escovar diariamente também ajuda a aproximar os vínculos e a acostumar o cachorro a ser manuseado, o que é MUITO importante.

    14. Luciene Camara disse:

      27 de agosto de 2013 às 15:39

      Olá! Acabei de ganhar um shar pei. Ele era de um canil e utilizado para reprodução. Parece mal tratado… muito magro… desconfiado… Está lá em casa há uma semana. Ele já tem 4 anos. Não estranha pessoas, é bem mansinho e também não estranhou meu poodle. Meu poodle tem 12 anos e quando casei, fui morar em apartamento ele não se adaptou, até porque ficava sozinho o dia todo e isso lhe causou depressão, então ele fica na casa da minha mãe, onde tem um quintal e pessoas por perto o dia todo. Gostaria de trazê-lo de volta pro meu apartamento, já que agora ganhou esse irmão shar pei para lhe fazer companhia… Mas ao ler que ele pode matar animais menores, fiquei com medo. Eles já se encontraram e não houve estresse, mas prefiro não confiar em deixá-los sozinhos durante o dia todo trancados em casa. O que acha?

      • Mãe de Cachorro – Ana Corina disse:

        27 de agosto de 2013 às 15:48

        Luciene, acho que se seu poodle está bem e feliz na sua mãe, deixe-o por lá. Acidentes acontecem e você nunca se perdoará… Não é o caso de precisar que convivam juntos, já que o poodle está ótimo onde está…
        Quintalzão e gente por perto o dia inteiro? Eu levaria o shar pei pra lá também, hehe.

    15. Monica disse:

      31 de julho de 2013 às 23:19

      Tenho uma sharpei , ela tem pelo longo , sempre confundem ela com um chow chow , e isso me deixa um pouco chatiada kk , mais eu amo ela, apesar de ela nao gostar de carinho ela morde muito e morde tudo oque ve, nao sei se é porque ela tem 4 mês ainda e gosta de brincar, mais ela morde todos da casa, e ainda é muito teimosa, nao obedece de jeito nenhum.. mais é uma otima companheira. Late pouquissimo e ainda brinca com minha gata e alguns cachorros que aparece por aqui..

    16. ALESSANDRA BIAZATTE MATUCHAC disse:

      30 de julho de 2013 às 08:53

      Ola , tb tenho um sharpei é exatamente deste jeitinho q ele age. teimoso mas qd leva bronca obedece. rs
      amo ele é minha paixão, o maior problema deles acredito que sao os problemnas de pele, o meu Baô me da muito trabalho com isso, é dificilmente fica com o pêlo bonito por muito tempo, triste. 🙁
      Se alguem tem um parecido com os problema do meu de pele e conseguiu resolver por favor me falem que vou tentar.
      Bjs

    17. graziela disse:

      19 de julho de 2013 às 02:08

      Eu tenho dois filhotes, mestiços o pai é labrador com shar pei e a mãe é
      pit bul com vira lata, imagine que beleza rrssrsrs eles puxaram ao pai
      fisico de labrador com ruguinhas na cara,depois de ler a respeito do shar pei
      descobri que minha cachorra tem o temperamento dele ronca é teimosa e agride seu
      irmão uma shar pei no corpo de um labrador!!!

    18. Ana Paula disse:

      3 de julho de 2013 às 21:28

      Eu estou no meu segundo sharpei..tinha o Thor que morreu de parvo virose, e agora estou com o Zeus que tem 1 ano e 5 meses, é criança de tudo, amoroso , e carinhoso, me espera chegar do trabalho, brincalhão, e parece uma criança mesmo, qdo eu não estou em casa é como se não tivesse cachorro, mas qdo eu chego, parace um filho chamando atenção da mãe..dificilmente me obedece, mas é uma raça maravilhosa de se ter..qto a veterinarios depende do sharpei, minha amiga tem dois um deles irmão do meu que compramos de uma criadora de Cascavel, o dela é mais doente q o meu, doença de pele, cirurgia nos olhos, porem o outro sharpei dela não tem nada disso, td depende do criador…

    19. Gislaine – Laguna – SC disse:

      3 de julho de 2013 às 21:02

      O meu primeiro e unico cão é uma sharpei anita shandelle ela tem 1 ano e 4 meses
      é educada, inteligente e desobediente eu a amo muito tanto que vou comprar outro sharpei, mas é verdade que gasta-se muito com esta raça ela tem dois veterinários toma constantemente vários medicamentos que são caros para alergia atópica e só come ração especial (carne de cordeiro) enfim para ter este lindo cão voce precisa saber que vai gastar muito tempo e dinheiro com ele mas vai ter um companheiro especial e único sempre ao seu lado. PS eu amo sharpeis

