• Instagram do Mãe de Cachorro

    Instagram
  • Receba os posts por e-mail:

    EXCLUSIVO: Entrevista com Olga Gonorovsky, a mãe de cachorro russa que pinta Frenchies de maneira linda, linda…

    Mãe de Cachorro - Ana Corina | 14 de julho de 2011

    Lembram dos desenhos lindos que a Olga Gonorovsky fez em homenagem a sua cadelinha Zhuzha, falecida em 2010? (Não lembra? Clique aqui então)

    Pois acabamos ficando amigas através do Facebook e pedi a ela que nos concedesse uma entrevista falando um pouco de sua vida e trabalho, já que tanta gente – como eu – ficou embevecida e curiosa com suas lindíssimas imagens, que mais do que beleza, transmitiram o sentimento da dor da separação física de nossos amores de patas.

    Abaixo, segue o texto da Olga para nós, obviamente traduzido por mim. Ela acabou não respondendo minhas perguntas uma a uma e fez um texto só. Espero que gostem!

    EXCLUSIVO para o Mãe de Cachorro:
    Olga Gonorovsky por ela mesma:

    “Tenho 51 anos de idade e moro em uma pequena cidade perto de Moscou (Rússia). Meu marido é roteirista de cinema, tenho um filho de 25 anos que já é casado e que não mora conosco. Pinto por hobby, é minha recreação, minha diversão. É maravilhoso ver que meus desenhos trazem alegria a outras pessoas. Não sou criadora de cães, mas sou amiga de uma criadora de Bulldogues Franceses, Olga Zabroda, do canil Zon Miracle. Todos os meus cães têm sua supervisão e já estamos na 4ª geração. Meu primeiro Frenchie foi comprado há 12 anos. Fuka, Zhuzha e Lelka nasceram em minha casa e Zhuzha é filha de Fuka. Eu a escolhi, dentre 5 filhotes fêmeas, por sua ternura, amabilidade e beleza. Zhuzha era o cão da minha alma. Ela sempre dormia comigo, no travesseiro, acima da minha cabeça. Hoje, nenhum dos meus outros cães faz isso. Por seis meses lutamos contra o câncer dela, mas perdemos. Ela tinha apenas 4 anos e meio quando faleceu. Lelka, irmã de Zhuzha, é parecida com ela em algumas situações e também na aparência e temperamento, o que me serve de consolo… Hoje vivo com quatro Frenchies, Gulka (10 anos), Fuka (8 anos), Lelka (3 anos) e Vatka (2 anos).”
    ps: Para quem souber ler em inglês, veja que interessante o aviso da criadora dos cães de Olga chamando atenção para a compra responsável. Para tanto, clique aqui. Achei importante chamar atenção para este texto porque o crime praticado nas fábricas de filhotes e pelos comerciantes de filhotes existe, infelizmente, em todo mundo. Mas fiquei feliz em perceber que a amiga da Olga parece estar entre as raríssimas exceções de pessoas que merecem o título de “criador de cães”. Se eu gostaria que mais nenhum cão/gato fosse vendido/comprado no mundo inteiro? Sim, adoraria. Até porque eu jamais teria coragem de botar um serzinho no mundo e não ficar com ele, mas esta é uma percepção/decisão minha, pessoal e baseada nas minhas vivências e personalidade. Mas a vida real não é esta e se conseguirmos que as pessoas realmente interessadas em comprar cães e gatos o façam apenas de verdadeiros criadores, com certeza já teremos um grande avanço na destruição das fábricas de filhotes e no comércio puro e simples de cães e gatos. Abaixo traduzo um pedaço do texto da criadora que reforça minha percepção de que ela realmente não é apenas mais uma pessoa sobrevivendo às custas de animais.
    “Se você vir a oferta de uma ninhada inteira à venda, saia correndo! Provavelmente é uma fábrica de filhote ganhando dinheiro em cima do seu amor pelos cães. Não importa quantos cães adultos o canil tenha, mesmo com poucos ele pode ser uma fábrica de filhotes. Conheço canis famosos na Dinamarca, Holanda, Bélgica e outros países que possuem 15, 20 cães ou até mais. Mas todos vivem em casa, convivendo em família, têm excelente tratamento e boa alimentação. Nós nunca lidamos com atravessadores e pet shops, nunca vendemos nossas ninhadas inteiras – embora as ofertas sejam constantes. Nós apenas vendemos nossos filhotes diretamente para o comprador e continuamos a acompanhar sua vida depois da venda.”
     

    Plágio é crime e está previsto no artigo 184 do Código Penal.

    Categoria: Entrevistas, Fazenda de Filhotes (Puppy Mill)
    Atenção!
    Plágio é crime federal previsto na Lei 9.610/98.
    Conheça a Licença de Uso do blog e saiba o que você pode fazer ou não com os posts do Mãe de Cachorro!

    1 Comentário:

    1. teresa lacerda disse:

      3 de novembro de 2011 às 11:59

      Adoro estas noticias e dicas sobre nossos melhores amigos. Tenho um leao da rodesia com quase 13 anos que nos faz grande companhia. Trato dele com todo o carinho pois ele merece isso.

    Os comentários estão fechados.

  • Arquivo por data

  • Páginas

  • counter for wordpress
  • Assuntos

    Mãe de cachorro também é mãe!

    Todos os direitos reservados