• Receba os posts por e-mail:

    Soluço em cães: chatinho, mas passa!

    Mãe de Cachorro - Ana Corina | 19 de setembro de 2011
    Quando me pediram um post sobre soluços caninos em julho passado, lembrei do post sobre espirro reverso, que teve uma repercussão que eu nunca havia imaginado, com muitas pessoas escrevendo para agradecer via Facebook, Twitter e e-mail, pois nunca haviam tido resposta para algo que acontecia regularmente com seus peludos. Mas, ao contrário dos espirros reversos, soluços são facilmente reconhecíveis – embora sempre agoniantes – então talvez desta vez mais leitores já estejam por dentro do tema.
    Juliana Vaz, desculpe a demora, mas como o assunto era mais uma curiosidade do que uma necessidade, já que teu filhote estava bem, ficou na lista de pautas para posts e depois acabei escolhendo pedir um texto inédio ao dr. Marcos Fernandes, pois gosto muito do trabalho de veterinários homeopatas. Nas palavras do próprio dr. Marcos, ao responder meu e-mail com o texto: “Oi Ana, me perdoe a demora, mas não foi somente correria não, fui pesquisar sobre soluço e não encontrava quase nada, tanto que o texto ficou super pequeno. Espero que seja útil!”.

    O que é

    O soluço é um fenômeno reflexo que se manifesta por contração espasmódica e involuntária do diafragma, através do qual o ar expulso é eliminado juntamente com um ruído característico. O soluço em si nunca deve ser um motivo de preocupação, no entanto, se ocorrerem crises muito longas com mais de uma hora de duração, o médico veterinário deverá ser consultado.

    Possíveis causas

    Os quadros de soluço são frequentes em filhotes de cães e podem ser causados em função da ingestão de alimentos ou líquidos de forma rápida, especialmente em animais ansiosos, onde normalmente a rapidez da ingestão acaba pré-dispondo ao sintoma.
    As crises de soluço ao que se sabe podem ser desencadeadas através de situações de cansaço extremo ou estresse.

    Tratamento

    Basicamente, os soluços em cães são bastante inofensivos e fugazes. Eles geralmente desaparecem por conta própria, sem qualquer intervenção. No entanto, em casos mais prolongados pode-se utilizar de algumas técnicas que terão a finalidade de mudar o padrão respiratório dos animais.
    Forneça ao animal algum alimento sólido ou líquido e caso nenhuma das anteriores dê o efeito esperado, o ato de brincar com o animal, realizando brincadeiras ou mesmo passeios ou qualquer atividade de entretenimento, o distraindo ou alterando a sua respiração poderá dar um resultado satisfatório.
    Marcos Fernandes
    Separei para nós uma lindeza peluda soluçando, só para ilustrar o tema com um pouco de fofurice no nosso dia. Não dá vontade de encher de beijossss?
    Atenção!
    Plágio é crime federal previsto na Lei 9.610/98.
    Conheça a Licença de Uso do blog e saiba o que você pode fazer ou não com os posts do Mãe de Cachorro!

    19 Comentários:

    1. Renata disse:

      30 de dezembro de 2013 às 17:32

      Linda, muuuuito obrigada pelas dicas! Vou comprar o Fator P&P.
      Que seu 2014 seja abençoado, próspero e com muita saúde!
      Grande Aubraço e uma lambidinha da Zui

    2. Renata disse:

      28 de dezembro de 2013 às 21:29

      Olá, Maravilhosa! Amoooooo este site! Me ajuda muito. Hj, depois de passar óleo de neem puro em uma filhotinha de 2 meses de pug, a bonitinha começou a soluçar… Graças a vc, não surtei. Muuuuuito obrigada!

      • Mãe de Cachorro – Ana Corina disse:

        29 de dezembro de 2013 às 09:33

        Renata querida, cuidado com a aplicação do neem puro numa filhote tão nova e ainda por cima de focinho achatado. Por q vc aplicou neem nela? Em qual dose? Bjo

        • Renata disse:

          30 de dezembro de 2013 às 16:51

          Encontrei uma pulguinha nela. E praticamente molhei ela com o óleo. Não teve nenhuma reação. Tb passei na casa toda. Minha casa é de tacos de madeira, então melhor prevenir.
          O que posso usar nela que seja natural?
          Deus te ajude.
          Grande abraço

    3. TAIS FELIZARDO disse:

      25 de agosto de 2013 às 22:42

      Nossa muito útil para mim, estava preocupada com meu cachorrinho que tem quase dois meses, e vi ele soluçando e fiquei preocupada, mais encontrando essa pesquisa me ajudou muito! Deus Abençoe! Bjus

    4. virginia martins gonzaga disse:

      12 de agosto de 2013 às 11:33

      oi tb eu preciso saber se é normal meu cachorro filhote de 4 meses , respira muito rapido e o coração dele é desparado, quando ele dorme a noite parece que tem fata de ar, mais só que ele brinca muito com os outros aqui e come muito bem até de mais;rsrs.o veterinario disse que se ele vivi bem é normal, mais eu estou preucupada um abraço

      • Mãe de Cachorro – Ana Corina disse:

        16 de agosto de 2013 às 14:17

        Virgínia, olha… quem realmente pode saber disso é o veterinário, mas ele deveria examinar bem o filhote. Cães com dor, por exemplo, ficam com os batimentos cardíacos acelerados. Respirar rápido pode ser uma maneira dele regular a temperatura corporal. Se vc está em dúvida, leve seu filhote para uma consulta completa com outro veterinário que te dê mais segurança. Prefiro sempre os homeopatas ou holísticos…

    5. Elisangela Oliveira disse:

      2 de julho de 2013 às 05:36

      Olá…

      Acabei de virar mãe de um futuro cão guia. Ginger tem 8 semanas e vive soluçando. Embora eu já tivesse perguntado para a supervisora dela sobre o que fazer com os frequentes soluços, adorei ler a reportage, pois é muito simples e elucidadora, além do que ver o filme daquela fofura ajuda na identificação do problema.
      Obrigada
      Parabéns

      • Mãe de Cachorro – Ana Corina disse:

        2 de julho de 2013 às 11:02

        Que legal, Elisangela! Conte mais sobre como é ser mãe de um futuro cão guia. Onde vocês moram? Nossa, vamos fazer um post sobre a rotina de vocês e o treinamento do pequeno? Beijo!

    6. Geovane disse:

      20 de dezembro de 2012 às 10:43

      Muito bom a máteia , especialmente com esse video que tira a duvida de como ocorre. Parabéns

    7. ale disse:

      21 de novembro de 2012 às 00:39

      Minha cadelinha da raça boxer, de 4 meses, simplesmente surta quando falamos com ela! Estamos tentando ensina-la a ser mais calma, mas aí surgem os soluços, no começo me preocupei, mas ela ja esta obedecendo alguns comandos…

      • Mãe de Cachorro – Ana Corina disse:

        21 de novembro de 2012 às 14:30

        Hummmm, mas que estranho. Ela surta TODA vez em que um humano faz contato? O que houve com esta pobrezinha nos seus poucos 4 meses de vida??

    8. Érica Crika disse:

      20 de agosto de 2012 às 01:00

      Tenho um cãozinho Lindo Lhasa Apso de 2 meses, achei uma gracinha ele soluçado mais fiquei preocupada, vim pesquisar e vcs me ajudaram mto. Obrigada! Ah, e o soluços passou rapidamente mas ja aconteceu mais de uma vez. Devo dizer ao veterinário? Abraços

      • Mãe de Cachorro – Ana Corina disse:

        20 de agosto de 2012 às 07:49

        Olha, de acordo com o texto, é normal naquelas condições e passa depois dele ficar adulto. Mas é sempre legal manter o veterinário informado de tudo, né? :) Eu falaria. Bjo.

    9. frima rosemberg disse:

      17 de março de 2012 às 13:36

      Oi Ana Corina
      Acompanho vc, e suas matérias são o máximo
      Estou em Israel,tenho o Bruce com 3 anos,está com excesso de peso,preciso que ele perca 2kg,para que possa viajar comigo parao Brasil,embaixo do meu assento.Vaso não consiga terá que ir na carga.
      Sabe como é,Mãe de Cachorro também é Mãe,e viajar horas com conexão nao vou aguentar!!!Bjosss e obrigado.

      • Mãe de Cachorro – Ana Corina disse:

        17 de março de 2012 às 13:46

        Oi, querida, QUE LEGAL você me lendo de tão longe, adorei! Olha só, aqui no rodapé do blog tem as categorias por assunto. Procure Obesidade e Alimentação Natural e bote seu Bruce no regime :)
        Beijo e se precisar de algo, é só pedir!

    10. Anonymous disse:

      14 de outubro de 2011 às 20:17

      Tenho uma bebê poodle mini de 4 meses e ela soluça frequentemente, acredito que por ela comer muito rápido visto que é muito levada e come rapido demais para poder ir brincar

    11. Estrela disse:

      22 de setembro de 2011 às 23:12

      Ahhhh…
      É uma gracinha!Eu não saberia como cuidar de soluços. Nunca os vi em animais,até agora.
      Aubração!

    Os comentários estão fechados.

  • Arquivo por data

  • Páginas

  • counter for wordpress
  • Assuntos

    Mãe de cachorro também é mãe!

    Todos os direitos reservados