• Receba os posts por e-mail:

    Dúvida do leitor: Meu cachorro lambe as patas até se machucar!

    Mãe de Cachorro - Ana Corina | 24 de outubro de 2011

    EXCLUSIVO - Mais uma dúvida de leitor que merece publicação, pois com certeza ajudará muitos de nós a lidar com o problema da compulsão por lambedura. Recebi o pedido de ajuda através do Facebook e pedi à Cassia Santos, do blog Cão Amor, que o respondesse.

    Leia também: Ansiedade de separação em cães: Tudo que você precisa saber a respeito!

    Gente minha cadelinha tá roendo as patas até ficar machucada, ela roeu uma boa parte da almofadinha de uma pata traseira… que que posso fazer pra ela parar com esse comportamento? Suelen Schimitz

    EXCLUSIVO: Olá, Suelen!

    Pelo seu relato, pode se tratar de um comportamento compulsivo. Compulsões surgem quando o cão se encontra estressado, frustrado ou extremamente ansioso, concomitantemente a uma predisposição genética para o comportamento.

    Como se trata de lesões por lambedura, é imprescindível verificar eventuais causas médicas que possam ter delagrado o comportamento, como uma infecção ou inflamação no local, o que ocasionou coceira excessiva. Se constatado algum fator de saúde após consulta com o médico veterinário, é importante que seja devidamente tratado e, ao mesmo tempo, devem ser utilizadas algumas técnicas para modificação comportamental.

    Neste sentido, muitas vezes, as pessoas da família acabam, sem querer, reforçando o comportamento compulsivo, pois tentam atrair a atenção do cão nos momentos de “coceira” com carinhos ou petiscos, e o peludo passa a entender que lamber as patas gera consequências boas. A mesma coisa acontece se ele toma “broncas” nestes momentos, pois, de qualquer forma, trata-se de atenção. O ideal é ignorar totalmente o comportamento quando ele se iniciar, como, por exemplo, saindo do recinto.

    Além disso, é importante promover inúmeras atividades para o cão, como caminhadas vigorosas, agility, aulas de adestramento que, além de aliviarem a tensão, promoverão cansaço físico, equilibrando-se, assim, a química do cérebro.  Outra dica importante é enriquecer bastante o ambiente destinado ao cão, com brinquedos que liberem comida ou que ele possa roer. Esconder comida para que o cachorro a fareje também é uma atividade que o leva às suas origens de caçador e permite que ele se foque em algo prazeroso. Confira mais dicas sobre atividades para sua amiga peluda aqui.

    Se o problema persisitir, é importante que você contate um especialista em comportamento canino, para que este possa analisar a situação pessoalmente, bem como todas as condições ambientais e emocionais que possam estar interferindo e/ou estimulando o comportamento.

    Espero ter ajudado e lhe desejo sorte com a solução desta questão!

    Cassia Santos

    Atenção!
    Plágio é crime federal previsto na Lei 9.610/98.
    Conheça a Licença de Uso do blog e saiba o que você pode fazer ou não com os posts do Mãe de Cachorro!

    78 Comentários:

    1. Patrícia disse:

      24 de março de 2014 às 15:13

      Olá,

      Minha cachorra está mordendo as pastas, e está com um machucado enorme, e ela continua mesmo percebendo que as vezes ao morder ela reclama como se estivesse doendo. O que seria isso? Estou preocupada, pois ela não para com esse comportamento.

    2. Ricardo B.Colangelli disse:

      14 de fevereiro de 2014 às 13:38

      ELA TEM 5 ANOS,É O XODÓ DA FAMÍLIA rsss…sou de JEQUIÉ BAHIA.UM ABRAÇO!!

    3. Ricardo B.Colangelli disse:

      14 de fevereiro de 2014 às 13:29

      Ah DESCULPE ANA! eu citei sem querer o nome do sabonete que utilizo com frequencia na minha POODLER de NOME ´MALÚ´

      • Mãe de Cachorro – Ana Corina disse:

        16 de fevereiro de 2014 às 11:40

        Oi Ricardo, não tem problema algum você passar o nome do sabonete! Obrigada e abraço pra vocês :)