    20. Ingrid disse:

      10 de junho de 2013 às 08:20

      Eu comprei um Sharpei de um mes e, depois de 10 dias comigo, sendo tratado como um principe, ele começou com uma febre e inchaço pelo corpo. O primeiro veterinario deu vacina para alergia intramuscular, mas não resolveu nada. No dia seguinte ele apresentou bolhas de pus por todo o corpo e foi internado. No dia seguinte veio a óbito. Como eu sofri. Era um filão pra mim… Ate hoje os 3 veterinarios que o atenderem não sabem a causa da morte. Enfim, levantei a poeura e comprei o irmão dele, que ainda estava com a criadora. É lindo, roooooonca mais alto q um adulto, é a coisa mais linda, educada, carinhosa e docil do mundo. O Brutos II é chocolate com olhos azuis. Brinca um pouco e dorme. O xixi e o coco só faz no jornal. Nunca precisei brigar com ele para ele aprender. No primeiro dia dele na minha casa, onde ele fez xixi coloquei o jornal em cima, e depois o mesmo jornal (seco) coloquei por baixo de outrso jornais onde eu queria q fosse o banheiro dele. Pronto! Nunca mais ele fez fora do banheirinho dele. É engraçado e ótimo companheiro. A unica coisa que me intriga, é que quando vamos pega-lo, seja para alimentar, ou colocar no colo ou pra qq coisa, ele se abaixa ou se joga no chão para n ser pego. E treme com medo. Será q passou por algum trauma antes de ser vendido pra mim? De pronto digo q dinheiro se gasta mesmo, mas a alegria q ele trouxe para minha casa, dinheiro nenhum paga!

      • Mãe de Cachorro – Ana Corina disse:

        17 de junho de 2013 às 13:08

        Oi Ingrid,

        Querida, desculpa, mas você deu dinheiro duas vezes para alguém que NÃO parece ser um criador de verdade (ou a pessoa te daria um novo filhote, pois criadores sérios fazem contrato e prevêem que doenças em um prazo X – geralmente 1 mês – são de responsabilidade deles). Seu filhote já veio doente!

        Pode ser que seu novo filhote tenha apanhado, caído do colo ou sofrido algum outro tipo de trauma, sim.

    21. NAYLA MADUREIRA disse:

      3 de junho de 2013 às 08:48

      Olá adotei um Shar pei da Rua e estou um pouco encucada com ele.
      Além de eu achar que o bichinho é muito sofrido achei ele meio temperamental …. !
      Qual seria a melhor forma de lidar com um cachorro que tem um instinto forte e eu não sei como foi criado?

      At
      Nayla Madureira

      • Mãe de Cachorro – Ana Corina disse:

        4 de junho de 2013 às 00:04

        Querida, temperamental a raça é mesmo, mas não desista dele, ok? O melhor que podes fazer agora é procurar ajuda profissional. A Emmanuelle, do http://www.educadoracanina.com.br oferece consultoria via Skype, se julgar que poderá realmente ajudar mesmo à distância. Escreve pra ela!

    22. Fabiana Alves disse:

      4 de abril de 2013 às 10:24

      Tenho uma Shar pei de 1 ano e 7 meses e gostaria muito de colocá-la para cruzar, mas quase todos Shar peis que encontro são castrados. Ela é muito carinhosa, extremamente dominante e atentada (destrutiva). Gostaria muito de saber se a maternidade e/ou a castração seriam soluções para esse último comportamento dela.

      • Mãe de Cachorro – Ana Corina disse:

        5 de abril de 2013 às 16:46

        NUNCA recomendo a procriação, Fabiana, sempre a castração. Essa cadela tem exercício físico e estímulos mentais todos os dias? Ela ainda é filhotona… A raça é dominante, então precisas estudar comportamento canino, não procriá-la! Ter filhotes só vai piorar, imagina ela defendendo a ninhada… Leia o livro CãoSenso, vai te ajudar.

