• Instagram do Mãe de Cachorro

    Instagram
  • Receba os posts por e-mail:

    Echol, o basset hound doador de sangue!

    Mãe de Cachorro - Ana Corina | 22 de setembro de 2011

    Vocês acham que só os grandões doam sangue e ajudam seus AUmiguinhos? Conheçam a história do Echol, um basset hound fofo e solidário que ajuda a salvar vidas no Rio Grande do Sul! A Karen, mãe do Echol, deixou comentário no Facebook sobre o post Como funciona o sistema de bolsas de sangue para cães? e pedi a ela que nos contasse um pouco do seu cão doador, para que outras pessoas possam se animar a fazer o mesmo! Se você tem um cão doador de sangue e quer nos contar sua história, envie o relato com fotos para anacorina@maedecachorro.com.br

    De: Karen Winterle
    Para: anacorina@maedecachorro.com.br
    Enviadas: Quinta-feira, 15 de Setembro de 2011 10:51
    Assunto: Cãe doadores de sangue – Porto Alegre

    Oi, Ana Corina!

    Há algum tempo atrás, uma amiga estava em desespero porque a mascote do seu filho, um cão da raça labrador, estava muito doente e precisando de cães que pudessem doar sangue para as transfusões. Entrei em contato com o LACVet – Laboratório de Análises Clínicas Veterinárias da UFRGS, para me informar melhor do procedimento.

    Levei meus dois cães, Echol e Leopoldo, mas somente o Echol se enquadrou nas exigências para a coleta. Leopoldo, tadinho, foi considerado obeso só pela apalpação, mas até hoje me questiono se ele realmente não estaria apto a doar sangue, visto que todo basset hound "veste um casaco" muito maior do que necessita, ou seja, sobram dobras de pele. :p Echol, apesar de mais pesado, tem a musculatura mais aparente.

    Echol foi submetido à coleta de sangue para realizar o hemograma, e fiquei passeando com eles pelo campus da universidade enquanto aguardava o resultado. Feito isso e com a aprovação do exame, Echol foi conduzido uma sala, onde pacientemente observava os procedimentos que faziam nele para a coleta, que trancorreu na mais completa paz. Ao final do procedimento, foi colocado uma faixa elástica no pescoço dele e lhe ofereceram uma bela refeição úmida, dessas de latinha, que obviamente ele não recusou! – "Missão cumprida! Podemos voltar para casa!" – Echol ainda foi presenteado com uma caixa de vermífugo!

    Neste mesmo dia, enquanto aguardava, um senhor chegou com dois labradores, aparentemente saudáveis, que também estavam ali para doação de sangue. Quando chegou o resultado do hemograma dos dois cães, uma pessoa da equipe veio conversar com ele pois os cães foram recusados, devido ao baixo número de plaquetas, que indicavam princípio de anemia. Orientaram este senhor quanto à alimentação de seus cães e agradeceram sua boa vontade. Isso me fez pensar em várias coisas, em especial, que a boa vontade deste senhor em ajudar, pode ter salvo a vida dos próprios cães.

    Site para mais informações:

    http://www6.ufrgs.br/favet/lacvet/hemoterapia.php

    Em anexo, algumas fotos do Echol durante o procedimento, as informações sobre este trabalho, e uma fotinho dele que fiz para divulgar este trabalho que me fez repensar em muita coisa na vida .

    Um abraço, e parabéns pela divulgação deste serviço. Nunca se sabe quando um dos nossos irá precisar…

    Karen Winterle

    Clique nas imagens para ampliá-las.

    Categoria: Doação de sangue
    Atenção!
    Plágio é crime federal previsto na Lei 9.610/98.
    Conheça a Licença de Uso do blog e saiba o que você pode fazer ou não com os posts do Mãe de Cachorro!

    1 Comentário:

    1. Anonymous disse:

      25 de setembro de 2011 às 20:58

      sabe….adorei o site de vocês sou veterinaria…tenho uma clinica aqui no rio de janeiro e outra em nova york..adorei a materia sobre doar sangue

    Os comentários estão fechados.

  • Arquivo por data

  • Páginas

  • counter for wordpress
  • Assuntos

    Mãe de cachorro também é mãe!

    Todos os direitos reservados