    4. Ricardo B.Colangelli disse:

      14 de fevereiro de 2014 às 13:17

      olá Ana Carolina boa tarde! tenho uma cachorrinha po nome MALÚ,ela as vezes fica lambendo as patinhas tanto da frente como as de traz,e observo que ela chega a morder incessantimente elas.apareceu em sequida carocinhos sobre as costas e com odor diferente.eu mesmo tozo em casa e desta vez eu deixei bem baixinho mesmo por conta desses carocinhos.dou banho com o sabonete MATACURA ANTI SEPTICO E BACTERICIDA,da caixa verde e o MATACURA SARNICIDA E ANTI-PULGAS da caixa amarela alternando os banhos.uma semana eu dou banho da CAX.VERDE outra semana da CAX.AMARELA.Apos os banhos eu espalho OLÉO DE GIRASOL,ou AZEITE DE OLIVA EXTRA VIRGEM por todo o corpo dela.lembrando que eu faço espalhando pelas maos e depois aplico sobre ela em pequenas quantidades mesmo,é só pra ajudar a idratar a pele.continuo a manter a pelagem sempre baixinha para evitar a proliferaçao de FUNGOS e ÁCAROS e BACTERIAS.SEQUE A DICA por experiencia propria; nao uso mais aqua sanitaria e nem produtos de limpeza que contenha solda cáustica ou detergentes á base de quimica-mencionados acima.a lavagem do local do meu quintal eu faço a higienizaçao com MEIO COPO DE VINAGRE E ÁQUA e esfregando e enxaquando em sequida.depois eu pulverizo somente con VINAGRE DE ALCOOL,e mas nada. esse procedimento diário evita até as moscas e aqueles mosquetinhos indesejaveis.graças a DEUS é só alegria pra quem AMA E QUEM É AMADO. VC tá de parabéns ANA CAROLINE por seu blog…fique com JESUS! RICARDO B.COLANGELLI

    5. Agatha Greta disse:

      10 de janeiro de 2014 às 19:59

      Olá, tenho uma Poodle de porte médio e um Bichon Frize eles tem quase 2 anos, a poodle vive se coçando principalmente a orelha e tem a mania de ficar lambendo as patas e colocando na boca, não chega a machucar nem ficar vermelha, e de uns tempos pra cá o macho está criando o mesmo habito de lambre e colocar as patas na boca e ficar mordendo, seria ansiedade? mais eles brincam o dia inteiro e minha sogra fica na casa com eles, e quando agente chega é uma farra só, brincam de pega pega e lutinha por horas!!
      O que eu faço? se não machucar pode deixar???

      • Mãe de Cachorro – Ana Corina disse:

        15 de janeiro de 2014 às 17:08

        Oi Agatha,
        pode ser alergia, pode ser comportamental mesmo. Difícil dizer. O problema é que se o cão recebe algo que ele qualifica como “recompensa positiva”, tende a repetir o comportamento, seja qual for. A recompensa pode ser um “baratinho” da coceira, uma bronca de vocês pra pararem.

        Se fosse meus e não estivessem se machucando, nem ficando algo muito comum, eu deixaria. ;)

    6. sam disse:

      18 de dezembro de 2013 às 13:51

      Tenho um rotweiler e na parte inferiror de suas patas estao sempre machucadas nao sei o que fazer a respeito vcs podem me ajudar?

    7. fatima costa disse:

      10 de outubro de 2013 às 12:40

      OLÁ ANA! MEU POODLE ESTAR CHEIO DE BOLINHAS DE COCEIRAS ELE VIVE SE COSANDO EU JÁ LEVEI ELE AO VETERINÁRIO, FIZ UMA FORMULA PARA BANDO DEI REMEDIO ANTIALERGICO MAIS DE NADA ADIANTOU…OBS: SEUS PELOS NAO CAEM. OQUE DEVO FAZER??? BJSS!!!

    8. Rosemary disse:

      24 de setembro de 2013 às 16:17

      Boa tarde Ana Corina meu york está com 2 anos e meio alimenta -se bem ,tratamos ele com muitos mimos chama-se Robinho,há uns 8 meses vem lambendo muito a barrinha e se coça muito não é pulga porque fico atenta , tenho dó e fico triste ..ele fica irritado !!! me ajude obrigada .

      • Mãe de Cachorro – Ana Corina disse:

        24 de setembro de 2013 às 22:33

        Pode ser comportamental, pode ser alergia… Eu procuraria um veterinário homeopata. A minha Java VIVE pra lamber a barriga também… Mas enqto ela só lambe e não machuca, ignoro.