      • Cris disse:

        30 de novembro de 2013 às 20:16

        Fabiana, tenho uma shar pei de oito, quase nove anos, que é lá amor das nossas vidas. Quando jovem ela era como a sua, mas como tempo ficou muito mais calma e centrada, além de cada vez mais dócil, gentil, leal e obediente. Castrei meio tarde, mas me arrependi de não ter feito antes. O shar pei é sim um cachorro que precisa de pulso firme e muito carinho. É curioso, brincalhão e embora não precise de grandes exercícios, é necessário que faça uma boa caminhada pela manhã e que saia para passear de três a quatro vezes por dia, caso more em apartamento. A minha Vick é muito limpa, ainda é teimosa e tem levado menos tempo para se acostumar com estranhos. O que acontece é que o shar pei é muito apegado aos donos e dá meio que uma ignorada aos estranhos. Tenha paciência, pulso firme e carinho que a sua menina vai refribuir mais e mais com o passar do tempo!

    23. Mãe de Cachorro – Ana Corina disse:

      3 de abril de 2013 às 18:51

      E você COMPROU um cachorro MESTIÇO? Pelamor! É muita cara de pau te venderem!

    24. nanciquele disse:

      3 de abril de 2013 às 14:42

      Oi,eu ia passando por um petshop e quando olhei pra dentro dele tava lá a minha lua foi amor a primeira vista não comprei na hora pois tava sem a grana mas ao chega em casa q falei ao meu marido sobre ela, ele n quis muito pelo preço tal mas eu argi como uma criança em busca de seu objetivo até q ele concordou e no outro dia fui lá e compre quando eu cheguei ela fez uma festa e mim apaixonei mas por ela eu na verdade nem sabia que raça ela tinha até que perguntei;R: sharpei com labrador leiga sobre o assunto de vacinação etc,sobre os cuidado;com dois dia ela teve virose,quando ela começou com os sitomas corri pro veterinário e começou a luta pra ela sobreviver eu mim dediquei tanto dia e noite por seis dias e seis noite e no final valeu apena hj ela ta aqui brincando,passando seu carinho pra familia toda pq ela adora criança e é sociavel com todos ela está louca pra fazer o q mas gosta mas ainda não pode, mas logo logo vai pode ir passear e ir busca os seu dono na escola pois ela faz festa quando as criança chega da escola gente como ela é mestiça labrador e sharpei,o veterinário falou q ela tem mas sangue sharpei q lambrado mas enfim as carecteristca são todas iguias as que são citadas a cima.

    25. Cassi disse:

      25 de março de 2013 às 16:38

      Tenho um sharpei de dois meses, ele é um amor, dócil, carinhoso, adora colo… porém não leva a sério as broncas, qnd peço para ele parar de fazer algo ele nem liga! E se faço q ta qnd ele ta brincando comigo ele morde até mais forte.. como eu faço para educá-lo??

      • Mãe de Cachorro – Ana Corina disse:

        28 de março de 2013 às 22:22

        Oi Cassi,
        PELAMORDEDIOSSS, teu cachorro é quase um feto, hehe! É SUPER normal que morda etc. Ainda mais que foi retirado da mãe e irmãos MUITO cedo, ANTES DA IDADE IDEAL, que são 12 semanas! As pessoas querem se livrar dos filhotes e repassam muito cedo, só que eles aprendem DEMAIS nessa fase em família, inclusive a não morder com força. Sobre a questão das mordidas, por favor leia>http://www.maedecachorro.com.br/2012/08/dvida-do-leitor-meu-filhote-s-quer-saber-de-morder-e-agora.html

        Leia também a Série Filhotes, ok? http://www.maedecachorro.com.br/2010/08/serie-filhotes-no-mae-de-cachorro-%E2%80%93-indice-dos-posts.html

    26. clara disse:

      16 de março de 2013 às 18:43

      Ficar agresivo etc e se elepode ficar sosinho entre4e6 horas seguidas

      • Mãe de Cachorro – Ana Corina disse:

        21 de março de 2013 às 00:58

        DÊ bastante exercício físico, educação e carinho no resto do tempo e tem tudo pra ele ser um cão equilibrado.

    27. clara disse:

      16 de março de 2013 às 18:40

      Oiqueria saber se quando o sharpei cresce pode se desapegar ao dono???

      • Mãe de Cachorro – Ana Corina disse:

        21 de março de 2013 às 00:57

        Clara, essa sua pergunta está muito ampla. Como assim desapegar? Se você trata bem um cão, a tendência é que ele lhe seja fiel incondicionalmente para o resto da vida. Mesmo tratando mal, tadinhos… Mas o shar pei é uma raça que não aceita desaforos, então nada de violência e nada de mimá-lo!

    28. edy cardim disse:

      3 de março de 2013 às 16:42

      o meu shar pei esta ficando muito bravo comigo e com outros cães da casa ela bateu na minha pitbul agora a pitbul que era mansa agora não pode ver a sharpei que ja quer avançar na sharpei,ate a mim a sharpei rosna para mim quando ameaço de mecher na comida ela rosna como se fosse me morder isso e da raça ou e porque ela so tem 9 meses se ela ficar adulta ela melhora esse genio estou com medo que ela pega meus pag sera que e melhor doar ela antes que ela fira meus pag e o gato essa sharpei e muito teimosa se o genio não melhorar vou ter por em adoçao pois a minha pit bul ja esta com 11 anos e tem melanoma maligno e ela sempre aceitou todos cão e gato todos os bichos q ponho em casa e ela e muito amiga de todos ela e mansa demais por isso que não posso ficar com a shar pei

      • Mãe de Cachorro – Ana Corina disse:

        4 de março de 2013 às 16:19

        Edy, mas você não conhecia a raça antes de comprar? Você precisa de um ótimo adestrador, que NÃO use métodos violentos e que ensine a conviver com vários cães. É o TEU comportamento que vai influenciar a paz ou a guerra delas.

    29. beatriz disse:

      5 de fevereiro de 2013 às 09:16

      oi tudo bem ?
      tenho um sharpei de 2 anos e agora adotei um gatinho de 2 meses mais parece que a minha sharpei não esta gostando e acho que ela não vai aceitar o gatinho o gatinho parece não ter medo dela mais ela fica toda hora atacando o gato o que faço me ajude ,não queria desfazer do gatinho .

    30. maria guiomar disse:

      18 de janeiro de 2013 às 23:40

      boa noite gissele tenho um sharpei de 1 ano desde os 2 meses de idade ele tem dermatite atopica e toma uns comprimidos que se chamam atopica sao grandes capsulas cinzentas toma um dia sim dia nao mas sao carissimos que tipo de tratamento voçe faz

    31. Giselle disse:

      11 de janeiro de 2013 às 11:35

      Olá, sou dona de um lindo sharpei – Kenai de 3 anos.
      Realmente muitas características descritas são reais, mas percebo um pouco de exagero nas características negativas. Verifico um certo “preconceito”, até por veterinários, em relação a raça, principalmente por não terem paciência com um cão dominador.
      O Kenai é um excelente cãopanheiro, calmo e, até muito, paciente com outros cãezinhos, crianças e idosos – tenho um vovô que o atormenta e ele sempre age com cautela para não machucá-los nas brincadeiras.
      Em relação a pele, tem dermatite atópica, uma alergia, mas fácil de se controlar e não é uma exclusividade da raça, conheço vários cães e até pessoas com esta alergia.
      O principal é respeitar as características da raça, eu e meu pequeno nos damos muito bem. Amo demais este eterno bebê.

      • Mãe de Cachorro – Ana Corina disse:

        11 de janeiro de 2013 às 18:48

        Giselle, este texto foi escrito por uma educadora canina norte-americana com mais de 30 anos de experiência e ele reflete o geral. Cada cão é um cão e fico feliz que o seu tenha poucas características negativas. Acho importante, entretanto, a verdade do perfil temperamental ser dita, para evitar abandonos futuros e maus-tratos. Se todo mundo ESTUDASSE bem a raça que quer antes de adotar/comprar, o mundo seria bem melhor para cães e gatos. 🙂

    32. neuzinha carriel disse:

      25 de dezembro de 2012 às 22:54

      tenho aminha char pei amo de paixao linda obediente e convive com mais 5 peqnos e uma pit bul nunca tive probleme com doença ate agora

      • Venâncio disse:

        26 de agosto de 2013 às 16:06

        Olá,Ana, Boa Tarde!
        Achei muito interessante seu Blog, parabéns, com certeza contribui em muito com quem gosta de animais. Comprei um Sar Pei há 15 dias ele está com quase 3 meses, e tudo de bom, não apresenta nenhum sinal de Doença de Pele, enfim esta muito sadio. Quanto aos problemas apesar que já tive um Mastim Napolitano que todo mundo diz que quase apresentam esta doença o meu apesar que morreu cedo com 7 anos meio normal da raça, nunca teve este problema, e sempre comeu ração balanceada de boa qualidade. Estou tratando o meu Sar com a Dog Show Filhotes dando 90 Gramas 3 vezes ao dia acrescentando 4 biscoitinho da mesma marca de Frango Integral Junior, estou aqui escrevendo mais por prevenção e gostaria de seu comentário a respeito. O que posso dizer e que ele esta Lindo possui pelagem de cavalo e esta maravilhosa, super brilhante, Aguardo seus comentários, muito obrigado, Venâncio.