    9. Marcio Rocha disse:

      2 de setembro de 2013 às 20:27

      Olá, tenho um Lhasa de 2 anos, até ontem ele estava bem, mas hoje quando acordei e fui leva-lo para passear percebi que estava mancando na patinha dianteira, estou preocupado porque até ontem não tinha nada e não percebi ele se machucar.
      Ele também fica lambendo as patinhas frequentemente.

    10. Miriam disse:

      23 de agosto de 2013 às 18:20

      Amei o seu blog , muito interessante e de grande utilidade para todas que amam animais como eu , Parabéns e que bom ter pessoas que nem você !!!

    11. Leticia disse:

      22 de agosto de 2013 às 09:44

      olá bom dia??
      minha cadelinha é da raça lhasa apso e ela coça compulsoriamente debaixo do queixo e esses dias reparei que estava machucado,logo em seguida ela entrou no 1º cio,queria saber se isso é normal por ela estar estressada ou pode ser algum outro problema?me ajudem….

    12. cristina de moraes disse:

      22 de agosto de 2013 às 01:09

      adorei este blog me esclareceu muitas questões a respeito do meu amado OLIVER (bulldog ingles) pois realmente e veterinario sempre amo ele demais ,mas como sabem os gastos com veterinario e medicamentos são muitos então procurei algumas respostas das qual encontrei em seu blog fiquei muito feliz ! um abraço

      • cristina de moraes disse:

        22 de agosto de 2013 às 02:03

        boa noite ANA CORINA como já disse antes adorei este blog! ESTAVA PROCURANDO SABER MAIS SOBRE AS COCEIRAS E VERMELHIDÃO NAS PATINHAS do OLIVER então conheci o blog sera que pode me ajudar? ele tambem teve otite a pouco tempo fiz tratamento durante 30 dias com antibioticos e remedios direto no ouvido ,mas as vezes ele tem uns ataque e rosna muito coçando o ouvido mas aparentemente o ouvido está curado por favor me ajude. obrigado

    13. washington lima disse:

      20 de agosto de 2013 às 10:55

      Tenho um labrador de 8 anos, tempos atras acho que por causa de uma corda que enrroscou na sua pata trazeira, surgiu uma ferida que foi aumentando com as coçadas e lambisas, levei ao médico, fiz um tratamento de 28 dias a base de antibioticos oral, e curativos, a conclusão é que mesmo com aquele cone na cabeça, ele conseguia lamber, e com a outra para coçar, terminei o tratamento tudo parecia que estava indo bem, mas voltou tudo, quero saber se posso, e qual seria alguns remédios caseiros, pois já gastei muito com médico e remédios, não tenho mais condições, obrigado.

      • Mãe de Cachorro – Ana Corina disse:

        20 de agosto de 2013 às 13:13

        Washington, ele não lamber é fundamental para a cicatrização.

        Você já tentou passar própolis e babosa no machucado? Ou só própolis ou só babosa também serve. Se houver uma ferida aberta, misturar açúcar daquele em grão grosso (acho que chamam de açúcar cristal) com uma pomada cicatrizante qualquer (pra cães ou humanos, bepantol seria ótimo) ajuda a fechar MUITO rápido.

    14. DANIELA disse:

      15 de julho de 2013 às 16:33

      Olla , tenho um poodle de 06 meses, e de algumas semanas pra cá ele anda tendo muitas coceiras, proximo do pescoço ja caiu os pelos e na pata tbm ,estamos dando banho um dia sim e um dia nao , com shampoo que a veterinaria receitou ela disse que pode ser imunidade baixa e esta com alguns carocinhos pelo corpo , nao sabemos mais o que fazer , a noite ela ja nao consegue dormir mais de tanta cosseira e né tbm por ficarmos preocupados e angustiados com ele, POR FAVOR NOS AJUDEM ,NOS DE UMA LUZ estamos sofrendo junto com ele .