        • Mãe de Cachorro – Ana Corina disse:

          27 de agosto de 2013 às 08:52

          Venâncio, já fui mãe de Mastim também, são maravilhosos, né? Então, o que está descrito aqui é o que PODE acontecer. Mas com certeza vc tem que ter cuidados com as rugas do seu Shar. E é muito cedo pra você cantar qualquer vitória, né? Ele é um filhote. Sobre alimentação, pra ter cães realmente saudáveis, minha dica é uma só: http://www.cachorroverde.com.br , comida de verdade, nada de ração.

    33. Nathalia Covan disse:

      23 de outubro de 2012 às 16:00

      Tenho uma sharpei de 3 meses, é super fofa! Ama meus outros animais e não desgruda, a pele realmente é complicada. Fui falsamente diagnosticada e disseram que ela tinha a sarna negra, quando na verdade era alergia alimentar. O mais importante é encontrar um veterinário que curta e conheça a raça, pq é um cachorro com muitas particularidades

    34. Edilene disse:

      19 de agosto de 2012 às 13:07

      Olá…muito obrigada pela atenção, mas sinto em informar q infelizmente minha filhota não resistiu e entrou em obito na sexta-feira 17/08.

    35. Edilene disse:

      14 de agosto de 2012 às 18:35

      Olá, encontrei esse blog justamente pesquisando sobre sarna demodecica gostei muito, mas agora estou c/ um problema maior Ela foi diagnosticada com IR insuficiencia renal esta em tratamento…
      Volto a repetir essa raça Sharpei é muito linda muito fofa sim, mas, antes de adiquirir ou adotar pesquise sobre as doenças e problemas q eles podem vir a desenvolver e pense se esta preparado p/ psicologicamente e principalmente financeiramente…Pense não é adoa q hoje em dia se encontre tantos cães de raça para adoção.

      • Mãe de Cachorro – Ana Corina disse:

        15 de agosto de 2012 às 16:56

        Querida, faça uma consulta URGENTE com a veterinária Sylvia Angélico. Ela poderá atender vocês pelo Skype caso vocês não sejam de SP e fará uma dieta específica para a tua cadela. No site http://www.cachorroverde.com.br tem tudo direitinho pra vc marcar consulta. Ótima sorte pra vocês! E sim, você está coberta de razão!

    36. bruna disse:

      13 de agosto de 2012 às 19:16

      bom eu quero muito adotar um sahrpei e eu queria saber se ele pode ser criado em aprt? eu amo essa raça pq eu acho lindo esse cachorro eu estou disposta a adotar um sarpei
      obrigada.

      • Mãe de Cachorro – Ana Corina disse:

        14 de agosto de 2012 às 16:34

        Oi Bruna,
        apesar da autora do texto que traduzi dizer que o Shar Pei precisa apenas de atividade física moderada, ela também fala em “várias saídas por dia”. Sinceramente, não acho a melhor opção para apartamento. E há a questão da saúde, além de espaço, tempo para sair com ele sempre, você teria dinheiro para manter um cão assim? Outro fator mais preocupante ainda: a raça é temperamental e precisa conviver com pessoas experientes com cães. Não é o tipo de cachorro que possa ser criado sem um bom adestramento para obediência. Eu optaria por um cão mais tranquilo, provavelmente um SRD já adulto ou então um Shar Pei mestiço.

    37. Edilene disse:

      8 de agosto de 2012 às 17:44

      Estou adorando esse site…tenho uma Sharpei de 4 anos e muitas dessas caracteristicas batem…mas ela é muito meiga, carinhosa, educada, companheira, brincalhona embora p/ ela a brincadeira dure 2 min e pronto tá bom vou dormir rs…realmente odeia outros cachorros, e é teimosa ao extremo rsrsrs…mas adora crianças é muito sociavel c/ pessoas em geral pois td lugar q vai chama muita atenção. Exigi sim, muita atenção do dono e cuidados com a saúde…meu principal conselho p/ quem quer um sharpei é que tenha condições financeiras…a minha teve quase tds os problemas q um Sharpei pode vir a desenvolver…é o pior é a tal da sarna negra q vai e volta.

    38. Beatriz disse:

      1 de junho de 2012 às 06:20

      Tenho um sharpei de 10 meses e ele NUNCA latiu ou rosnou para outro cachorro. Ele é super docil com qualquer pessoa, nunca tive problemas em relação a isto. Ele é bem teimoso, adora ficar brincando . Ele me lembra a personalidade do labrador.

      • Mãe de Cachorro – Ana Corina disse:

        1 de junho de 2012 às 10:31

        Que ÓTIMO, Beatriz! Mas Shar Pei com personalidade de labrador, minha amiga… são poucos, hehe. Os que eu conheci pessoalmente eram bem como a descrição que está aqui. Inclusive conheci um que rosnava e mordia até a própria dona. Claro que por que ela não sabia educá-lo etc., mas ele era bemmmm complicadinho de lidar.

    39. Mônica disse:

      30 de maio de 2012 às 10:13

      Olá;

      Meu bb pei tem 9 meses, e já vivemos muitas coisas juntos… Morávamos em uma casa e mudamos para um apartamento, até tentei doá-lo, mas não consegui, pois meu amor por ele é muito grande… Ele é muito amoroso e higiênico, mas é teimoso tb… rs Não gosta de outros cachorros, mas se dá bem com pessoas… ele é muito ciumento…rs

    40. Anderson Fernandes disse:

      16 de março de 2012 às 14:52

      Amor leia e veja que legal!

    41. Neide Aparecida Lopes Silveira Lelis disse:

      25 de janeiro de 2012 às 16:22

      Tenho um Shar pei de 6 anos, e encontrei muitas semelhancas na descricao acima, mas devo dizer que é um cao amigo e companheiro de verdade e apesar de nao gostar de colo e muito carinho exagerado, é muito meigo e adora afagos no traseiro. Acho que é ideal para quem mora em apto, pois nao precisa de muito espaco e nem é de latir, fazendo isso apenas quando a campainha toca. Achei interessante a definicao sobre o temperamento e relacionamento com estranhos e outros animais, pois é exatamente assim que ele – BOX – age. Seja como for, eu estou muito satisfeita com a escolha que fiz. Um Abraco.

    42. Crislaine disse:

      16 de dezembro de 2011 às 14:43

      Olá, adorei a postagem, tenho uma sharpei de 7 meses, e é a alegria da minha casa, embora seja teimoooosa.
      Adoro seus ronquinhos (rsrsrsrs), meu namorado tbm adora ela, brincam muiiiito.
      Gostaria de saber qual a melhor escova p/ o pelo dela ”cavalo”.

      • Mãe de Cachorro – Ana Corina disse:

        16 de dezembro de 2011 às 18:38

        Hum… Não tenho ideia… Tens que perguntar a um bom tosador/esteticista de cães ou para o criador (na teoria, ele deveria saber TUDO e mais um pouco sobre TUDO da raça, sim, TUDO DE TUDO). Mas como é a pelagem mais curtinha entre os shar peis, eu diria pra você ter mais cuidado em não deixar a pele e o pelo úmidos nunca do que se preocupar em como escovar, já que é uma pelagem bem fácil de limpar. NENHUM cachorro deveria tomar banhos semanais, a tua então… Menos é mais! Procure limpá-la com um paninho umedecido em vinagre de álcool, que seca logo e ainda tira mau cheiro. A raça tem muitos problemas de pele, então o ideal seria fugires das rações (leia http://www.cachorroverde.com.br) e do excesso de vacinações, duas coisas que dão MUITA alergia… Para ler sobre as vacinas, vá no rodapé aqui do blog e procure a categoria Vacinações. Tens que ter especial atenção com as rugas da pele dela. Beijo.

    43. sonia disse:

      12 de dezembro de 2011 às 16:25

      tenho tres sharpei e é so alelegria pra mim

    Os comentários estão fechados.

  • Arquivo por data

  • Páginas

  • counter for wordpress
  • Assuntos

    Mãe de cachorro também é mãe!

    Todos os direitos reservados