    15. Viviany disse:

      13 de julho de 2013 às 15:19

      Olá Ana! Tenho duas cadelas SRD de um ano e meio cada, a Manu e a Mel. A Manu ganhei do veterinário em junho de 2012 e a Mel peguei na rua em outubro de 2012. Desde o primeiro contato as duas se deram muito bem. Conviveram assim por 9 meses. Entretanto, nesta Terça-feira (09/07) quando cheguei do trabalho as duas estavam brigando e assustada com a cena, joguei água nas duas para separá-lãs. Elas ficaram com ferimentos leves mas a partir deste momento precisam ficar separadas pois, só de se olharem já se rosnam. Fiquei muito angustiada com a situação e chamei o veterinário que disse q isto é normal e que a Mel está perto do cio (o ultimo cio dela foi dia 01/01/13 e que as duas voltariam a se dar bem dentro de umas duas semanas. Ele apenas receitou um floral, mas como estou muito incomodada com isto e estressada com a logística em ter que separá-lãs todos os dias, além do floral comprei Maracugina também para ela. Separada da Manu a Mel tem chorado, mas ao se verem começam a rosnar. Hoje fui acariciar a Mel e descobri que suas patinhas estão todas feridas e vermelhas de tanto se lamber. Pesquisando na internet sobre o assunto li seu post e tive a curiosidade de perguntar se este comportamento é normal no período que antecede o cio?
      Desde já agradeço.

    16. bruno de carvalho disse:

      17 de junho de 2013 às 19:27

      galera me ajudem pelo amor de deus tenho uma ptibull que ja fiz tratamento, ja dei vacina, remedio, ja fiz de tudo mas minha cachorra vive se comendo ate machucar ja levei em inumeros veterinarios e nada n sei mas o q fazer se vcs puderem me dar uma luz agradeço desde de ja agradeço ao site e a todos meu muito obrigado fiquem com deus Ass: Bruno

      • Mãe de Cachorro – Ana Corina disse:

        18 de junho de 2013 às 12:20

        Oi Bruno, mas ela tem algum diagnóstico? Qtos anos ela tem? Como é a vida dela? Faz exercícios diariamente? Passeia? Pode ser reação à excesso de vacinação, mas pode ser puramente comportamental. Vc leu o texto?

    17. jessica disse:

      15 de maio de 2013 às 00:22

      ola tenho um poodle meu cachorro as vezes grita e tenta lamber a bunda, n deixa nos ver oq tem. O que pode ser?
      ele tbm tem mania de morder as patinhas de tras,
      oq pode ser? obrigada

      • Mãe de Cachorro – Ana Corina disse:

        18 de maio de 2013 às 23:03

        Jessica,
        pode ser DOR! E pode ser dor em algum órgão interno. Vocês acham que é na ‘bunda’, mas pode ser em outro lugar. O ideal seria fazer um check up de rins e fígado e ver se está tudo bem. Eu desconfio que pode ser problemas renais. Morder as patas também pode ser dor. CORRA para fazer um check up, por favor!

    18. Marcia disse:

      1 de maio de 2013 às 21:57

      ola. Meu cachorro, um lhasa sempre ficou em casa sozinho tranquilo. meu marido foi viajar a uma semana, e como trabalho o dia todo e a noite tenho aula, e a rotina do meu cachorro mudou, deixo ele com familiares que mimam muito ele. quando eventualmente deixo ele sozinho por algumas horas ele raspa tanto o chao da porta que as patinhas chegam a sangrar. o que eu posso fazer? sera que e estress?

    19. André disse:

      22 de abril de 2013 às 21:58

      tenho um shinauzer e ele começou de um mes pra ca , se lamber muito ao lado da barriga . é normal ?

      • Mãe de Cachorro – Ana Corina disse:

        22 de abril de 2013 às 22:28

        Não é… pode ser dor, viu? Lamber em excesso é um dos sinais de dor, barriga é muito sintomático, tem muitos órgãos. Eu faria um checkup URGENTE dos fígados e do rim e uma revisão geral.

    20. Mãe de Cachorro – Ana Corina disse:

      21 de abril de 2013 às 18:38

      Silvana, mas você leu o texto? O que eu poderia te dizer está no texto e nos comentários. Sobre passares algo na pata, melhor conversar com o veterinário dela e, se o problema for comportamental, creio que ela vá apenas trocar o local e passar a lamber outro lado.

    21. Silvana Saramelli disse:

      21 de abril de 2013 às 12:48

      Olá!!!
      Tenho uma golden de 5 meses q está com falha no pelo da pata dianteira de tanto se lamber.
      gostaria de saber o q ode ser ,tenho mais 4 goldens q nunca fizeram isso. Será q devo colocar algum tipo de medicamento tópico q a faça parar de se lamber?
      Obrigada

    22. Angel disse:

      5 de abril de 2013 às 11:36

      AMEI ESSE BLOG!
      SUPER INTERESSANTE!
      PARABENS!

    23. Mãe de Cachorro – Ana Corina disse:

      26 de fevereiro de 2013 às 00:14

      Camila, vc leu o texto? Não tenho como saber assim à distância. Pode ser alergia, doença, comportamental… Por favor, leia o texto e procure um veterinário.

    24. camila disse:

      25 de fevereiro de 2013 às 16:05

      gostaria de saber porque o meu cachorro se morde, lambe e se cocar muito…ele e um poodle de 5 anos

    25. Daise disse:

      23 de fevereiro de 2013 às 17:18

      Olá Ana Corina, Eu tenho uma cachorrinha da raça dachshund, e de umas duas semanas para cá ela está tão tristinha…não quer comer e nem beber agua, ela está com uma coçeira terrivel nas patinhas ela vive coçando…( esqueci de comentar q ela teve uma crise de verme e eu dei flagyl com bactrin…então nos levamos as vet e ela disse q aparentemente ela estava normal, mas que tinha um probleminha nos rins pois nao estava urinando direitinho) ai para a coçeira ela passou peroxyl cães mas eu não vejo melhora e quando a coçeira começa ela tem ate espasmos…me ajude!
      Grata!

      • Mãe de Cachorro – Ana Corina disse:

        24 de fevereiro de 2013 às 12:49

        Daise, MAS E OS RINS????? Precisas investigar isso JÁ. A veterinária não pediu exames de sangue e de urina? O melhor a fazer agora é correr pra outro veterinário, tente achar um homeopata e exija que ele peça exames. Rim é grave!

    26. Tammy disse:

      1 de fevereiro de 2013 às 13:27

      Tenho um bulldog ingles com 6 meses .. O Thor as vezes ele coça a orelha só o esquerdo c a patinha sera q eh dor de ouvido?! E nas patinhas traseiras na parte interna aparecem feridinhas vermelhas e fica sem pelo o q sera?

      • Mãe de Cachorro – Ana Corina disse:

        1 de fevereiro de 2013 às 20:58

        Tammy, vc precisa procurar um veterinário. Pode ser sarna de ouvido, otite… Ter bulldog é viver no veterinário, a menos que vc mude a alimentação dele pra natural (ver http://www.cachorroverde.com.br) e opte por uma vida mais natureba, sem venenos contra pulgas, sem entupir de vacina todo santo ano etc. Desculpa, mas é um cão com muitos problemas de saúde…

    27. Vitor Luis da Silva disse:

      3 de janeiro de 2013 às 12:59

      Olá, meu cão ficou lambendo a pata a uns dias atrás, e lambia sem parar, e começou a virar um ferida que aumentou com o tempo, e agora está espalhando pelo corpo, eu tentei proteger a pata dele com um pano para ele nao lamber, mas mesmo assim ele tira e continua a lamber, o que eu faço?

    28. Danieli disse:

      29 de novembro de 2012 às 15:01

      Olá, estou muito preocupada com meu cão, ontem cortou uma pata, o corte foi da almofada maior (traseira) á almofadinha da frente…quando vi o corte, lavei e passei um antisseptico que tinha em casa…mas como deve ter ardido, ele lambeu e tirou todo o remédio. Meu cachorro tem a mania de ficar lambendo e mordendo as patas, tem dois anos, e é a primeira vez que ele se machuca. Creio que cortou a patinha num vidro no jardim, mas estou preocupada, com essa mania dele, será que por ele ficar o tempo todo lambendo o machucado, haverá cicatrização? preciso de ajuda, me responda por favor. obrigada

      • Mãe de Cachorro – Ana Corina disse:

        30 de novembro de 2012 às 13:04

        Danieli, passe própólis verde. Se ele lamber não tem problema e é super cicatrizante, mas o melhor seria ele NÃO lamber. E procure um veterinário, pois pode infeccionar e pior, então ele precisará de remédios…

    29. Daniela Wahlers disse:

      27 de novembro de 2012 às 15:29

      Se o problema da lambedura for realmente comportamental,o tratamento com florais costuma dar bons resultados.

    30. Alcione disse:

      25 de novembro de 2012 às 12:32

      Me ajude por favor!!! Eu tenho um poodle, de oito anos, eu cuido dele direitinho com todo carinho, dou banho a cada duas semanas, mas a todo momento ele começa a lamber e coçar e vira virida eu trato mas logo vem outra e outra o que faço to desesperada sera quer podem me indicar algum medicamento, estou passando iodo,pomada cicatrizante mas de nada adianta!!!

    31. Caroline disse:

      3 de novembro de 2012 às 11:50

      Meu cahcorro já teve o prblema de lamber as patas, levamos ele no veterinário e tudo foi resolvido. Acontece que agora ele lambe o bubum, minha mãe teve filho recentemente e eu acredito que ele possa estar com ciúmes do nenem e talvez por isso possa estar se lambendo novamente. Faz sentido?
      Ah e quando ele lambia as patas o veterinario falou p por aquele cone em volta do pescoço dele, acontece que agora o cone só ajuda a machucar mais ainda o bumbum dele eu realmente não quero por uma fucinheira nele só porque ele se lambe, mas se continuar desse jeito as coisas podem piorar.
      Obrigada

    32. Denilson disse:

      24 de setembro de 2012 às 22:32

      Temos um lhasa apso de 04 anos, saio com ele todas as manhas e qdo volto do trabalho a tarde, no horario do meu almoço passo em casa para dar comida a ele todos os dias, o tempo de passeio dele é de meia hora por dia aproximadamente, mas ele tem o habito de se lamber de maneira compulsiva, além de comer uma determinada parede de casa, que é a parede onde fica um portaozinho que o impede de ir para a sala de casa, mas ele tem acesso a todos os outros comodos da casa, inclusive tem um quarto, onde fica uma janela aberta para ele se distrair eqto estamos fora. Estamos ficando estressados com esse comportamente dele, brinquedos de pelucia ele destroi todos, pode me dar alguma dica?

      • Mãe de Cachorro – Ana Corina disse:

        24 de setembro de 2012 às 23:13

        Oi Denilson, creio que o problema esteja aqui “meia hora por dia aproximadamente”. CADA passeio dele deveria ter no mínimo meia hora. E o bom é vc ir longe de casa, variar os caminhos. Ele precisa de distração. Não existe a chance de ficar na casa de um amigo ou parente durante o dia, brincando com outros animais?

    33. Ricardo disse:

      21 de setembro de 2012 às 23:03

      Ola, tenho um bulldog inglês de 5 anos, que não foi castrado e nem cruzou. Lambe as patas e coca o rosto desesperadamente. Isso pode ser emocional? Fica sozinho o dia inteiro em casa e quando chegamos ele fica muito excitado e começa toda essa coceira. Pode ter haver com ele não ter cruzado?
      Obrigado

      • Mãe de Cachorro – Ana Corina disse:

        24 de setembro de 2012 às 01:36

        Ricardo isso é falta de atenção, de estímulos mentais e de exercício físico, não falta de cruzamento. Castre seu cão para que ele não sofra mais com os hormônios sexuais e faça o máximo para distraí-lo na ausência de vocês (vale botar na creche, deixar na casa dos avós humanos, contratar dog sitter, investir em enriquecimento ambiental etc.). Isso é TOTALMENTE emocional.

    34. nida disse:

      8 de setembro de 2012 às 22:15

      adorei esse site

    35. Maysa disse:

      7 de julho de 2012 às 14:39

      Olá, tenho um cadela da raça Bulldog Inglês e ela lambe e morde muito as patas, tanto que está até avermelhadas, parecem sujas, mesmo dando banhos até com sabão de côco não ficam mais brancas, o que eu faço?

      • Mãe de Cachorro – Ana Corina disse:

        8 de julho de 2012 às 22:10

        Maysa, bulldog inglês é sinônimo de VIVER NO VETERINÁRIO. A melhor pedida é ela passar para alimentação natural, o que vai deixá-la MUITO mais saudável e sem essas manchas vermelhas, causadas pela saliva.

    36. Arcelina Diniz disse:

      3 de julho de 2012 às 18:00

      Olá!!!
      Meu cão adora cantar.
      Estava assistindo O Guarda Costa e quando a música chegou no refrão ele cantou junto, kkkk – Muito engraçado e esse repertório sempre ocorre quando está feliz e é estimulado aí que ele canta mesmo. kkkk!!!
      Isso é normal???
      Beijinhos caninos e obrigada…

    37. ivsoneide santos disse:

      8 de maio de 2012 às 18:21

      Adorei tudo isso, dicas e informações sobre nossos
      amados bichinhos!

    38. Ana Maria Perez Zamarian disse:

      28 de fevereiro de 2012 às 12:17

      Minha cachorrinha da raça cocker spaniel inglês tem 11 anos De uns tempos para cá lambe demais as patas ela tem muita alergia e forma feridas que ela coça muito e lambe.Será que é stress?O que fazer.Obrigada por sua atenção.

      • Mãe de Cachorro – Ana Corina disse:

        28 de fevereiro de 2012 às 12:38

        Pode ser, mas pode ser das alergias também. Seria bom conversar com o veterinário dela. De qualquer maneira, as dicas do post valem para te ajudar :)

    39. Como Adestrar Cachorro disse:

      30 de novembro de 2011 às 10:22

      Olá
      Estou montando um blog sobre adestramento e passei por aqui,gostei muito do site de vocês, bastante conteúdo e de utilidade. Parabéns

    40. anna carolinee disse:

      29 de novembro de 2011 às 17:34

      ola,Ana Corina!!venho lhe pedir uma resposta:na sexta feira ganhei uma cachorra que foi abandonada.no sabado, ela estava otima,brincando pulando, super alegre.mas no domingo ela estava super estranha:nao comia nem bebia nada,enfraqueceu,ficou muito magra,nao quis nem sair da casinha, so ficou deitada.na segunda fui ao vet. e descobri que ela estava com parvovirose. estou dando so soro caseiro,mas ela pouco tempo depois vomita, so ta que emagrece.e ai, ela vai sobreviver?o que tenho que dar a ela? Abraços

      • Mãe de Cachorro – Ana Corina disse:

        29 de novembro de 2011 às 17:46

        Oi Anna Caroline,

        Parvo é SUPER séria e não consigo entender como um veterinário só a mandou pra casa tomando soro!!! Leia este post e CORRA pra outro veterinário: http://www.maedecachorro.com.br/parvovirose-canina-entenda-o-que-e-e-como-evitar-e-tratar.html

        Leia tudo, mas separei para vc um trecho do post da Camilli que cito no meu texto que te indiquei acima:


        Existe tratamento?

        O tratamento é de suporte, ou seja, apenas para tratar os problemas causados pelo parvovírus até que o sistema imunológico do cão consiga eliminar o vírus. Por isso, a utilização de antibióticos que tratam a infecção intestinal secundária é comum, fluidoterapia para evitar a desidratação, medicação para controle de vômitos, etc.

        Embora o prognóstico seja reservado, principalmente para cães muito novinhos, quanto mais cedo o cão for internado, maiores as chances de que ele se recupere. Tratamento domiciliar não é uma boa idéia.

        Leia mais: http://www.blog.villechamonix.com/2010/11/parvovirose-o-bicho-papao-das.html#ixzz1f7qGSWdP

    41. DENISE ALMEIDA disse:

      23 de novembro de 2011 às 20:42

      EXISTE UMA RAÇA ESPECÍFICA QUE ENTERRA COISAS MESMO DENTRO DE APARTAMENTOS OU TODO CACHORRO AGE ASSIM?

    42. Déborah Leão disse:

      22 de novembro de 2011 às 17:12

      Boa tarde!
      Na verdade minha Nina não come cocô, mas sim brinca com ele… não posso nem deixa-lo em cima do jornal, pois ela faz do jornal mil pedaços e brinca com o cocô. O que eu posso fazer?!!
      Grata!

      • Mãe de Cachorro – Ana Corina disse:

        22 de novembro de 2011 às 22:28

        E o que você faz quando ela age assim? Provavelmente sua reação está sendo um estímulo para ela continuar, mesmo que seja uma bronca…
        Eu a tiraria de perto e a trancaria em outro cômodo e depois limparia tudo, sem falar nada, sem olhar pra ela, sem fazer contato visual. Depois a solte sem falar, sem olhar etc., tudo igual. Tente ignorá-la antes, durante e depois (por uns 10 minutos)…

        E eu usaria os produtos (ou Estibion em pasta, ou abacaxi, ou abóbora) na tentativa do cheiro das fezes desagradá-la a ponto de não querer brincar mais com elas!

        Tente e depois me conta, boa sorte! :D

    43. Maria Cecilia disse:

      25 de outubro de 2011 às 13:43

      Oi, tudo bem? Tenho um poodle porte medio de 2 anos de idade e nao castrado ainda. Ele tem um habito muito chato de lamber as partes intimas o tempo todo o que me causa constrangimento de ver isso todo momento. Teria alguma razao para que ele esteja fazendo isso? Sera que eh pq de uma certa maneira esta virando ”rapazinho”? Vamos castra-lo em 2 semanas e espero que esse pessimo habito tb desapareca. O que vc acha sobre isso? Obrigada e desculpe pela pergunta mas infelzimente eh a realidade!

    44. Dani disse:

      25 de outubro de 2011 às 11:27

      Esses dias, por conta de um cão com um problema parecido e que precisou de tratamento com uma quiroprata, vim a descobrir que este tipo de problema tambem pode ser causado por problemas de coluna ou ortopedicos.
      Cães que sentem as patas amortecidas as lambem como uma forma de “tirar” a sensação de amortecimento ou formigamento, ou até a dor que sentem.
      Achei bem interessante saber que a lambedura excessiva que é sempre vista como TOC pode ter outras causas que não são comportamentais.

    45. Káttya Miranda disse:

      24 de outubro de 2011 às 17:47

      Muito obrigada pela sua resposta tão rápida, eu estive lendo mais os seus post e achei que se encaixou bem em ela ter alergia a picada de pulgas. A veterinária me falou sobre isso, mais como eu passo frontiline todo mês nela achei que não seria possivel, mais ha uma grande possibilidade de ser isso pelas características. Muito obrigada mesmo!

    46. Káttya Miranda disse:

      24 de outubro de 2011 às 13:54

      Oi me desculpe está falando sobre esse assunto que nem tem a ver com seu post, mais realmente estou desesperada. Minha york teve filhotes e o pelo dela começou a cair muito, levei pra dar banho no pet e de sempre e um dia eu vi que ela estava com a pele da parte de trás muito avermelhada, passou 1 dia e no outro já tinha uma feridinha, e começou além de está vermelha, tem a feridinha que cresceu e ta como se fosse caspa em cima. Levei na veterinária e ela falou que podia ser fungo e me vendeu um shampoo(Cloresten) pra lavar 2 vezes por semana, já fiz o tratamento durante as duas semanas e nada de melhorar, por favor o que faço???

      • Mãe de Cachorro – Ana Corina disse:

        24 de outubro de 2011 às 16:21

        Oi Káttya,

        Problemas de pele geralmente demoram para apresentar resultados. Como sua cadela foi consultada por uma veterinária, caso você esteja em dúvida quanto ao diagnóstico feito e ao tratamento que ela receitou, a única coisa a fazer é procurar outro veterinário ou conversar mais longamente com ela, mostrando suas preocupações.

        Você pode pedir que ela faça um raspado para descobrir se sua cadelinha tem sarna demodécica, pode perguntar a ela se há chances de ser alergia à picada de pulgas ou se pode ser atopia.

        Se for mesmo fungo, algo que ajuda muito é dar fígado cru (de frango ou de boi). Se sua pequena não quiser comer cru, cozinhe um pouquinho em água apenas e depois jogue um pouco de azeite de oliva ou misture com outra comidinha que ela goste.

        Na verdade sua cadela, por ter tido filhotes, precisa de cuidados especiais, principalmente com relação à alimentação.

        Leia o post http://www.maedecachorro.com.br/2011/02/sarna-demodecica-dicas-naturais-para-vencer-a-doenca/ porque as dicas para a demodécica servem para aumentar a imunidade de sua cadela, mesmo que ela NÃO tenha a doença.

        Leia também: http://www.maedecachorro.com.br/2011/08/alergia-a-pulgas-sera-que-seu-peludo-sofre-com-ela/

        Boa sorte e não deixe de conversar mais com a veterinária ou de procurar outro profissional.

    Os comentários estão fechados.

  • Arquivo por data

  • Páginas

  • counter for wordpress
  • Assuntos

    Mãe de cachorro também é mãe!

    Todos os direitos reservados